P/VPA: importante indicador para a análise de um investimento

Dentre os mais diversos tipos de indicadores financeiros no mercado, o P/VPA é um dos mais estudados por investidores de todos os níveis de experiência.

Por conta disso, nunca é demais uma atenção especial ao P/VPA, dada a sua importância dentro da análise fundamentalista de investimentos.

O que é P/VPA?

O P/VPA corresponde ao preço de uma ação dividido pelo valor patrimonial correspondente a ela, sendo esse o indicador que diz o quanto os investidores estão dispostos a pagar pelo patrimônio líquido da empresa.

Antes de tudo, é importante explicar o que determina o VPA (Valor Patrimonial por Ação) de um papel: é quanto o mercado está disposto a pagar, naquele momento, pelo Patrimônio Líquido da empresa.

EBOOK COMO ANALISAR UMA ACAO

Este tipo de avaliação é feito tecnicamente, com base em informações contábeis e de mercado. Ou seja, não se trata simplesmente um valor arbitrado por acionistas.

Como calcular o P/VPA?

É sempre importante lembrar que o VP (Valor Patrimonial) de uma empresa por ação é calculado ao dividir o PL (Patrimônio Líquido) pela quantidade de ações disponíveis no mercado.

Ou seja, a fórmula do VPA é a seguinte:

VPA = Patrimônio Líquido / Número de ações no mercado

Tendo o VPA em mãos, para calcular o P/VPA basta apenas dividir o preço por esse indicador.

Exemplo de cálculo do P/VPA

Vejamos um exemplo prático para que possamos traçar alguns cenários:

Suponhamos que a ação de uma empresa esteja sendo negociada no mercado secundário a R$ 30 e o Valor Patrimonial por Ação dela seja de R$ 40.

Nesse caso, o P/VPA poderá ser calculado dividindo-se 30 por 40.

Portanto, o resultado é 0,75.

EBOOK INVESTINDO EM FIIS

Como analisar o P/VPA?

Seguindo o exemplo acima, podemos assumir que esta ação está sendo negociada com um desconto patrimonial da ordem de 25%.

Observemos agora um exemplo oposto: a ação está sendo precificada no mercado secundário a R$ 50 e o seu Valor Patrimonial é de R$ 38.

Neste caso, ao dividirmos 50 por 38, temos o resultado apurado de 1,31.

Agora, diferentemente da situação anterior, esta ação está sendo negociada no mercado secundário com ágio sobre o seu patrimônio.

No primeiro exemplo, temos o que chamamos de compra com margem de segurança. Caso ocorra algum problema na empresa, ou mesmo uma OPA (Oferta Pública de Ações) para possível fechamento de capital, ter um ativo com desconto funcionaria como um “seguro”.

Logo,  aquele investimento se torna algo com maiores chances de trazer retorno real ao investidor.

Em tempo, destacamos que é possível que uma ação esteja sendo negociada “em linha” com o seu valor patrimonial.

Neste caso, o P/VPA será de 1,00.

Utilização do P/VPA em investimentos imobiliários

De toda forma, este conceito é bastante replicado também na esfera de investimentos voltados para os Fundos Imobiliários.

E como propriedades físicas, ou mesmo ativos financeiros (CRIs, LCIs ou cotas de outros fundos listados), possuem precificação a mercado com base em estudos e pesquisas imobiliárias (avaliações semestrais), é um indicador muito importante de ser avaliado.

É curioso que poderão ocorrer, até com certa frequência, desalinhamentos de expectativas entre o valor patrimonial de um ativo inserido no portfólio de um fundo imobiliário (ou mesmo a ação de uma empresa) e o quanto, de fato, será recebido em caso de uma liquidação efetiva dos ativos.

PLANILHA CONTROLE GASTOS

Já tivemos casos em fundos imobiliários em que imóveis eram avaliados em R$ 30 milhões, por exemplo, com base nas últimas avaliações oficiais feitas pelo administrador e gestor do fundo. Entretanto, a propriedade acabou sendo efetivamente alienada por R$ 14 milhões.

É preciso se atentar, portanto, para a existência inevitável de riscos relevantes presentes no dia a dia do mercado de capitais.

Qual a importância de calcular o P/VPA?

Entendemos que uma empresa de crescimento tem seu valor patrimonial precificado com base nas expectativas de seus resultados.

Muitas vezes, investidores com menos experiência no mercado financeiro podem inferir que o ágio presente na relação de P/VPA seja coerente, mas é bom lembrar que avaliar todo o negócio é uma tarefa indispensável no estudo da viabilidade de um ativo.

Esperamos que o artigo tenha esclarecido a importância do P/VPA para analisar um ativo. O que você achou? Deixe sua opinião ou qualquer dúvida sobre o tema nos comentários abaixo!

EBOOK COMO ANALISAR UMA ACAO

ACESSO RÁPIDO
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    48 comentários

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • CESAR 30 de abril de 2020

      MUITO UTIL, MUITO OBRIGADO POR COMPARTILHAR CONHECIMENTO
      QUAIS OUTROS INDICADORES RECOMENDA PARA FII´S

      Responder
      • Suno Research 1 de maio de 2020

        Obrigado pelo feedback, Cesar!
        Abraços

        Responder
    • Gonzaga 5 de junho de 2020

      Gostei da explicação, muito prática e de fácil entendimento

      Responder
      • Suno Research 5 de junho de 2020

        Obrigado pelo feedback, Gonzaga!

        Abraços

        Responder
    • Wagner 9 de julho de 2020

      Excelente

      Responder
    • Sérgio Luis Rodrigues 11 de julho de 2020

      Bom dia!!!! Perfeito a análise, simples e esclarecedora, portanto e sempre bom deixar claro que outros indicadores precisam ser analisados na hora de escolher uma ação ou FIIS, Parabéns.

      Responder
    • Daniel 16 de julho de 2020

      Analisando o p/vpada WEG, hoje está em 11,48. Valor elevadíssimo! Há algum motivo para isso?

      Parabéns pela página.

      Responder
    • Raí Giovani 22 de agosto de 2020

      Um conhecimento fundamental para quem esta se aventurando no mercado, muito obrigado pelo compartilhamento do conhecimento.

      Responder
    • Bernardo Rodrigues 19 de setembro de 2020

      Estou aprendendo um pouco sobre investimento (começando por Fii) e o material foi super importante, obrigado Tiago.

      Responder
      • Suno Research 22 de setembro de 2020

        Olá, Bernardo! Tudo certo?
        Muito obrigado! Ficamos felizes em ajudar. Pode contar com a gente na sua jornada de investidor!
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder
    • Ricardo Penna 29 de setembro de 2020

      Excelente!!!!

      Responder
    • Renato Bastos 25 de outubro de 2020

      Excelente as explicações dos indicadores, isso ajuda bastante para quem está começando.
      Valeu!

      Responder
      • Suno Research 26 de outubro de 2020

        Olá, Renato! Tudo bem?
        Muito obrigado pelo feedback! Boa sorte em sua jornada como investidor. Conte conosco!!
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder
    • Renato Bastos 25 de outubro de 2020

      E quando o P/VPA for negativo o que isso significa?

      Responder
      • Suno Research 26 de outubro de 2020

        Olá novamente, Renato!
        Um P/VPA negativo significa que o mercado está negociando as ações da empresa por um valor inferior ao seu Valor Patrimonial. Em geral, isso indica que o mercado está duvidando da capacidade de geração de fluxo de caixa da empresa. No entanto, cada caso é um caso e devemos analisar a fundo os indicadores.
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder
    • Deyse 6 de novembro de 2020

      Gostei muito! Conseguiu esclarecer muitas dúvidas que eu tinha, muito obrigada!

      Responder
      • Suno Research 9 de novembro de 2020

        Olá, Deyse! Tudo bem?
        Nós que agradecemos! Ficamos felizes em ajudar.
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder
    • David 13 de novembro de 2020

      Acredito que a informação nos comentários estejam erradas.

      “Quando o mercado está negociando as ações de uma empresa a um valor inferior a seu patrimônio líquido, o P/VPA será negativo.”

      Quando o mercado esta negociando com valor inferior ao patrimônio o P/VPA é menor que 1 e maior que 0, se Preço é 50,00 e VPA 50,00 o P/VPA é 1, a variação é maior que 1 e menor que 1.

      Quando o P/VPA é negativo quer dizer que o valor patrimonial da empresa também esta negativo. Ou seja, ela esta com resultados negativos frequentes nos balanços (lucro liquido negativo), levando ao patrimônio negativo, despesas maiores que lucros.

      Responder
      • Suno Research 16 de novembro de 2020

        Olá, David! Tudo bem?
        É isso mesmo, sua análise está correta. Já corrigimos o comentário.
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder
    • Rafael 7 de fevereiro de 2021

      Parabéns. Ótima explicação.

      Responder
      • rogerio 7 de junho de 2022

        parabens sou assinante da nord acoes estou estudando fundoimobiiarios

        Responder