Acesso Rápido

    Growth Stocks: como encontrar ações com potencial de crescimento?

    Growth Stocks: como encontrar ações com potencial de crescimento?

    Com o aumento do número de empresas de crescimento, principalmente no setor de tecnologia, muitos investidores buscam pelas growth stocks na bolsa de valores. Afinal de contas, essas são ações de empresas que apresentam altos índices de crescimento.

    Contudo, é preciso deixar a paixão de lado e analisar criteriosamente as growth stocks. Isso porque, como elas são companhias normalmente negociadas com múltiplos altos, é preciso ter cuidado para não pagar muito caro por elas e fazer um investimento ruim.

    O que são growth stocks?

    As growth stocks são ações de empresas que apresentaram um alto CAGR (Compound Annual Growth Rate) na maior parte de suas linhas de resultado. Ou seja, aquelas que tiveram alto crescimento em receitas de vendas e no lucro.

    Na maior parte das vezes, esse tipo de empresa está inserida no ramo tecnológico, já que o crescimento no meio digital costuma não possuir tantas barreiras de escala e, obviamente, de crescimento.

    Contudo, vale lembrar que existem também as growth stocks inseridas em outros setores, principalmente naqueles em grande expansão, como:

    • Bancos digitais;
    • Aluguel de veículos;
    • Mercado animal/pet.

    E por estarem inseridas em ramos da economia que passam por grande crescimento, as empresas growth stocks também têm como característica o aumento constante de seus resultados nos últimos períodos.

    Assim, ao longo das apresentações de resultado, não é incomum que essas companhias apresentem crescimento de 50%, 100% ou até mais em suas linhas da DRE (Demonstrativo de Resultado do Exercício). Isto, obviamente, tende a agradar bastante os investidores e o mercado em geral.

    A grande questão é que, por conta do alto crescimento passado, os investidores passam a esperar que as growth stocks continuem a apresentar alto crescimento no futuro. Este fato, então, faz com que as ações dessas companhias sejam negociadas com altos múltiplos.

    Em outras palavras, os investidores tendem a aceitar pagar mais caro pelo lucro do presente da empresa na expectativa que esse resultado aumente consistentemente ao longo do tempo. Com isso, observa-se ações growth sendo negociadas a 30x, 50x ou até mais de 100x o lucro atual, e também várias vezes o valor patrimonial (VPA).

    Por conta desse ágio expressivo, é possível afirmar que as growth stocks costumam ser mais arriscadas. Afinal, caso o crescimento futuro não seja concretizado, o investidor pode acabar perdendo muito dinheiro e tendo uma péssima rentabilidade sobre o capital investido.

    Exemplos de growth stocks

    Para compreender na prática o que são as empresas growth, vale conferir alguns exemplos de growth stocks. E, como foi colocado, a maior parte dessas companhias costumam ser do setor de tecnologia, que é mais escasso no Brasil e mais comum em outros países, principalmente nos Estados Unidos.

    No mercado norte-americano, existem diversas growth stocks americanas de capital aberto na bolsa que estão presentes em nosso dia-a-dia. Por exemplo, o Facebook, a Alphabet, a Microsoft e a Amazon.

    No Brasil, alguns exemplos de growth stocks negociadas na B3 (Brasil, Bolsa, Balcão) são:

    Banco Inter (BIDI11)

    Uma das principais growth stocks brasileiras é o Banco Inter (BIDI11). Fundado em 1994 em Belo Horizonte, a instituição iniciou no mercado bancário de forma tradicional, oferecendo crédito e serviços para pessoas físicas e pessoas jurídicas.

    Posteriormente, o Banco Inter alterou sua proposta de valor e se transformou em um banco digital, com o foco no oferecimento de serviços com custo zero para seus clientes. Desta forma, a empresa surfou um longo período de recordes de abertura de contas correntes.

    Obviamente, com mais correntistas em sua base, o mercado começou a precificar um grande crescimento para o resultado do banco para o futuro. Não é à toa que suas ações se multiplicaram várias vezes no mercado desde o IPO (Initial Public Offering) em 2018 e passaram a negociar a múltiplos altos.

