Proventos bilionários

WEG (WEG3): UBS vê alta das ações até o fim do ano, mas corta preço-alvo: “Cautela”

WEG (WEG3): UBS vê alta das ações até o fim do ano, mas corta preço-alvo: “Cautela”
Weg (WEGE3). Foto: Divulgação

O UBS divulgou relatório sobre a Weg (WEG3). A análise diz que os papéis da companhia, apesar de se mostrarem atraentes ao mercado, com valorização nos últimos quatro anos, exigem cautela do investidor. Elaborado por um trio de especialistas do UBS, formado por  Alberto Valério, Andressa Varotto e Isabella Lamas, o texto fez a avaliação incorporando os resultados do quarto trimestre de 2021 e do primeiro trimestre de 2022.

No acumulado do ano as ações da Weg caíram 20,29%. Nesta quarta (29), os papéis fecharam em queda de 0,45%, cotados a R$ 26,03.

Para os analistas a empresa segue recompensando o risco, pelo custo de capital próprio e longa duração do caixa. “A valorização do real deve impactar de forma negativa a taxa de crescimento da receita líquida da Weg. Em 2022, esse abalo deve ser de 3 pontos percentuais″, projetam.

Para 2023, a Weg terá crescimento, ainda que desacelerado. “Esperamos que seu crescimento de receita recue de 19% em 2022 para 13% em 2023”, diz o relatório, que menciona o risco de recessão nos EUA.

Além disso, a Weg vê possibilidades de expandir as operações no exterior, ganhando participação no mercado. “O resultado dessa combinação tende a ser positivo, levando a empresa a taxas de crescimentos acima dos níveis já vistos”, argumentam.

Por isso a classificação da empresa, em doze meses, é neutra e o preço-alvo diminuiu de R$ 35 para R$ 30.

Weg: XP recomenda compra

No último dia 20, a XP analisou o desempenho operacional da Weg. Uma fatia relevante do mercado ainda aponta a ação da Weg como ‘cara’, próxima do seu preço justo. Estaria pouco atrativa, com remota perspectiva de alta. Os analistas da XP Investimentos, contudo, deram um parecer ‘contra a maré’, afirmando que as ações da Weg não estão caras. Recomendam compra para os papéis.

“Embora uma contração dos múltiplos deva ser razoável após o aumento recente das taxas de juros, não vemos os níveis atuais de valuation refletindo as fortes perspectivas de crescimento e spreads de retorno da Weg, quando comparado às tendências recentes. Reforçamos nossa visão positiva em relação à ação da Weg, vendo a empresa como um raro alinhamento de crescimento e retorno”, dizem os analistas.

A recomendação de compra tem como preço-alvo R$ 45 por ação, praticamente o dobro da cotação atual do papel WEGE3.

Os analistas veem múltiplos atrativos considerando:

  • Altas expectativas de crescimento, dado o sólido posicionamento da empresa em mercados em expansão (“Esperamos que os lucros de 2022-25 cresçam em um CAGR [crescimento composto] de cerca de 19%”, diz a XP)
  • Altos retornos sustentáveis ​​(retorno sobre o patrimônio líquido, ou ROE (Retorno sobre o patrimônio), em 2022 de cerca de 26% vs. um custo de capital próprio de cerca de 13%).

Além disso, os analistas Lucas Laghi e Pedro Bruno destacam a recente contração dos múltiplos da WEG como excessiva, dado o consenso atual indicando um preço por lucro de 24,7x ante um pico de 65x.

 

Redação Suno Notícias

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO