Magazine Luiza (MGLU3) tem lucro líquido ajustado de R$ 216 mi no 3T20

Magazine Luiza (MGLU3) tem lucro líquido ajustado de R$ 216 mi no 3T20
Magazine Luiza (MGLU3)

O Magazine Luiza (MGLU3) divulgou na noite dessa segunda-feira (9) seus resultados no terceiro trimestre desse ano. A gigante varejista reportou lucro líquido ajustado de R$ 216 milhões no período, uma alta de 70% na comparação anualizada.

Já a receita líquida do Magazine Luiza ficou em R$ 8,308 bilhões, apresentando uma alta de 70,8% ante o terceiro trimestre de 2019.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização)  ajustado ficou em R$ 561,2 milhões entre julho e setembro desse ano. O montante representa uma alta de 41,2% em comparação com o terceiro trimestre de 2019.

No Suno One você aprende a fazer seu dinheiro para trabalhar para você. Cadastre-se gratuitamente agora!

No documento, o Magalu explica que “no 3T20, o crescimento das vendas e a diluição das despesas operacionais foram fundamentais para o crescimento de 41,2% do EBITDA ajustado”. “com a volta da multicanalidade, a margem EBITDA ajustada aumentou 4,2 p.p.comparada ao 2T20, quando a maior parte das lojas ficou fechada em função da pandemia do covid-19”.

Além disso, a companhia apontou que no terceiro trimestre desse ano, as vendas totais, incluindo lojas físicas, e-commerce tradicional (1P) e marketplace (3P) cresceram 81,2%, chegando a R$ 12,4 bilhões.


Segundo o documento o resultado foi “reflexo o do aumento de 148,5% no e-commerce total e de 18,3% nas lojas físicas (7,2% no conceito mesmas lojas), mesmo com parte das lojas ainda fechadas em julho e agosto”.

O Magazine Luiza salientou que no 1P, as vendas avançaram 149,5% e o marketplace cresceu 145,4%.

Resultados do Magazine Luiza no 2T20

A gigante varejista reportou ) um prejuízo de R$ R$ 64,5 milhões referente ao segundo trimestre deste ano, revertendo um lucro líquido de R$ 386,6 milhões no mesmo período de 2019.

“Diante do contexto, talvez o trimestre mais desafiador de qualquer CEO tenha participado. A gente tinha uma crise econômica, social e de saúde. A gente iniciou o trimestre com muitas inseguranças, com minha decisão de fechar 100% das lojas no final de março, então um contexto muito desafiador. Eu considero um trimestre épico”, afirmou Frederico Trajano, CEO do Magazine Luiz, entrevista exclusiva ao SUNO Noticias.

A gigante varejista registrou um forte aumento nas vendas totais, incluindo lojas físicas, e-commerce tradicional e marketplace. Nesse sentido, o Magazine Luiza registrou um crescimento de 49,1% no volume de vendas, para R$8,6 bilhões entre os meses de abril e junho.

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

lead suno background

De acordo com a empresa, o número é reflexo do aumento de 181,9% no e-commerce total e queda de 45,1% nas lojas físicas, com 36% em média das unidades abertas no trimestre. A companhia ainda destacou os resultados para o mês de junho, que registrou uma alta de 85% nas vendas, levando o Magalu a liderança no seu setor no trimestre pela primeira vez em sua história.

Última cotação

A ação do Magazine Luiza (MGLU3) fecharam o pregão dessa segunda-feira (9) em queda de 3,22% aos R$ 26,45.

Laura Moutinho

Compartilhe sua opinião