Acesso Rápido

    Preço justo: saiba como é determinado o preço justo para uma ação

    Preço justo: saiba como é determinado o preço justo para uma ação

    Uma das maiores dificuldades encontradas na hora de investir em ações na bolsa de valores é descobrir o preço justo da ação.

    Nesse sentido, o investidor que deseja começar a investir, deve saber como descobrir o preço justo de um ativo e saber fazer o valuation de empresas.

    O que é preço justo?

    O preço justo é o valor intrínseco de um ativo. Entre outras palavras, o preço justo é uma estimativa. Muitas vezes este preço justo é consideravelmente maior ou menor do valor pelo qual o ativo é negociado. São nessas ocasiões, então, que surgem as oportunidades de comprar e vender ativos.

    O valuation, é importante salientar, está longe de ser uma ciência exata. É normal as pessoas possuírem valores justos diferentes para um mesmo ativo.

    A avaliação depende de inúmeras premissas, muitas delas subjetivas, tais como a taxa de crescimento do lucro da empresa nos próximos anos. Por isso, é praticamente impossível precisar o valor justo de uma ação com 100% de precisão.

    No entanto, através do correto uso das técnicas de valuation, é possível estimar o valor justo. E, caso este valor justo forneça uma boa margem de segurança, é possível comprar uma ação e obter lucro no mercado.

    Por exemplo, suponha que através de um valuation um investidor determinou que o valor justo de uma ação é de R$ 15. E, suponha também, que esta ação é negociada no mercado por apenas R$ 10.

    No entanto, se a ação estivesse custando R$ 14,50 no mercado, o investidor não teria uma margem de segurança adequada para realizar a compra. Pois este valor é muito próximo do valor justo estimado.

    A margem de segurança é, de acordo com grandes investidores, um dos conceitos mais importantes do mundo dos investimentos.

    Para definir o preço justo existe uma ferramenta que pode ajudar. É através da técnica de valuation que é possível descobrir o preço justo da ação.

    Como calcular o preço justo da ação

    Existem algumas maneiras de fazer o valuation de uma empresa, sendo que há duas aplicações do preço justo, mais comuns, são:

    • Valuation por múltiplos;
    • Valuation por fluxo de caixa descontado.

    Valuation por múltiplos

    O valuation pode ser feito através dos indicadores de mercado das empresas, tais como a relação preço / lucro da ação. Quando o investidor detém esses indicadores, ele pode comparar com empresas similares.

    Ou ainda comparar com o histórico de indicadores da própria empresa. Se esses indicadores estiverem mais atrativos em relação à média histórica e em relação ao de empresas similares, isto pode sinalizar uma oportunidade de compra.

    Valuation por fluxo de caixa descontado

    Este é o modelo mais consagrado de valuation. Através dele é estimada toda a expectativa de fluxo de caixa futuro da empresa. Este fluxo de caixa é, então, colocado em valor presente através do uso de uma taxa de desconto.

    O investidor deve ter muita diligência ao estimar o crescimento do fluxo de caixa da empresa. Principalmente na perpetuidade. Além disso, é importante o uso de uma taxa de desconto adequada ao risco do negócio. Esse modelo é muito sensível a oscilações nas variáveis.

    No entanto, quanto utilizado por profissionais experientes e capacitados costuma apresentar bons resultados. Assim, é possível obter o preço justo de ações.

    Qual é a importância de identificar o preço justo de uma ação?

    Antes de realizar qualquer tipo de investimento, é comum ver as pessoas analisando e estudando a compra.

    Dependendo dos valores da negociação, a análise e estudo podem ser ainda mais extensos. Tudo isso ocorre na tentativa de reduzir ao máximo eventuais riscos que tal aquisição possa gerar.

    Como o investimento em si, é um risco, a avaliação de preço justo aparece como uma forma de tentar mitigar eventuais riscos que tal investimento possa gerar ao comprador.

    Um ativo que está sendo negociado a um preço abaixo do seu valor patrimonial, por exemplo, pode estar precificado de tal forma que já compete ao preço, eventuais problemas que o ativo possa contrair no futuro. Esse tipo de coisa pode ser diagnosticada no valuation.

    Outro ponto está baseado em ativos negociados a múltiplos acima da média do próprio setor, mas, por se tratar de uma empresa pioneira no ramo, ainda sim, está barato.

    Quando bem desenvolvido o valuation, o preço justo se torna um guia para o investidor. Você entendeu o que é o preço justo? Tem dúvidas? Então deixe uma pergunta.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    5 comentários

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • Cleiton Owen 4 de janeiro de 2020

      P/L x P/VP tem que ser no máximo = 22.5
      Multiplica esse valor encontrado… por LPA e pelo VPA. O resultado dessa multiplicação deve se tirar a RAIZ quadrada. Assim encontra o preço justo!?

      Responder
      • Suno Research 7 de janeiro de 2020

        “O valuation, é importante salientar, está longe de ser uma ciência exata. É normal as pessoas possuírem valores justos diferentes para um mesmo ativo”

        Não existe uma fórmula ou um meio de ter uma resposta exata para essa pergunta, você deve olhar os vários indicadores e tentar chegar a um valor no qual aquele ativo seja interessante para você.

        Responder
    • Tadeu 5 de maio de 2020

      Boa tarde, no meu entendimento é necessário adaptar esta fórmula de Benjamim Grahan a realidade brasileira, por exemplo:

      TAXA SELIC ATUAL: 3,75%
      P\L = 13.34 (ESTE VALOR CORRESPONDE A UM PODER DE LUCRO L\P DE APROXIMADAMENTE 7,50%, OU SEJA, O DOBRO DA TAXA SELIC, DANDO ASSIM, UMA MARGEM DE SEGURANÇA DE 100%.
      P\VP= 1,5
      P\L X P\VP= 20.01(COM BASE NESTE VALOR FAZER OS CÁLCULOS PARA DETERMINAR O PREÇO JUSTO DA AÇÃO)

      Responder
    • igor 22 de março de 2021

      O que dizer sobre 16,67 x o valor do rendimento ?

      Responder
      • Suno Research 23 de março de 2021

        Olá, Igor! Tudo bem?
        Onde consta isso?
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder