Patrocinado por:

Ibovespa avança com agito no varejo; Lojas Renner (LREN3) e C&A (CEAB3) disparam

Ibovespa avança com agito no varejo; Lojas Renner (LREN3) e C&A (CEAB3) disparam
Ibovespa. Foto: Pixabay.

O Ibovespa opera em leve alta na tarde desta sexta-feira (16), com o mercado de olho no movimento das empresas de varejo. O governo de São Paulo anunciou que a partir de amanhã a região entrará em uma fase de transição, com a flexibilização gradual das medidas restritivas.

Por volta das 13h55, o Ibovespa avançava 0,08%, para 120.798 pontos. O movimento de Lojas Renner (LREN3) tomou atenção do mercado neste pregão. Estáveis nos últimos dias, os papéis da empresa dispararam nesta manhã com o rumor de que a Renner fará uma oferta de ações para a compra de algum player do setor. As ações operam com uma alta de 8%.

O frenesi dos investidores diz respeito a uma suposta oferta de compra da C&A (CEAB3) ou Marisa (AMAR3), na esteira da oferta da Arezzo pela Hering nesta semana. As ações das empresas sobem 11,8% e 14,1%, respectivamente.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Vídeo Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

No entanto, a Renner não tem um alvo específico, segundo o Brazil Journal. O site noticiou que a companhia, de fato, fará um oferta para captar recursos, na ordem de R$ 4,5 bilhões. A empresa tem o objetivo de financiar seu plano de crescimento orgânico e, eventualmente, aproveitar alguma oportunidade de aquisição.

“Temos uma visão positiva para o setor de varejo com a volta ao normal puxando significativamente as vendas de mesmas lojas (SSS, na sigla em inglês) das companhias. Além disso, essa consolidação do setor através de fusões e aquisições deve fortalecer cada vez mais as companhias no longo prazo”, diz a Ativa Investimentos em comentário.

Outro destaque do dia, mas que puxa o índice para baixo, são as quedas dos frigoríficos. Corrigindo o forte desempenho do setor no ano até aqui, Minerva, BRF e JBS estão entre as maiores quedas do dia, seguidas pela baixa da PetroRio (PRIO3), mesmo com a recuperação dos preços do petróleo.

As ações de shopping também reagem positivamente aos anúncios do governo do estado, mesmo que de forma tímida. Os papéis de Iguatemi (IGTA3), Multiplam (MULT3) e brMalls (BRML3) sobem entre 0,5% e 1%. A taxa de ocupação de leitos no estado está, hoje, em 85,3%, propiciando a reabertura de restaurantes, cultos religiosos e academias, em horários reduzidos.

O que sobe e o que cai no Ibovespa

Mesmo com o ex-presidente da empresa assumindo um esquema de suborno e a queda de hoje, o BTG Pactual revisou sua análise sobre Braskem e passou a recomendar compra, com preço-alvo de R$ 63. O banco de investimento diz que, quando passou a analisar a empresa, o cenário ainda era nebuloso por conta da pandemia e o caso relacionado às provisões de Maceió.

Todavia, “vários fatores impulsionaram os spreads petroquímicos nos últimos 6 meses”, sendo difícil apontar apenas um fator. A instituição também pontua que a possível venda da participação da Novonor na empresa é possitiva. Além disso, mesmo com a reprecificação dos últimos dias, os múltiplos são convidativos.

Última cotação

Da mesma forma que o Ibovespa hoje, o índice acionário encerrou as negociações na última quinta com uma alta de 0,34%, a 120.700,67 pontos.

Jader Lazarini

Compartilhe sua opinião