Acesso Rápido

    Avaliação de ativos: entenda como analisar o valor dos ativos de uma empresa

    Avaliação de ativos: entenda como analisar o valor dos ativos de uma empresa
    avaliacao-de-ativos

    Em uma empresa, existem várias operações essenciais para se alcançar uma gestão eficiente que permita o alcance das metas estabelecidas. Um desses processos, diretamente ligado ao patrimônio da organização, é a avaliação de ativos.

    A avaliação de ativos é uma operação que deve ser realizada minuciosamente, a fim de evitar enganos. Isso porque os ativos são avaliados de diferentes formas, de acordo com sua espécie, ao passo que sua avaliação permite saber o valor de uma empresa ou uma marca.

    O que é avaliação de ativos?

    A avaliação de ativos é uma operação de gestão patrimonial que objetiva determinar um valor real aos bens, adequando-os à realidade do mercado. Ela consiste em  uma atividade contábil que avalia e atualiza com exatidão os valores de bens e direitos da empresa

    Logo, a atividade de avaliação de ativos em uma empresa envolve a avaliação patrimonial, necessária para, por exemplo, vendas ou fusões. A avaliação patrimonial pode se dar por solicitação jurídica ou para simplesmente verificar o real valor do patrimônio da organização.

    Como funciona a avaliação de ativos em uma empresa?

    Existem três formatos básicos para avaliação de ativos em uma organização. São eles:

    1. Avaliação de ativos imediata: avaliação realizada no caso de haver urgência, por exemplo para venda de imóveis, reestruturação ou requisição de seguros;
    2. Avaliação de ativos anual: avaliação de bens que têm seus valores alterados conforme o mercado.
      Estes valores devem se manter atualizados, representando valores reais;
    3. Avaliação de ativos de longo prazo: avaliação cabível no caso de o mercado se mostrar relativamente estável ou o ativo sofrer poucas oscilações de valor. Assim, este tipo de reavaliação de ativos pode ser realizado em intervalos de anos.

    Tipos de ativos patrimoniais

    avaliação de ativos

    Existem diferentes tipos de ativos que podem ser contabilizados em uma avaliação de ativos. São eles:

    • Ativos imobilizados: maquinário e móveis da empresa, material de escritório e semelhantes. O registro é obtido ao diminuir a depreciação que foi acumulada do custo da compra. Esse cálculo deve levar em conta a vida útil do ativo, sendo que o valor do imobilizado é passível apenas de diminuição, mas não de aumento;
    • Terrenos: aqui temos um custo estimado historicamente. Um terreno não pode sofrer depreciação, mas também não se valoriza mesmo que haja aumento do valor de mercado;
    • Títulos de investimento: advindos de investimentos, de negociações ou então passíveis de venda. Devem ser contabilizados de acordo com seu valor de mercado;
    • Estoque: o que se comprou para vender. Contabilizado de acordo com o preço pelo qual foi adquirido. Tais itens têm valor diminuído se ficarem obsoletos ou apresentarem danos. Não podem obter valorização;
    • Lucro líquido: expressa a diferença entre o real valor dos ativos e o valor contábil. Esse último estima valores baseados em uma administração da empresa que se mantenha inalterada. Em caso de cogitar a venda da organização, é recomendável buscar uma avaliação financeira profissional;
    • Fundo de comércio: ativos sem tangibilidade que adicionam valor à organização. Por exemplo: clientes fidelizados, equipe eficiente e valoração da marca. A avaliação desse tipo de bens em geral ocorre apenas em operações de compra e venda de organizações.

    Como a avaliação de ativos deve ser feita?

    É recomendável que seja realizada uma reavaliação de ativos periodicamente, visto que os valores desses ativos podem mudar conforme o mercado e outros contextos.

    Para uma avaliação mais eficiente dos ativos de uma organização, recomenda-se a contratação de uma consultoria financeira especializada em gestão patrimonial.

    Assim, ela identificará com maior precisão os reais valores de mercado dos bens, além de fornecer orientações em relação à operacionalização e a estratégias da empresa.

    Para entender melhor sobre como utilizar a avaliação de ativos para estudar um investimento, baixe gratuitamente o nosso curso de Contabilidade para Investidores e aprenda tudo sobre como analisar o patrimônio de uma empresa.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    1 comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • Djaldir 30 de junho de 2019

      Boa tarde.Qual o valor de uma empresa em que só se sabe os valores do ativo imobilizado em determinada data e a despesa de aluguel mensal?

      Responder