Gian Kojikovski

Facebook (FBOK34) reporta resultado abaixo do esperado e a culpa é da Apple (AAPL34)

A nova política de privacidade da Apple dificulta a entrega de anúncios do Facebook

Em 2019, a Apple (AAPL34) começou a veicular campanhas de publicidade na TV com o título “Privacidade”. No início deste mesmo ano, a gigante americana já havia causado impacto quando participou do evento Consumer Electronics Show, em Las Vegas, e utilizou o slogan “O que acontece no seu iPhone, fica no seu iPhone”, fazendo referência a famosa frase que caracteriza a cidade norte-americana.

Ao longo destes anos, a companhia comandada por Tim Cook reforçou cada vez mais a necessidade de preservar a segurança dos dados dos seus usuários e implementou atualizações em seus dispositivos. A mais emblemática delas ocorreu no iOS 14, quando os dispositivos Apple passaram a exigir que os aplicativos pedissem permissão dos usuários para rastreá-los em outros aplicativos e sites.

A mudança selou a briga entre Apple e os aplicativos, que necessitam da coleta de dados para gerar receita. O descontentamento foi encabeçado por Mark Zuckerberg, CEO e Fundador do Facebook (FBOK34), que chegou a anunciar nos principais jornais norte-americanos como o New York Times, Wall Street Journal e Washington Post, sua crítica à empresa da Maçã. O argumento é que a nova política de privacidades dificulta as pequenas empresas a manterem os seus aplicativos gratuitos.

Disputa entre Facebook e Apple
Disputa entre Facebook e Apple

Entretanto, a Apple seguiu aplicando mudanças de privacidade em seus dispositivos, como a seção App Tracker Report, onde os usuários podem ver com que frequência os aplicativos usam as informações de dados e quais ficam em segundo plano, afetando o resultado de empresas que geram receita com anúncios.

Zuckerberg se colocou ao lado dos “pequenos anunciantes”, mas tem um interesse enorme nos dados colhidos por aplicativos nos dispositivos móveis – é assim que o Facebook consegue dados para direcionar com mais precisão seus anúncios. E cobra para esse serviço. Nos resultados do terceiro trimestre deste ano, a empresa apresentou uma receita abaixo do esperado pelos analistas de mercado. Na teleconferência, Zuckerberg culpou a Apple pelo número. “Como esperado, tivemos problemas de receita neste trimestre, incluindo as mudanças da Apple que não estão apenas afetando negativamente nossos negócios, mas milhões de pequenas empresas em um momento que já é difícil para elas na economia.”, afirmou o CEO da gigante de mídias sociais, detentora de um market share de 23,7% no mercado de publicidade digital.

Dias antes, o Snap (S1NA34), dono da rede SnapChat, já havia relatado que as mudanças da Apple prejudicaram sua capacidade de medir se seus anúncios geraram visitas a sites ou vendas. O Twitter (TWTR34) disse que viu um impacto “modesto” na receita de anúncios devido às mudanças de privacidade, que impedem os anunciantes de rastrear os usuários em seus dispositivos sem o seu consentimento.

De acordo com o Facebook, os pequenos negócios estão achando mais difícil alcançar clientes em potencial e os preços dos anúncios – que já estavam subindo – ficaram ainda mais caros. Com preço maior e menos acurácia, faz menos sentido usar esse tipo de publicidade, o que desincentiva a entrada de novos anunciantes na plataforma e, claro, representa um risco para o negócio no longo prazo. Essa é a próxima pedra no caminho do Facebook.

Nota

Os textos e opiniões publicados na área de colunistas são de responsabilidade do autor e não representam, necessariamente, a visão do Suno Notícias ou do Grupo Suno.

Gian Kojikovski
Mais dos Colunistas
Gian Kojikovski Os impactos da queda do Facebook para a economia global

Na última segunda-feira (04), o mundo todo foi impactado pela interrupção do funcionamento das plataformas do Facebook (FBOK34). O problema técnico – de acordo c...

Gian Kojikovski
Gian Kojikovski Apple lança novo iPhone sem novidades. Mas por que precisaria?

A Apple (AAPL34) lançou o novo iPhone na terça-feira. É a décima terceira geração de um dos produtos de maior sucesso na história da economia. A empresa conseguiu cria...

Gian Kojikovski

Compartilhe sua opinião

Comece 2022 investindo nos melhores Fundos Imobiliários

Baixar agora!