SNEL11: veja o que movimentou o fundo imobiliário focado em energia limpa em maio

Recentemente a Suno Asset publicou o primeiro relatório de monitoramento de obras do SNEL11, o seu fundo imobiliário focado em energia limpa. No documento a gestora detalha o principal movimento dentro do fundo no mês de maio – aquisição das obras das Usinas fotovoltaicas (UVF) San Remo 1 e 2, em parceria com a Impetus Energy.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/05/Lead-Magnet-Dkp-1.png

Os projetos ficam em João Pinheiro (MG), da distribuidora Cemig (CMIG4), e possuem Capex de R$ 19,1 milhões, além de potência instalada projetada de 4,76MW (1,4MW San Remo 1 e 3,36MW San Remo 2).

“A energia gerada pelas usinas será vendida pelas comercializadoras, tendo como público-alvo pessoas físicas e pequenos negócios. A projeção desse fluxo de comercialização corrobora com uma TIR de 24,95% a.a. para os projetos”, diz a Suno Asset, no relatório.

O mês de maio foi o primeiro mês das atividades de obras da usina, ou seja, ainda de atividades preliminares como terraplanagem. O andamento da obra, contudo, já demonstrou um andamento acima do esperado, com uma média de 11,25% de adiantamento.

Com isso, o cronograma esperado é que, ainda em julho, a obra que faz parte da carteira do SNEL11 tenha avanço na construção de 800 metros da rede nova, perfuração do solo para implantação de estacas, entrega e implantação 1500 pilares e o início da implantação da drenagem.

Os meses a seguir, aliás, favorecem positivamente o andamento das obras por causa de questões climáticas.

“Ressaltamos que historicamente a região de João Pinheiro apresenta a menor precipitação histórica nos meses de maio, junho, julho, agosto e setembro, que são justamente os meses de maior avanço previsto no cronograma de obras”, diz a Suno Asset.

Segundo o relatório, a previsão é de que os 40% remanescentes para o término da instalação também ocorram até a metade do mês de junho

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/01/1420x240-Banner-Artigos-1-_-Banner-Materias-1-SNCI-AO.png

Relatório de monitoramento

O relatório referente a maio será publicado mensalmente e tem objetivo de dar transparência aos investidores sobre tudo que afeta as obras do SNEL11, incluindo:

  • Acompanhamento do avanço das obras para mapear possíveis riscos relacionados a sua execução e assim, buscar soluções para estes eventuais contratempos
  • Apuração mensal da geração de energia durante o mês para validar se a eficiência dos projetos está em linha com o planejado
  • Verificação do andamento da comercialização da energia gerada pelas usinas investidas pelo fundo e monitoramento da inadimplência da base de clientes

Tudo sobre o SNEL11

O ativo é um fundo imobiliário com uma tese voltada para o desenvolvimento da matriz energética brasileira.

Você pode ler mais sobre o pontapé inicial do primeiro projeto de energia limpa do SNEL11 aqui, sobre seu lançamento aqui, e ter contato com todas as demais informações para investidores aqui.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Minicurso-FIIS.png

Eduardo Vargas

Compartilhe sua opinião