    Petz (PETZ3)

    Outra empresa considerada growth no mercado de capitais brasileiro é a Petz (PETZ3). Inserida em um mercado bastante fragmentado e com alto potencial de crescimento, a empresa de Pet Shop abriu capital na bolsa em 2020 em meio às dezenas de aberturas de novas lojas a cada trimestre.

    Devido à fragmentação do seu mercado, com muitos players pequenos, a Petz possui alta capacidade de ganho de market share. Além disso, o seu setor possui um mercado ainda relativamente pequeno e que está em alto crescimento.

    Por conta disso, a cada trimestre a Petz é capaz de apresentar números robustos de crescimento de receitas e de lucro, em meio ao aumento do número de lojas no país e das vendas pelos seus canais digitais.

    Abaixo, é possível conferir a evolução da cotação das ações da empresa na bolsa no ano após seu IPO e também a relação P/L (preço lucro) da companhia, que chegou ultrapassar as 200x:

    growth stocks

    Locaweb (LWSA3)

    Por fim, mais um exemplo de growth stock na B3 é a Locaweb (LWSA3), que também abriu capital na bolsa em 2020. A empresa atua no segmento de tecnologia, com o oferecimento de serviços de hospedagem de site, e-mail corporativo e computação na nuvem.

    Para aproveitar o “boom” das empresas de crescimento, a Locaweb abriu capital em fevereiro de 2020 e viu suas ações subirem na faixa dos 400%. Abaixo, é possível verificar a cotação dos papéis da companhia:

    growth stocks

    Como encontrar growth stocks?

    growth stocks

    Depois de verificar o potencial de crescimento das ações growth, não é surpresa esperar que os investidores tenham desejo de saber como encontrar growth stocks. E não só isto, mas como selecionar as melhores companhias desse segmento.

    Abaixo, portanto, algumas das formas de como encontrar growth stocks do mercado:

    Selecionar as empresas de crescimento

    O primeiro passo para encontrar as growth stocks é selecionar as empresas de alto crescimento do mercado. Afinal de contas, para ser considerada growth, é preciso que a companhia tenha ao menos obtido algum tipo de aumento em seus resultados, ao menos na linha de receita.

    Isso porque muitas vezes as empresas de crescimento abrem mão de lucro no presente para conseguir aumentar as primeiras linhas do resultado (top lines), como a receita bruta e a receita líquida, e ter chances de um lucro exponencial no futuro. Este foi o caso, por exemplo, da Amazon, que teve prejuízo por muito tempo antes de se tornar uma empresa lucrativa.

    Assim, uma alternativa para conseguir encontrar as growth stocks é filtrar quais foram as companhias com o maior CAGR (Compound Annual Growth Rate), ou taxa de crescimento anual composta, em suas linhas de resultado.

    Avaliar os fundamentos das vias de crescimento

    O segundo aspecto que deve ser levado em consideração na hora de analisar uma growth stock com potencial é avaliar os fundamentos das vidas de crescimento da empresa. Afinal, como existem muitas expectativas de crescimento nessas companhias, é preciso ter convicção que ela realmente terá capacidade de crescer.

    Dessa forma, para avaliar os fundamentos do crescimento da empresa growth, o investidor deve avaliá-la nos três segmentos de crescimento que toda companhia possui. São eles:

    A avaliação dessas três vias de crescimento será fundamental para entender se determinada growth stock estará preparada para aumentar seus resultados no futuro e ser um bom investimento.

    Fazer o valuation da empresa

    Por fim, o último passo na avaliação de uma ação growth é fazer o bom e velho valuation da empresa. Afinal de contas, de nada adianta pagar exageradamente caro por uma companhia que não terá um crescimento compatível com o alto preço de suas ações.

    Então, é utilizando os métodos de valuation que o investidor poderá determinar se pagar mais caro por uma empresa no presente realmente valerá a pena, ou não. Nesse sentido, é preciso ressaltar que naturalmente o preço de growth stocks no mercado será mais alto que o de ações value.

    Ou seja, não há porque se iludir e acreditar que será fácil encontrar companhias de alto crescimento negociando a múltiplos baixos. Contudo, também não é factível deixar as contas de lado e pagar qualquer preço por um crescimento, muitas vezes, incerto.

    E então, conseguiu entender mais sobre o que são e sobre como encontrar as growth stocks? Deixe abaixo suas dúvidas e comentários sobre esse assunto.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *