Fluxo de caixa descontado: uma estimativa de análise futura de uma empresa

O fluxo de caixa descontado nada mais é do que o valor estimado de uma empresa em uma análise de fundamentos com base nas perspectivas de faturamentos futuros, onde também são inclusos no cálculo o risco que envolvem a atividade e o tempo decorrido necessário para ocorrer essa projeção.

Assim, o fluxo de caixa descontado é uma projeção daquilo que sua empresa poderá produzir no futuro, com os descontos do tempo que isto levará e dos riscos assumidos.

O que é fluxo de caixa descontado?

O fluxo de caixa descontado é o método usado para analisar a fortuna de uma empresa através dos benefícios de caixa a serem agregados no futuro descontados pela taxa de atratividade, que reflete o custo de oportunidade.

Por meio desta metodologia, é possível trazer para o valor presente, através de uma taxa de desconto, o fluxo de caixa futuro de uma companhia, e essa taxa de desconto é composta por todos os custos de capital e todos os riscos inerentes ao negócio que está sendo avaliado.

EBOOK COMO ANALISAR UMA ACAO

Em outras palavras: o valor de uma empresa no fluxo de caixa descontado é medido pelo fluxo de caixa que será gerado no futuro, acrescido ao seu valor nos dias atuais, e subtraindo-se o tempo e o risco associados a essas estimativas futuras.

Metodologia do fluxo de caixa descontado

A metodologia deste tipo de análise utiliza três fatores principais, dos quais entraremos em detalhes a seguir:

Estimativa de fluxo de caixa

É a projeção do faturamento e dos custos da empresa em um determinado período. A importância dessa projeção se faz quando, por exemplo, o empreendedor vai apresentar seu projeto de negócios para um investidor e ele precisa mostrar as estimativas de lucros futuros que esse negócio tem potencial de dar. Esta é uma informação fundamental para investidores e financiadores.

Taxa de desconto

É o valor que deve ser estabelecido com base nos riscos da atividade exercida pela empresa e também pelo custo médio ponderado do capital, ou seja, quanto a empresa gasta para adquirir o próprio capital. É importante, aqui, perceber que esses valores podem variar de negócio para negócio, e fatores internos como situação financeira de uma companhia e o seu setor de atuação devem ser levados em consideração nos cálculos da taxa de desconto.

MINICURSO CONTABILIDADE

Valor residual

Por fim é calculado o valor residual, ou seja, o valor dos bens e negócios no fim da sua vida útil. Imóveis, máquinas e automóveis são exemplos de itens avaliados conforme o seu valor no momento final da sua vida útil. Por exemplo, ao calcular o valor de um carro que você tenha na sua empresa, é descontada a depreciação, ou seja a perda de valor que ele sofre ao longo do tempo. Estima-se assim, o valor de venda deste bem no futuro e não o seu valor atual.

Após a estimativa desses três itens, é preciso se fazer o cálculo do valor da empresa.

Cálculo do fluxo de caixa descontado

Para ilustrar melhor sobre a ideia do fluxo de caixa descontado trouxemos um exemplo simples, que pode ajudar na compreensão desse conceito.

Suponha que uma empresa tenha a seguinte projeção de lucros futuros nos próximos 4 anos:

  • Primeiro ano: R$20.600,00
  • Segundo ano: R$ 22.800,00
  • Terceiro ano: R$ 27.400,00
  • Quarto ano: R$ 32.200,00

Agora, é preciso que se aproxime esses valores obtidos ao valor presente, supondo-se que a taxa anual de juros seja de 10%.

EBOOK INVESTINDO EM FIIS

A partir disso, calcula-se o retorno de cada ano, trazendo-se a valor presente com a taxa de juros, e somando-se as partes:

  • Primeiro ano: R$ 20.600 \ (1,1) = R$ 18.727,27
  • Segundo ano: R$ 22.800 \ (1,1^2) = R$ 18.842,98
  • Terceiro ano: R$ 27.400 \ (1,1^3) = R$ 20.586,03
  • Quarto ano: R$ 32.200 \ (1,1^4) = R$ 21.993,03

Ao se somar todos os valores dos anos projetados, encontra-se um total de: R$ 80.149,31.

Portanto, o valor da firma em questão, segundo o critério de fluxo de caixa descontado, neste caso, seria de R$ 80.149,31.

É importante ressaltar que esse calculo foi uma simplificação dessa metodologia.

Assim sendo, existem diversas outras formas – mais complexas, inclusive – de se usar essa técnica, e elas podem ser utilizadas de acordo com a preferência e experiência do analista que deseja aplicá-la.

Qual a importância do fluxo de caixa descontado?

Este tipo de avaliação e medição para a análise do valor de uma empresa, apesar de ser amplamente utilizado, necessita de cuidados importantes na hora de projetar valores de lucros e custos.

Por conta disso, é importante sempre lançar-se mão de dados conservadores e que possam, sobre uma probabilidade maior, serem concretizados, dado as vicissitudes do futuro que podem não ser previstas num modelo de fluxo de caixa descontado.

EBOOK COMO ANALISAR UMA ACAO

ACESSO RÁPIDO
    João Daronco
    Compartilhe sua opinião
    9 comentários

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • Expedito P. Santos 27 de junho de 2019

      Olá Tiago

      No seu exemplo o valor da firma em questão, segundo o critério de fluxo de caixa descontado, neste caso, não seria os R$ 80.149,31 + o Valor atual da empresa.? Afinal já existe um valor patrimonial resultado dos investimentos realizados.

      Responder
    • Christiano Coelho 16 de agosto de 2019

      Olá Tiago. Gostaria de saber como é calculado o valor em uso de um imobilizado para realizar o teste de recuperabilidade.

      Os exercícios sobre recuperabilidade fornecem o valor em uso mas não demonstram os cálculos para descontar o fluxo de caixa esperado de um ativo.

      Acredito que é importante evidenciar de onde vem, digo como efetivamente é calculado o valor em uso de um ativo imobilizado para o referido teste. Na prática contábil, o contador tem que apurar o valor em uso para comparar com o valor justo.

      Que tal um exemplo do cálculo do valor em uso para um fluxo de caixa descontado do valor esperado?

      Responder
    • NEIDE 16 de março de 2021

      EM UM FLUXO DE CAIXA, QUANTO MAIOR A TAXA DE DESCONTO (TAXA DE JUROS).
      MENOR SERÁ O VALOR PRESENTE OU
      MENOR SERÁ VALOR FUTURO?
      OU NEHUME DESSA

      Responder
      • Suno Research 17 de março de 2021

        Olá, Neide! Tudo certo?
        Quanto maior a taxa de desconto, menor será o valor presente.
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder
    • Francês 25 de outubro de 2021

      por que usou o prazo de 4 anos? Poderia ter usado 10, 20 anos…..
      Então, porque só 4 anos?

      Responder
    • Francês 25 de outubro de 2021

      “por que”…

      Responder
    • Francês 25 de outubro de 2021

      Afinal,

      o que determina o prazo no cálculo do FCD?

      Responder
    • Daniel 19 de outubro de 2022

      Alguém sabe o que fazer quando se há um fluxo de caixa negativo?

      O fluxo de caixa livre da empresa que calculei para GMAT3 nos últimos 12 meses foi de -365.496 pois a empresa está queimando caixa.

      Como devo fazer pra trazer isso a uma taxa de desconto?

      Responder
    • Altair Sanches Espanha Junior 9 de janeiro de 2024

      Qual casa de Análise faz este estudo de Fluxo de Caixa Descontado e que torna público mediante pagamento de mensalidades para o investidor ter acesso?? Será que a Suno faz?

      Responder