Acesso Rápido

    Radar do Mercado: Banco do Brasil (BBAS3) divulga resultados quarto trimestre de 2020

    Radar do Mercado: Banco do Brasil (BBAS3) divulga resultados quarto trimestre de 2020

    Na quinta-feira (11/02), o Banco do Brasil divulgou seus resultados financeiros e operacionais do quarto trimestre de 2020.

    O banco registrou um lucro líquido ajustado de R$ 3,7 bilhões, aumentando 6,1% em relação ao 3T20. No consolidado do ano, o lucro líquido ajustado totalizou R$ 13,9 bilhões, uma redução de 22% ante 2019.

    De acordo com o Banco do Brasil, seu lucro líquido ajustado no ano foi impactado pela antecipação prudencial de R$ 8,1 bilhões em provisões feita ao longo dos trimestres.

    Em 2020, sua margem financeira bruta teve um crescimento de 5,1% se comparada com 2019, totalizando R$ 56,72 bilhões. No 4T20, essa margem financeira foi de R$ 14,16 bilhões, crescendo 1,1% em relação ao trimestre passado, mas com uma redução de 0,7% ante o mesmo período no ano anterior.

    A carteira de crédito ampliada cresceu 9% nos 12 meses de 2020 e alcançou R$ 742 bilhões: este crescimento foi impulsionado por um aumento nos segmentos Pessoa Física, MPME e Rural, os quais expandiram 6,7%, 25,6% e 6,8%, respectivamente.

    E-book: Investindo para Aposentadoria

    Construa a sua aposentadoria! Aprenda como gerar renda passiva para garantir o seu futuro investindo nos melhores ativos do mercado.

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Por outro lado, a PCLD ampliada – que inclui provisões de crédito, recuperação   de crédito, perdas por imparidade e descontos concedidos – teve um crescimento de 47,6% em 2020, impactando o lucro. Na comparação entre 4T20 e 3T20, a PCLD ampliada recuou 6,4%.

    As receitas com prestações de serviços cresceram 1,5% no quarto trimestre em relação ao trimestre anterior, em razão de um aumento de 3,8% nas receitas de linhas de administração de fundos e de 2,3% nas receitas de conta corrente.

    Já no consolidado do ano, as receitas com prestações de serviços tiveram redução de 1,7%.

    As despesas administrativas do Banco do Brasil seguiram estáveis em 2020. Já no quarto trimestre de 2020, elas tiveram uma queda de 5,6% ante o 3T20. Além disso, seu Índice de Basileia atingiu 21,14% em dezembro.

    Além da divulgação de seus resultados, o Banco do Brasil, em comunicado divulgado na quinta-feira (11/02), informou o pagamento de juros sobre capital próprio no valor total de R$ 1,23 bilhão, o que corresponde a R$ 0,43 por ação.

    O provento terá como base a posição acionária de 22/02/2021 e será pago em 03/03/2021.

    Tags
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *