Acesso Rápido

    Bitcoin Cash: o que é e qual a diferença para o Bitcoin original?

    Bitcoin Cash: o que é e qual a diferença para o Bitcoin original?

    Em geral, investidor deseja ter uma careira de ativos que gere mais retorno ao longo dos anos. Para isso, eles alocam parte do capital em diferentes classes de investimentos que, apesar de arriscados, podem trazer lucro. Dentre essas modalidades, estão as criptomoedas, como o Bitcoin Cash.

    Apesar da semelhança no nome, as criptomoedas Bitcoin Cash e o Bitcoin não são iguais, apresentando características que podem atrair diferentes tipos de investidores.

    O que é Bitcoin Cash?

    Bitcoin Cash é uma criptomoeda criada em 2017 a partir da separação ou bifurcação (hard fork, em inglês) do Bitcoin. Sendo assim, os blocos ficaram maiores e mais transações podem ser processadas.

    Apesar de ter sido criada como uma “divisão” do Bitcoin original, as criptomoedas apresentam particularidades entre si, o que as tornam moedas virtuais distintas.

    Como surgiu o Bitcoin Cash?

    Em meados de 2017, iniciou-se debates nos fóruns e demais comunidades de entusiastas do Bitcoin sobre a necessidade de aumentar o número de transações por segundos da criptomoeda.

    Isto porque, com o Bitcoin original, os usuários precisavam esperar mais que um dia para as transações serem devidamente registradas no blockchain.

    Para tornar essas transações mais rápidas, o processo SegWit (Segregated Witness) foi adotado.

    Basicamente, no SegWIT o limite de tamanho do “bloco” em um blockchaim é aumentado, removendo dados de assinatura de transações. Assim, há uma liberação de espaço e uma expansão de capacidade de adicionar mais transações a cadeia.

    Como essa proposta não foi unânime na comunidade Bitcoin, foi feito um hard fork no Bitcoin, em outras palavras, a origem do Bitcoin Cash foi a partir do próprio Bitcoin.

    Qual a diferença entre o Bitcoin e o Bitcoin Cash?

    Surgido do Bitcoin original, o Bitcoin Cash apresenta algumas particularidades que o caracterizam como uma criptomoeda única.

    A principal diferença é o tamanho máximo de bloco permitido, que no BCH é muito menor, para conseguir proporcionar transações mais rápidas.

    Além disso, a taxa de transação de Bitcoin custa cerca de US$2, enquanto a taxa do Bitcoin Cash é de US$0,50.

    O BCH ainda possui algumas funções adicionais (Opcodes), entre outros comandos desativados no Bitcoin.

    Vale a pena investir em BCH?

    As criptomoedas, no geral, vêm despertando a atenção dos investidores pelos crescimentos exponenciais registrados.

    No entanto, é preciso ter muito cuidado, afinal, rendimento passado não é certeza de um rendimento futuro.

    Isso não quer dizer que as criptomoedas, inclusive o Bitcoin Cash, não tenham grande potencial de valorização.

    No entanto, é importante deixar claro que são ativos muito mais arrojados até mesmo se comparado com ações da bolsa de valores.

    Por isso, para investir no Bitcoin Cash, é preciso analisar bem o ativo e a composição da sua carteira.

    Além disso, uma boa opção para não ter que ficar acompanhando o preço do Bitcoin Cash ou de qualquer outra criptomoeda, existem os ETFs de criptomoeda, como o HASH11 negociado na B3.

    Dessa forma, o investidor não fica preso a desempenho de apenas uma criptomoeda específica, mas tem um ativo que representa o rendimento do mercado de criptomoeda na totalidade.

    Ficou alguma dúvida sobre o Bitcoin Cash? Deixe nos comentários abaixo.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *