Acesso Rápido

    IPCA-15: entenda o que é e para que serve esse indicador de inflação

    IPCA-15: entenda o que é e para que serve esse indicador de inflação

    Considerado como uma prévia da inflação, o IPCA-15 é um indicador importante na economia brasileira. Além disso, ele pode impactar nos rendimentos das aplicações financeiras, principalmente ativos de renda fixa atrelados a inflação.

    Portanto, o IPCA-15 é um indicador que deve estar no radar de quem deseja acompanhar a economia do país e também se preocupa com seus investimentos.

    O que é o IPCA-15?

    O indicador IPCA-15 é a prévia dos resultados do IPCA, que representa o termômetro oficial da inflação no Brasil. Assim, o principal objetivo é monitorar a variação de preço de um conjunto de produtos e serviços do varejo (consumidor final).

    Dessa forma, através desse indicador é possível mensurar o custo de vida da população brasileira, sendo utilizado principalmente para reajustar o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano).

    Como é calculado o IPCA-15?

    O indicador IPCA-15 é calculado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e divulgado a cada 15 dias. Assim, esse índice engloba o consumo da maior parte da população, isto é, cujo rendimento varia entre 1 e 40 salários mínimos.

    Nesse sentido, o IPCA-15 é composto por 9 grupos de produtos e serviços, sendo:

    • Alimentação e bebidas;
    • Artigos de residência;
    • Comunicação;
    • Despesas pessoais;
    • Educação;
    • Habitação;
    • Saúde e cuidados pessoais;
    • Transportes;
    • Artigos de vestuário.

    Dessa maneira, esses 9 grupos são divididos em 465 subitens e a coleta das informações ocorrem nos estabelecimentos entre o dia 16 do mês anterior até o dia 15 do mês atual.

    Além disso, o calculo desse indicador engloba o rendimentos das famílias que residem nas regiões metropolitanas:

    • São Paulo;
    • Rio de Janeiro;
    • Belo Horizonte;
    • Porto Alegre;
    • Curitiba;
    • Salvador;
    • Recife;
    • Fortaleza;
    • Belém;
    • Distrito Federal;
    • Goiânia.

    Assim, o indicador mostra a oscilação dos preços ao longo de um período sendo representado pelo IPCA-15 acumulado.

    Qual a diferença entre IPCA e IPCA-15?

    O indicador IPCA e o IPCA-15 se diferem apenas no período da coleta dos dados, sendo o primeiro coletado mensalmente e o segundo quinzenalmente.

    Isto é, o IPCA (Índice ao Consumidor Amplo) é divulgado no 8º dia útil de cada mês considerando a pesquisa realizada em estabelecimentos comerciais, com prestadores de serviços, domicílios e concessionárias de serviços públicos.

    Já o IPCA-15 é divulgado a cada 15 dias, portanto representa, com mais precisão, a oscilação dos preços.

    Desse modo, os dois indicadores de inflação seguem a mesma metodologia, que engloba grande parte da população do país e considera o preço médio dos produtos e serviços.

    Foi possível entender o que é o IPCA-15? Deixe suas dúvidas abaixo.

    Tags
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    1 comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • Gabrielle 8 de abril de 2021

      Assunto incrível!

      Gostaria de saber referente ao IPCA-E e qual o vínculo e diferenças entre ele e o IPCA-15

      Responder