Itaú (ITUB4) ou Bradesco (BBDC4)? Safra elege seu favorito; veja motivos

Os analistas do Safra mantêm visão positiva sobre os bancos, considerando a expectativa de maior lucratividade em 2024 nas operações de varejo. O relatório foi publicado após o Banco Central divulgar os dados de crédito de fevereiro. Neste contexto, o Itaú (ITUB4) é o top-pick do setor para o Safra.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240-Banner-Home-1.png

“No setor, ainda preferimos o Itaú Unibanco (recentemente, aumentamos o preço-alvo do Itaú para R$ 41), devido ao seu momento positivo de ganhos e maior distribuição de dividendos (rendimento de 8,8% para 2024)”, afirma o banco. 

Em relatório divulgado em março, o Safra já tinha deixado claro sua preferência por ITUB4. Na visão da equipe do Safra, o Itaú superou seus pares não apenas no crescimento dos resultados, mas também na capacidade de oferecer qualidade e consistência superiores.

Os especialistas chamam atenção para o fato de que o banco conseguiu sustentar um ROE acima de 20%, descolando de concorrentes como Bradesco (BBDC4) e Santander (SANB11) .

“A eficiência de custos também é fundamental para a expansão do ROE. Vemos espaço para aumento adicional na eficiência de custos no Itaú à medida que a transformação digital continua, com eficiências também decorrentes do uso de dados e IA, juntamente com a otimização da rede de distribuição”, seguem os especialistas.

No entanto, o Safra ainda vê o Bradesco com um bom valuation, enquanto a B3 (B3SA3) aparece como principal escolha no setor financeiro como um todo.

No geral, sobre a situação do sistema financeiro, o Safra não vê grandes mudanças nas tendências, com taxa de inadimplência (NPL) estável e spreads mostrando redução. Segundo o Banco Central, a inadimplência – considerados atrasos acima de 90 dias – tem se mantido estável há bastante tempo, com pequenas oscilações e registrou 3,3% em fevereiro. Nas operações para pessoas físicas, ela está em 3,7%, e para pessoas jurídicas em 2,6%.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240_TEXTO_CTA_A_V10.jpg

Itaú é banco preferido de analistas; entenda motivos

Em novo relatório sobre sua carteira recomendada do Ibovespa, especialistas do Santander reiteraram sua predileção pelo Itaú dentro do setor de bancos.

Com recomendação de compra para as ações do Itaú, os especialistas têm um preço-alvo de R$ 44, ao passo que os papéis ITUB4 são negociados a R$ 33,50 em bolsa atualmente.

Ou seja, se concretizada a projeção implicaria em um upside de cerca de 30%.

A justificativa para tanto otimismo é o aumento do Retorno Sobre Patrimônio Líquido (ROE, na sigla em inglês) na perpetuidade de 18% para 19%.

“Olhando para o futuro, prevemos que o Itaú volte a acelerar a concessão de empréstimos em segmentos específicos, principalmente agora que estabilizou a inadimplência da sua carteira de crédito”, diz o Santander sobre o banco.

“Como se espera que a maior parte do processo de redução de risco do Itaú tenha sido concluída no 4T23, prevemos que essa mudança se tornará aparente em 2024. Prevemos que os empréstimos aumentarão mais do que a projeção da Febraban para 2024 e que o NII (net interest income) crescerá dois dígitos, impulsionado pela melhoria dos spreads”, completa.

A casa também acrescenta que espera um que um novo ciclo de crédito normalmente resulte num aumento das comissões bancárias – fatia da receita em que poderá haver um risco altista sobre as projeções atuais.

Sobre os resultados mais recentes do banco, referentes ao quarto trimestre de 2023, o banco destaca que vê “números sólidos”, qualidade de ativos, desempenho positivo no lado de receitas e despesas controladas.

Desempenho anual das ações do Itaú

Na tarde desta terça-feira (02), as ações do Itaú caem 0,57%, cotadas a R$ 33,25.

Cotação ITUB4

Gráfico gerado em: 02/04/2024
1 Ano

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Controle-de-Investimentos.png

Vinícius Alves

Compartilhe sua opinião