Ibovespa fecha próximo da estabilidade em dia de Thanksgiving nos EUA

Ibovespa fecha próximo da estabilidade em dia de Thanksgiving nos EUA
Na última sessão, o Ibovespa fechou em leve alta de 0,32%, a 110.132,53 pontos

O Ibovespa hoje encerrou o pregão próximo da estabilidade, com uma leve alta de 0,09%, a 110.227,09 pontos, em dia de Thanksgiving nos Estados Unidos, que manteve as bolsas de Nova York fechadas.

O Ibovespa hoje fechou a sessão desta quarta-feira (26) com um pequeno passo para frente em meio a falta de liquidez devido à ausência dos mercados norte-americanos.

Veja o que mexeu com o mercado hoje:

  • Highline vence leilão das torres da Oi e Piemonte leva data centers
  • Plano para 2021 a 2025 da Petrobras tem foco em reduzir dívida
  • Subsidiária Cemig compra 49% de sete ativos de geração solar
  • BR Distribuidora (BRDT3) compra empresa de energia elétrica Targus
  • Taurus volta a valer mais de R$ 1 bilhão

Leilão da Oi

No leilão da Oi (OIBR3), ocorrido na tarde desta quinta-feira, a Highline foi declarada a vencedora no leilão das torres de telefonia móvel, com a, única, oferta vinculante de R$ 1,067 bilhão. O Pátria Investimentos até chegou a se habilitar para a disputa, porém não apresentou proposta pelos ativos da Oi.

Enquanto isso, a unidade produtiva isolada (UPI) de data centers da operadora foi arrematada pela Piemonte Holding pelo valor de R$ 325 milhões.

Plano para 2021 a 2025 da Petrobras

A Petrobras (PETR4) divulgou seu Plano Estratégico para o período de 2021 a 2025, ressaltando que pretende eliminar a lacuna de desempenho que a separa dos concorrentes internacionais de óleo e gás.

Entre as prioridades da Petrobras estão a redução da dívida e a desalavancagem financeira, por meio da geração de caixa operacional e de desinvestimentos. A meta é chegar a uma dívida bruta de US$ 67 bilhões em 2021 e de US$ 60 bilhões em 2022.

Subsidiária Cemig compra ativos de geração solar

A Cemig (CMIG4) comunicou que sua subsidiária Cemig Soluções Inteligentes em Energia (Cemig SIM) concluiu a compra de 49% de participação em sete Sociedades de Propósito Específico (SPE) voltadas para a geração de energia solar.

As empresas compradas são voltadas ao mercado de geração distribuída e têm potência instalada de 29,45MWp.

BR Distribuidora compra elétrica

BR Distribuidora (BRDT3) assinou contrato para a compra das empresas Targus Comercializadora de Energia e Targus Serviços de Energia, com o objetivo de atuar no segmento de venda de energia elétrica em todo o país.

Com a operação, a BR Distribuidora vai atuar na compra e venda de energia elétrica para seus clientes. No fato relevante, o diretor executivo de finanças e relações com investidores da companhia, André Corrêa Natal, afirma que a iniciativa complementa o portfólio atual de produtos e permite a captura de novos clientes no mercado, “oferecendo serviços de gestão no mercado livre e produtos de geração distribuída“.

Taurus volta a valer mais de R$ 1 bilhão

Por fim, as ações da Taurus (TASA4) registraram uma forte valorização nos últimos 30 dias, fechando o pregão desta segunda-feira em alta de 5,96%, a R$ 12,26.

Com essa valorização, a Taurus voltou a ter um valor de mercado superior a R$ 1 bilhão. Desde o dia 29 de outubro, quando estavam valendo R$ 7,35, as ações da Taurus valorizaram 58%.

Maiores altas e baixas do Ibovespa

Altas:

Baixas:

Última cotação do Ibovespa

De forma distinta ao Ibovespa hoje, o índice acionário encerrou as negociações na última quarta-feira com uma alta de 0,32%, a 110.132,531 pontos.

Arthur Guimarães

Compartilhe sua opinião