Acesso Rápido

    ROAE: entenda o que é o retorno sobre patrimônio médio

    ROAE: entenda o que é o retorno sobre patrimônio médio

    Apesar de não ser tão conhecido como o ROI e o ROE, o indicador ROAE pode ser utilizado para analisar o patrimônio das empresas ao longo de um ano.

    Por isso, vale muito a pena entender o que é o ROAE e como esse indicador pode ajudar o investidor em suas análises.

    O que é ROAE?

    ROAE é a sigla para “Return on Average Equity” e é conhecido no Brasil como Retorno sobre patrimônio médio.

    Basicamente, o ROAE é um indicador financeiro que mede o desempenho de uma empresa com base em seu patrimônio líquido médio em circulação entre os acionistas.

    Esse indicador é uma versão ajustada do ROE (Return of Equity), referente a performance da empresa dentro de um ano fiscal.

    E-book: Comece a Investir na Bolsa

    Comece a investir! Saiba tudo que você precisa saber para dar os seus primeiros passos na Bolsa com o nosso Manual Gratuito do Investidor Iniciante!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Para que serve o ROAE?

    Uma estimação do retorno sobre patrimônio médio pode fornecer uma visão mais ampla da lucratividade da empresa para o investidor.

    Principalmente em situações em que o valor do patrimônio líquido variou significativamente durante o ano.

    É normal que uma empresa, sobretudo em processo de expansão, investimento e compras, tenha variações abruptas no patrimônio líquido durante um ano fiscal.

    Por isso, esse indicador facilita muito a análise do investidor, inclusive para a comparação da evolução do retorno sobre o patrimônio ao longo dos anos.

    Como funciona o retorno sobre patrimônio médio?

    Não seria razoável comparar o retorno sobre patrimônio médio de empresas com composições e setores econômicos muito distintos.

    No entanto, para avaliar se a empresa está evoluindo, ou até mesmo performando melhor que concorrentes do mesmo segmento econômico, o indicador pode ser muito útil.

    Basicamente, um alto ROAE significa que a empresa está criando mais retorno para cada real do patrimônio líquido do negócio.

    Contudo, é importante que o investidor confirme se a empresa é realmente lucrativa, mesmo com o ROAE elevado, comparando com outras taxas de retorno.

    Muitas vezes o aumento do retorno sobre patrimônio médio pode estar associado ao aumento de dívidas, o que não é um bom indicador para o negócio.

    Como calcular o retorno sobre patrimônio médio?

    Para compreender mais a fundo o ROAE é interessante entender qual é a fórmula usada para calculá-lo.

    Como se leva em consideração apenas um ano fiscal, é possível utilizar a seguinte forma simplificada para calcular o retorno sobre patrimônio médio:

    • Retorno sobre patrimônio médio = (PL inicial + PL final) /2

    No entanto, também é possível encontrar outra fórmula do ROAE, como:

    • ROAE = resultado líquido / patrimônio líquido médio

    Qual a diferença do ROE e o ROAE?

    O ROE considera apenas o retorno sobre o capital próprio da empresa, mas no momento específico em que o ativo está sendo analisado.

    Assim, como essas informações podem variar bastante, é natural que ao longo de um período o valor do ROE flutue.

    Já o indicador ROAE é uma média. Ele existe justamente para ignorar as flutuações que ocorrem naturalmente ao longo de um ano.

    Dessa forma, é possível ter uma visão mais ampla sobre a performance de um ano de uma empresa, tornando melhor também a comparação da evolução em relação a anos anteriores.

    Esse artigo te ajudou a entender melhor o que é o ROAE? Deixe comentários e possíveis dúvidas no espaço abaixo.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *