Acesso Rápido

    Radar do Mercado: Cogna (COGN3) divulga resultados do quarto trimestre de 2020

    Radar do Mercado: Cogna (COGN3) divulga resultados do quarto trimestre de 2020

    A companhia auferiu uma receita líquida de R$ 1,6 bilhão no 4T20, um decréscimo de 14,9% ante o quarto trimestre de 2019. Em 2020, as receitas totais (R$ 5,9 bilhões) ainda caíram 16,1% quando comparadas com as do ano anterior.

    O resultado reflete as pressões sofridas no ensino superior por conta da pandemia, bem como o menor volume de vendas do Programa Nacional do Livro Didático, este parcialmente compensado pelo crescimento nas subsidiárias Vasta e Platos.

    O Ebitda recorrente foi negativo em R$ 100,5 milhões, ante um Ebitda recorrente de R$ 504 milhões no 4T19. O impacto veio do complemento de provisões para crédito de liquidação duvidosa: R$ 415 milhões no trimestre final do ano.

    Por esses fatores, a companhia encerrou o 4T20 registrando um prejuízo líquido ajustado de R$ 589 milhões, o que reverte um lucro líquido de R$ 51,6 milhões no mesmo período de 2019. Em 2020, o prejuízo ajustado foi de R$ 907,5 milhões, um resultado bastante deteriorado em relação ao lucro de R$ 771,9 milhões registrado no ano anterior.

    Guia de Investimento em Renda Fixa

    Invista com segurança e rentabilidade: baixe gratuitamente o nosso ebook e conheça as principais opções de investimento em Renda Fixa!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    A dívida líquida/Ebitda ajustado dos últimos 12 meses foi de 3,23x, permanecendo acima do limite de 3x estabelecido pelo regulamento das debêntures pela segunda vez. Embora a situação não caracterize quebra de covenants, a empresa ressaltou que iniciou negociações com os credores para rever os critérios relativos ao tema.

    Apesar dos resultados negativos, a Cogna destacou a reestruturação da operação Kroton Campus, concluída e já capturando eficiências no primeiro trimestre de 2021.

    Além disso, a companhia registrou avanços na Vasta, que totalizou um valor de contrato anual de R$ 853 milhões para 2021, número 23% superior ao valor de receita de subscrição reconhecido entre o 4T19 e o 3T20.

    Tags
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *