Mercado

Ibovespa desaba 3,3% com risco fiscal; GetNet (GETT3) descola e dispara 18%

Fechamento do Dia Ibovespa dá de cara com risco fiscal e desaba 3,3%; GetNet descola e sobe 18% O índice acionário não acompanhou o bom humor no exterior e perdeu mais uma oportunidade de devolver perdas acumuladas no ano
Arthur Guimarães
por Arthur Guimarães

O Ibovespa cedeu 3,28% nesta terça-feira (19) e fechou a 110.672,76 pontos, com o mercado atento à possibilidade de flexibilização do limite de gastos, com a solução “extra teto” para acomodar parte do volume de recursos destinados ao Auxílio Brasil.

Pressionado pela aguda percepção de risco fiscal, que pode colocar em questão a lealdade de parte da equipe econômica à agenda de reeleição, com rumores sobre possíveis baixas no quadro técnico, a referência da B3 chegou a mostrar perda de 3,92% no pior momento da tarde, aos 109.947,21 pontos, mas rapidamente recuperou o nível de 110 mil e mesmo o de 111 mil pontos ao se confirmar o cancelamento do anúncio oficial do novo programa.

“Brasília parece ter encontrado a chave do cofre. O mercado está preocupado com a falta de disciplina para manter o teto ou, se realmente passar disso, que as despesas ‘extra teto’ com o auxílio não fiquem muito além dos R$ 30 bilhões indicados o correspondente a R$ 100 de cada R$ 400 a serem concedidos aos beneficiários em 2022”, disse  Scott Hodgson, gestor de renda variável na Galapagos Capital, acrescentando que o valor de R$ 400 ressurgiu sem aviso prévio, como uma “fênix renascida das cinzas”.

“A conjuntura é desafiadora, com inflação em alta, real fraco, juros subindo, e um ano de 2022 que será complicado, com eleição”, diz o gestor, observando que o interesse estrangeiro por Brasil mostrava alguma recuperação nas últimas semanas, e agora deve voltar a indicar cautela.

Movimentação do Ibovespa hoje

A abertura da curva de juros devido às perspectivas negativas assolaram as ações do Méliuz (CASH3), que ficou entre as maiores baixas do índice hoje. Inter (BIDI4) e Locaweb (LWSA3) caíram 6% e 7%, respectivamente.

O Gol (GOLL4) também entrou para o grupo de piores desempenhos do pregão, mas não foi pior que a Azul (AZUL4), a qual liderou-o.

A Cielo (CIEL3) tombou, na contramão da rival recém chegada à Bolsa GetNet (GETT11), que disparou sozinha nesta terça-feira.

Maiores altas do Ibovespa

As maiores altas do Ibovespa no dia de hoje foram:

GetNet (GETT11): +17,88% / R$ 9,10

Maiores baixas do Ibovespa

As maiores baixas do Ibovespa no dia de hoje foram:

Azul (AZUL4): -10,36% / R$ 30,80
Cielo (CIEL3): -9,20% / R$ 2,37
Méliuz (CASH3): -8,47% / R$ 4,43
Grupo Soma (SOMA3): -7,53% / R$ 15,85
Gol (GOLL4): -7,39% / R$ 18,80

Notícias que movimentaram a bolsa de valores

Auxílio Brasil poderá ir até 2022, com parcelas de R$ 400
B3 compra a Neoway Tecnologia
IRB Brasil nomeia novo CFO

Governo quer Auxílio Brasil até o fim de 2022, com parcelas de R$ 400

O presidente da República Jair Bolsonaro disse preparar um anúncio sobre a prorrogação do Auxílio Emergencial para essa semana. O governo federal estuda juntar os programas sociais Auxílio Brasil, o novo Bolsa Família, e Auxílio Emergencial para chegar ao valor de R$ 400 em subsídio financeiro no próximo ano.

De acordo com o Poder 360, a decisão aconteceu depois de uma conversa entre o Bolsonaro e o ministro Paulo Guedes. O estudo é feito pensando no fim do auxílio emergencial, que já está na sua última parcela, e no fortalecimento da popularidade do presidente, visando a reeleição em 2022.

A combinação dos programas sociais elevaria o auxílio para, em média, R$ 400 durante todo o ano de 2022. Nesse modelo, um dos benefícios estaria dentro do teto de gastos e o outro fora.

B3 (B3SA3) compra a Neoway Tecnologia e pagará R$ 1,8 bi

A B3 (B3SA3) adquiriu a empresa de big data analytics e inteligência artificial Neoway Tecnologia por R$ 1,8 bilhão em dinheiro.

