Acesso Rápido

    Radar do Mercado: Energias do Brasil (ENBR3) divulga resultados do 1T20 

    Radar do Mercado: Energias do Brasil (ENBR3) divulga resultados do 1T20 
    • A companhia reportou um aumento de R$ 2,8 bilhões para R$ 3,2 bilhões na receita líquida.
    • Já o Ebitda, que mede a geração operacional de caixa da companhia, caiu 1% e atingiu R$ 698,5 milhões.
    • O lucro líquido consolidado foi de R$ 271 milhões. O montante representa uma queda de 8,3% em relação ao 1T19, quando somou R$ 295,6 milhões.
    • O volume de energia distribuída apresentou redução de 5,1% por conta das temperaturas mais amenas. Por outro lado, os níveis de perdas também recuaram, indicando uma melhora do indicador e dos investimentos que a EDP Brasil tem feito nas redes.

    A Energias do Brasil também anunciou a postergação das negociações para compra de um projeto de transmissão de energia em meio às medidas para preservar caixa devido aos impactos da pandemia do coronavírus.

    E-book: 10 Perguntas e Respostas sobre o IR na Bolsa

    Chega de dúvidas! Conheça a resposta das 10 perguntas mais comuns dos investidores sobre o Imposto de Renda na Bolsa de Valores.

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    A companhia do grupo português EDP anunciou a redução de R$ 1,1 bilhão em custos operacionais e investimentos para 2020, montante que inclui a aquisição não realizada.

    Para reforçar a liquidez, a companhia também realizou captações de cerca de R$ 940 milhões, além de ter operações em andamento para obter mais R$ 820 milhões.

    Do montante a ser levantado, R$ 263 milhões se referem a acordos em negociação com o BNDES para suspender pagamentos de empréstimos por até seis meses, em um mecanismo conhecido como “standstill”.

    O restante é dividido em duas emissões, uma de R$ 200 milhões e outra de R$ 100 milhões, além de uma rolagem de R$ 250 milhões.

    Os cortes de investimentos, despesas e as captações representam reforço de liquidez superior a R$ 3 bilhões. Assim, interpretamos as medidas de forma positiva.

    Tags
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *