4 dicas de como investir para viajar para a Copa

Conseguir assistir às partidas do maior evento esportivo do mundo é uma sensação emocionante, principalmente para a maioria dos brasileiros que amam o futebol.

Portanto, preparamos um guia completo para assistir à Copa para que você faça o seu planejamento financeiro da forma certa!

EBOOK COMO ANALISAR UMA ACAO

Quanto custa viajar para a próxima copa

Planejar os gastos para a copa pode ser um grande desafio, tanto pela distância do evento quanto pelo fato de que a copa ocorrerá nos EUA, Canadá e México.

Sendo assim, dependendo de qual país o torcedor vá assistir aos jogos, o custo pode variar. Por outro lado, se ele for para os três países, o custo é ainda maior.

Supondo, no entanto, que ele vá apenas para os EUA. Se ele for ver 2 jogos, os custos podem ficar da seguinte forma:

  • R$6.000 (passagens) + R$4.000 (hospedagem) + R$2.500 (alimentação) + R$1200 (para 2 jogos) = R$13.500.

Por outro lado, se o torcedor for para o México, país com custos menores, poderá gastar um pouco menos (também para 2 jogos)

  • R$3.000 (passagens) + R$1.500 (hospedagem) + R$1.000 (alimentação) + R$1200 (para 2 jogos) = R$6.100.

Agora considerando que ele passe pelos três países da Copa e veja um jogo em cada um (totalizando 3 jogos), a realidade é outra:

  • R$15.000 (passagens) + R$7.000 (hospedagem) + R$4.000 (alimentação) + R$ 1800 (para 3 jogos) = R$27.800

Vale notar que esses valores são aproximados e não consideram o câmbio do real frente a moeda dos países da copa. Portanto, o valor pode aumentar ou diminuir consideravelmente.

Por fim, é possível procurar por pacotes para copa, que costumam evitar a dor de cabeça na hora da viagem.

Como investir até a copa?

Existem muitas formas através das quais o turista pode investir até a próxima copa. Mas todas elas envolvem alguns princípios, como constância e disciplina.

Em primeiro lugar, é interessante guardar uma quantia mensal e colocar em uma conta do banco ou em um investimento.

Dessa forma, o seu capital se multiplicará ao longo do tempo – mesmo que pouco, já que poucos anos não dão conta dos juros compostos multiplicarem o dinheiro de forma exponencial.

Além disso, vale a pena economizar nos gastos para a viagem para copa, uma vez que qualquer dinheiro economizado pode ir para o dinheiro guardado para a copa.

Para se ter noção do dinheiro que deve guardar, é possível pesquisar por dados de hotéis, transportes, ingressos, alimentação e começar a procurar por promoções e descontos.

1. Crie um planejamento financeiro para a copa

É verdade que planejar as finanças é fundamental para qualquer viagem, mas para a copa é ainda mais.

Na edição de 2026, serão muitos dias de evento e muitas localidades para se visitar, dependendo da quantidade de jogos que a pessoa quer ver.

Por isso, quem quiser aproveitar o evento inteiro vai precisar organizar as finanças para conseguir ficar em outro país durante todo o período da copa.

Portanto, é importante pensar em vários fatores, como o câmbio entre moedas, qual hotel é o melhor, entre outros, para o planejamento financeiro.

Existem muitas pessoas que fazem viagens caras e luxuosas, mas que sofrem em dívidas para conseguir pagá-las totalmente. Por isso, o ideal é se organizar e evitar problemas desse tipo.

O planejamento para a copa não difere: como é uma viagem internacional, é preciso calcular os custos em dólares e juntar uma boa quantia em dinheiro.

Uma dica importante é montar uma planilha de investimentos e calcular todos os custos envolvidos na viagem – além, é claro, de separar um valor a mais para o caso de imprevistos.

2. Pesquise com antecedência os valores de hospedagem e passagens

Primeiramente, para quem quer saber como ir para copa deve pensar em todos os quesitos: avião para transporte, estadia em hotel (ou hotéis), ingressos para os principais jogos e alimentação durante todos os dias.

Sendo assim, ele deve considerar se ficará durante toda a copa ou se vai preferir ficar apenas para assistir aos jogos – quanto mais dias, mais dinheiro gasto.

Nesse sentido, a copa se apresenta como um desafio maior do que as outras, pois se passará em três países. Além de significar diversas estadias, significa que será preciso cuidar de três vistos internacionais.

Portanto, o ideal é começar se planejando desde agora, buscando as acomodações para se ficar e também buscando comprar ingresso para copa desde já

Vale também criar uma reserva de emergência caso ocorra algum problema na viagem. Assim, evitam-se imprevistos.

3. Acompanhe ao máximo a variação do câmbio

O investidor também deve fazer o câmbio correto para não ser pego desprevenido. Afinal, ele está acostumado com gastos em real, mas a copa será em moedas internacionais!

