Ibovespa abre em queda seguindo clima de aversão ao risco do exterior

Ibovespa abre em queda seguindo clima de aversão ao risco do exterior
Ibovespa. Foto: Pixabay.

Depois de fechar em 126 mil pontos na segunda-feira, o Ibovespa abre o pregão desta terça (27) em queda de 0,82% aos 124.858,21 pontos, de olho no mercado externo e digerindo os balanços das empresas que começam a esquentar nesta temporada do segundo trimestre.

A movimentação do Ibovespa hoje deve refletir em partes o clima de aversão ao risco que está forte no mercado internacional. Isso porque as restrições chinesas para ter maior controle sobre as empresas de tecnologia do país seguem incomodando.

Pelo segundo dia consecutivo, as bolsas de valores asiáticas fecharam em queda, com destaque para o principal índice de ações de Hong Kong, que despencou 4,42%, enquanto a bolsa de Xangai caiu 2,49%.

Na Europa e nos Estados Unidos, os principais indicadores seguem pelo mesmo caminho de queda.

Ontem os números da temporada de balanços americana foram bem com o avanço de 998% no lucro da Tesla. Hoje o dia reserva a divulgação dos balanços da Apple (APPL34), Google (GOGL34) e Microsoft (MSFT34) após o fechamento do mercado.

A animação do mercado americano pode refletir no Ibovespa hoje ao longo do dia. Ainda mais com os investidores aguardando os balanços por aqui também. A segunda-feira já trouxe os números da EDP Brasil (ENBR3) e da Tim (TIMS3).

Nesta terça, após o pregão, teremos Carrefour (CRFB3), CSN (CSNA3) e CSN Mineração (CMIN3), Assaí (ASAI3) e Vivo (VIVT4). Mas até lá, outras empresas movimentam o índice Bovespa hoje:

O que movimenta o Ibovespa nesta terça-feira:

  • Magazine Luiza conclui compra da Sode
  • EDP Brasil lucrou R$ 344,49 milhões no segundo trimestre de 2021
  • Tim teve lucro líquido de R$ 672 milhões no 2T21

Magazine Luiza adquire plataforma de entregas Sode

O Magalu concluiu a aquisição da plataforma de logística de entregas ultra-rápidas Sode. Com a aquisição, a companhia pretende acelerar as entregas para a maioria de suas lojas. A Sode possui taxa de conversão 62% maior para os pedidos entregues em até uma hora, quando comparada com o prazo habitual do mercado de 48 horas, de acordo com a Magazine Luiza.

Para o analista Luis Sales da Guide, o impacto é positivo. “Vemos a aquisição com bons olhos, pois permitirá que a Magazine Luiza expanda ainda mais o seu serviço de entrega veloz, percebido como um importante diferencial no setor”, diz em relatório matinal aos clientes.

EDP Brasil lucrou R$ 344,49 milhões

A EDP Brasil registrou lucro líquido de R$ 344,49 milhões no segundo trimestre de 2021. O valor representa um avanço de 45,2% em relação ao mesmo período do ano passado, quando a empresa de energia lucrou R$ 237,23 milhões.

O lucro da EDP veio acima do consenso no mercado. Analistas projetavam um resultado de R$ 221 milhões.

Tim teve lucro líquido de R$ 672 milhões no 2T21

Já a Tim, registrou lucro líquido de R$ 672 milhões no 2T21, um avanço de 151,3% na comparação anual. No mesmo período de 2020, a empresa de telecomunicações havia lucrado R$ 267 milhões.

A receita líquida da empresa totalizou R$ 4,4 bilhões, representando uma alta de 10,5% na comparação anual. Na análise da operadora, esse valor representa o crescimento do ritmo de expansão, “mantendo a trajetória de recuperação observada desde o terceiro trimestre de 2020”.

Destaques do Ibovespa

As principais altas no Ibovespa:

Tim (TIMS3): +1,82%
Americanas (AMER3): +1,12%
CPFL Energia (CPFE3): +0,97%}
Cielo (CIEL3): +0,59%
JBS (JBSS3): +0,51%

As principais quedas no Ibovespa, às 10h35, eram:

Azul (AZUL4): -2,89%
Locaweb (LWSA3): -2,57%
Hering (HGTX3): -2,40%
Brasken (BRKM5): -2,32%
Petro Rio (PRIO3): -2,24%

Principais índices

IFIX: +0,13%
SMLL: -0,78%
IDIV: -0,43%
IBRX 100: -0,98%

Bolsas mundiais

Veja o desempenho dos principais índices acionários no exterior, por volta do mesmo horário, além do índice Ibovespa:

S&P 500 futuro: -0,20%
Nasdaq futuro: -0,04%
DAX 30 (Alemanha): -0,48%
FTSE 100 (Inglaterra): -0,40%
Euro Stoxx 50: -0,46%
SSE Composite (Xangai): -2,49% (fechada)
Nikkei 225 (Japão): +0,49 (fechada)

Última cotação do Ibovespa

O Ibovespa fechou o pregão de segunda-feira (26) em alta de 0,76%, a 126.003 pontos.

Monique Lima

Compartilhe sua opinião

Receba os destaques que irão movimentar o cenário econômico antes da abertura do mercado.

Inscreva-se