Criada em 2002, a Neoway opera em toda a América Latina, oferecendo soluções que geram maior produtividade e precisão na tomada de decisão em vendas e marketing, crédito, prevenção à fraudes, compliance e inteligência jurídica. São cerca de 20 setores econômicos alcançados pela empresa. A receita prevista para 2022 é de R$ 190 milhões.

A conclusão da operação está sujeita à implementação de determinadas condições precedentes usuais nesse tipo de transação, incluindo sua aprovação pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

IRB Brasil (IRBR3) nomeia Willy Jordan como novo CFO

O IRB Brasil (IRBR3) elegeu em reunião do conselho de administração Willy Otto Jordan Neto o novo executivo da diretoria do ressegurador.

Willy Jordan também será diretor de Relações com Investidores. Segundo o IRB Brasil, ele assumirá as funções assim que o processo de autorização prévia da Superintendência de Seguros Privados (Susep) for concluído.

O executivo possui 20 anos de experiência em gestão de empresas, tanto financeiras como não financeiras. Jordan é graduado e detém mestrado em Economia. Sua carreira marca passagens no Banco Luso Brasileiro, Cetip, Banco Pan (BPAN4), Suzano (SUZB3) e Itaú (ITUB4).

Desempenho dos principais índices

Além do Ibovespa, confira o fechamento dos principais índices da bolsa hoje:

Ibovespa hoje: -3,28% / 110.672,76
IFIX hoje: -0,27% / 2.740,06
IBRX hoje: -3,14% / 47,296,93
SMLL hoje: -4,44% / 2.623,17
IDIV hoje: -3,01% / 6.570,29

Cotação do Ibovespa nesta segunda (18)

Da mesma forma que o Ibovespa hoje, o índice acionário encerrou as negociações na última segunda com uma queda de 0,19%, aos 114.428,18 pontos.

(Com Estadão Conteúdo)

Últimas atualizações
  atualização
19.10.2021 21:59

Encerramos as transmissões de hoje. Leia amanhã mais notícias em tempo real sobre o mercado financeiro

Confira mais notícias do mercado nesta quarta (6), em tempo real.

Saiba quais os principais destaques que irão movimentar o cenário econômico: inscreva-se aqui e receba todos os dias notícias, antes da abertura do mercado, na Suno Call.

19.10.2021 21:17

Veja como foi a nossa live de fechamento

19.10.2021 17:41

IFIX termina o dia em queda, de olho no risco fiscal

O IFIX, Índice de Fundos Imobiliários da B3, fechou  a sessão desta terça-feira (19) em forte queda de 0,27%, aos 2.740,06 pontos.

19.10.2021 17:29

Ibovespa cai, na contramão do exterior, por risco fiscal

O Ibovespa enfrentou mais um dia de queda, em meio a uma alta nos mercados internacionais. O principal índice acionário da Bolsa de Valores de São Paulo (B3) afundou 3,28%, para 110.672,76 pontos.

O giro totalizou R$ 36.652.257.736 e a quantidade de negócios, 5.358.653.

19.10.2021 17:25

Dólar fecha em alta, com mercado preocupado com ameaça de quebra do teto de gastos

O dólar encerrou as negociações desta terça-feira (19) em alta de 1,33%, frente ao real, valendo R$ 5,594 na venda.

19.10.2021 15:48

IGP-M cai 0,03% na segunda prévia de outubro, revelam dados da FGV

O Índice Geral de Preços – Mercado, o IGP-M teve deflação de 0,03% na segunda prévia de outubro, informou nesta terça-feira, 19, a Fundação Getulio Vargas (FGV). No segunda leitura de setembro, o índice havia registrado recuo de 0,58%.

A redução do ritmo de queda do IGP-M foi puxada pelo Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA-M), que registrou deflação de 0,32% na segunda prévia de outubro, contra uma queda de 1,06% na mesma leitura do mês passado.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC-M) acelerou de 0,95% na segunda prévia de setembro para 0,98% em igual leitura de outubro, informou a FGV. Em contrapartida, o Índice Nacional de Custos da Construção (INCC-M) arrefeceu de 0,43% para 0,33% no período.

19.10.2021 15:09

Ibovespa acentua queda com risco fiscal no radar

Por volta de 15h, o Ibovespa desabava 2,8%, cotado a 111.180,50 pontos, com o mercado reagindo mal ao anúncio do Auxílio Brasil — substituto do Bolsa Família — de R$ 400 no próximo, financiado com recursos fora do teto de gastos.