A economia pode mudar muito em 4 anos, e não se sabe se o câmbio estará favorável ou não.

Caso o câmbio esteja favorável, isso pode representar uma boa economia! No entanto, caso o real tenha perdido valor frente às outras moedas, será preciso gastar mais para essa viagem.

Por isso, é interessante ficar de olho no câmbio e aproveitar momentos de queda das moedas utilizadas para comprá-las gastando menos.

 Assim, consegue-se uma promoção para copa, pois será possível ir nela gastando menos.

É possível tanto comprar pouco a pouco em cada queda, ou comprar um pouco mais caso ocorra uma queda muito brusca.

Por fim, vale a pena também planejar o que se vai comer durante a estadia, pois se o dólar estiver alto, vai ser caro se alimentar.

4. Diversifique seus investimentos para ir para copa

Muitas pessoas se perguntam onde investir para viajar para Copa. Idealmente, o investidor pode diversificar os seus investimentos em diversas classes de ativos para se preparar para a Copa:

Renda fixa 

O ativo de renda fixa entrega uma rentabilidade combinada ao final de um período, e é uma forma de ter previsibilidade em relação aos seus ganhos.

Além disso, ao investir em renda fixa, está comprando um título de dívida. Ou seja, o investidor empresta dinheiro ao emissor do título e em troca recebe juros por isso.

suno_banner id=”249464″]

Entre as opções de renda fixa, pode-se citar, por exemplo: tesouro direto, CDBs, LCIs, LCAs, tesouro IPCA e muitos outros. Inclusive, é possível investir em pré-fixados com vencimento perto da data da copa.

Além disso, a renda fixa é a melhor opção para quem quer tirar seus recursos da poupança, mas que não se sente seguro para investir em produtos arriscados.

Ações que pagam dividendos

Por outro lado, é possível investir em ações que distribuam bons dividendos para que se gere uma renda capaz de arcar com alguns gastos da copa.

Os dividendos são parcelas do lucro líquido de empresas de sociedade anônima (S/A) que elas destinam aos seus sócios, ou seja, os acionistas que possuem suas ações listadas em bolsa.

Por exemplo: ações do setor bancário, de energia elétrica e de commodities tendem a pagar bons dividendos.

Características de empresas boas pagadoras de dividendos:

  • Forte geração de caixa e lucro
  • Previsibilidade e baixa volatilidade
  • Baixo endividamento
  • Rentabilidade
  • Crescimento moderado
  • Baixo risco

Fundos Imobiliários

Além disso, fundos imobiliários, que nada mais são do que fundos investindo em ativos do setor de imóveis, distribuem bons proventos aos acionistas.

Vale notar que a maioria dos fundos imobiliários distribuem seus rendimentos de forma mensal, dando assim uma boa previsibilidade de ganhos ao investidor.

Sendo assim, têm fundos de tijolo, papel, fundos Imobiliários de fundos, fundos híbridos e fundos de desenvolvimento.

Nesse sentido, para escolher um bom fundo é importante olhas esses pontos: dívidas, liquidez, portfólio, estratégia, processos judiciais, performance do fundo e manutenção dos imóveis.

Ativos dolarizados (como ETFs, ações estrangeiras)

Por fim, ativos dolarizados são uma possibilidade, pois estão atrelados ao dólar (principal moeda da copa).

Nesse sentido, pode-se investir em ETFs em bolsas brasileiras, BDRs, além de ações internacionais, REITs e ETFs diretamente por corretoras estrangeiras.

Investir no exterior pode ser uma ótima opção para proteger o dinheiro da desvalorização do real, é muito importante acompanhar as bolsas e a economia mundial para entender quais países valem mais a pena.

Outro ponto importante é a possibilidade de receber dividendos em dólar, que podem ser reinvestidos para receber mais ou guardá-los para a viagem.

Você ainda tem dúvidas sobre o planejamento financeiro para a copa? Comente abaixo para podermos te ajudar!

PLANILHA DA VIDA FINANCEIRA

Perguntas frequentes sobre copa
Como investir para copa?

É possível fazer uma carteira diversificada para investir para o evento, composta por ativos de renda fixa, ações que distribuam dividendos, fundos imobiliários e ativos dolarizados (como ETFs, ações americanas e outros).

Quanto custa viajar para copa?

Dependendo de qual país o torcedor irá e da quantidade de jogos que assistirá, o valor para viajar para a copa do mundo 2026 pode variar entre R$6 mil a R$ 30 mil ou mais.

ACESSO RÁPIDO
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    2 comentários

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • Priscilla 25 de novembro de 2022
      Muito bom Gostei das novidadesResponder
    • Cliciane Carvalho Santana 6 de dezembro de 2022
      Boa noite Como faço pra investir no exterior, e quanto precisa?Responder