19.10.2021 14:23

Ibovespa cai mais de 2% com possível furo do teto de gastos

Ibovespa deixa a onda positiva no exterior de lado e volta a cair nesta terça-feira (19). Hoje, as preocupações dizem respeito ao teto de gastos, realçando o risco fiscal brasileiro, com o câmbio intensificando sua desvalorização.

Por volta das 13h44, o Ibovespa caía 2,34%, para 111.752 pontos. O dólar, em contrapartida, segue em alta e avança 1,08% no mesmo horário, chegando à casa de R$ 5,57 na venda. No acumulado de 2021, a divisa estadunidense avança 7% sobre o real.

19.10.2021 14:09

Dólar ultrapassa R$ 5,57 hoje, com mercado reagindo ao auxílio Brasil

O dólar continuou em alta no início da tarde, registrando às 14:07 crescimento de 0,99%, a R$  5,5663.

A moeda chegou a ultrapassar R$ 5,57 hoje, com o mercado reagindo ao programa auxílio Brasil, substituto do Bolsa Família. Bolsonaro determinou que o programa chegue a R$ 400, e a medida tem apoio do Presidente do Congresso, Arthur Lira. A preocupação é que isso gere aumentos de gastos acima do teto fiscal.

19.10.2021 11:21

Dólar avança 0,70% em dia de preocupações com o quadro fiscal

O dólar opera em alta firme nas primeiras horas de negociação desta terça-feira (19), na contramão do mercado internacional, onde o dia é de enfraquecimento da moeda americana ante divisas fortes e as de países emergentes e exportadores de commodities.

Às 11h21, o dólar tinha alta de 0,70%, negociado a R$ 5,55. Desde o início do dia, analistas previam um dia desafiador no mercado de câmbio, dada a aversão ao risco do investidor diante do cenário doméstico adverso.

19.10.2021 10:55

IRB e GetNet sobem enquanto bolsa amplia queda e retrocede aos 112 mil pontos

Em uma hora de pregão, o Ibovespa ampliou sua queda para 2% no intradia ficando aos 112.149. No índice, praticamente todos os papéis caem cerca de 2%, porém as ações do IRB e da GetNet sobem isoladas, sendo que o primeiro teve nomeação de novo CFO.

Maiores altas:

  • GetNet (GETT11): +4,4%
  • IRB Brasil (IRBR3): +0,9%
  • Engie (EGIE3): +0,3%
  • Copel (CPLE6): +0,3%

Maiores quedas:

  • Lojas Americanas (LAME4): -5,1%
  • Cielo (CIEL3): -4,9%
  • Locaweb (LWSA3): -4,3%
  • Yduqs (YDUQ3): -3,9%
  • Locamerica (LCAM3): -3,9%
19.10.2021 10:27

Ibovespa abre em queda aos 113 mil pontos

Ibovespa hoje abre aos 113.202 pontos, em queda de 1,07% no intradia, com um dia de noticiário relativamente tranquilo e variações entre 2 e 3%. Os mercados internacionais seguem sem direção única, com o premarket americano subindo cerca de 0,3% no campo positivo.

19.10.2021 09:17

MORNING CALL - Dividendos não serão tributados / Câmara analisa PEC dos Precatórios

Acompanhe o Morning Call do Suno Notícias, ao vivo, a partir das 9h.

19.10.2021 09:09

Bolsas mundias avançam com balanços corporativos no radar

Bom dia!

O viés dos mercados, na manhã desta terça, é majoritariamente positivo. Com a agenda econômica leve, a despeito de falas importantes sobre política monetária, os investidores voltam suas atenções ao front corporativo, com uma série de divulgações de resultados.

Na véspera, o mercado brasileiro ignorou o exterior e fechou o dia no negativo. O Ibovespa caiu 0,19%, em dia volátil, sobretudo movimentado pela agenda empresarial. 

Confira o desempenho das Bolsas mundiais, por volta das 9h:

Estados Unidos

  • Dow Jones Futuro: +0,50%
  • S&P 500 Futuro: +0,50%
  • Nasdaq Futuro: +0,44%

Europa

  • Dax (Alemanha): +0,07%
  • FTSE 100 (Reino Unido): +0,04%
  • CAC 40 (França): +0,02%
  • FTSE MIB (Itália): +0,29%
  • Euro Stoxx (regional): +0,25%

Ásia

  • Shanghai SE (China): +0,70% (fechado)
  • Nikkei (Japão): +0,65% (fechado)
  • Hang Seng Index (Hong Kong): +1,49% (fechado)
  • Kospi (Coreia do Sul): +0,74% (fechado)

Comece 2022 investindo nos melhores FIIS

Baixar agora!