URGENTE

Oi (OIBR3), BRF (BRFS3) e Petrobras (PETR4) agitam o mercado

Oi (OIBR3), BRF (BRFS3) e Petrobras (PETR4) agitam o mercado
Oi (OIBR3). Foto: Divulgação

Nos destaques de empresas desta quarta-feira (13), chama atenção do mercado a Oi (OIBR3) que aprovou a venda de imóvel no Leblon, Rio de Janeiro.

Além da Oi, está entre os destaques de empresas a BRF (BRFS3) que finalizou um investimento de R$ 8 milhões para a modernização de sua planta em Buriti Alegre, em Goiás. Por sua vez, a Petrobras (PETR4) concluiu a venda de fatia no campo terrestre de Rabo Branco (SE).

Já a Embraer (EMBR3) ganhou certificação nos Estados Unidos e poderá oferecer novos designs no interior de aeronaves. Já a Kora Saúde (KRSA3) comprou o grupo OTO por R$ 248 milhões.

Veja os destaques de empresas desta quarta-feira:

Oi

A Oi deu mais um passo, no fim da última semana, em sua intenção de vender um imóvel de sua propriedade localizado no bairro do Leblon, no Rio de Janeiro. O Conselho da tele aprovou a proposta por unanimidade.

O imóvel da Oi está localizado na Rua Humberto de Campos, número 425, em um terreno de 2.295 metros quadrados e tem área construída de 13.182 metros quadrados. A companhia, em recuperação judicial, disse que a operação está sujeita à realização prévia de due diligence pelo futuro comprador e à aprovação da Anatel.

BRF

A BRF finalizou um investimento de R$ 8 milhões para a modernização de sua planta em Buriti Alegre, em Goiás, como parte da, segundo a empresa, Jornada Indústria 4.0.

Em nota, a BRF afirma que os recursos foram alocados em novas tecnologias de automação, Internet das Coisas, computação em nuvem e análise de dados. O investimento é uma forma de automatizar os processos, ganhar eficiência operacional e reduzir os custos da produção.

Petrobras

A Petrobras concluiu a venda de sua participação de 50% no campo terrestre de Rabo Branco, na Bacia de Sergipe-Alagoas, no Estado de Sergipe, para a empresa Petrom Produção de Petróleo e Gás Ltda (Petrom).

A venda para a Petrom decorreu do exercício do direito de preferência da empresa previsto contratualmente. Após o cumprimento de todas as condições precedentes, a operação foi concluída pelo valor da venda de US$ 1,5 milhão, que já havia sido integralmente depositado, em conta-garantia em benefício da Petrobras, na data de assinatura do contrato de compra e venda, em 7 de maio de 2021.

Embraer

A Embraer informou que o Centro de Serviços de Jatos Executivos em Fort Lauderdale, na Flórida, EUA, foi certificado como Centro de Instalação Aeroespacial Collins BE (Collins BE Aerospace Completion Center).

A certificação da Embraer ocorreu na edição 2021 da convenção e exposição da National Business Aviation Association (NBAA). O reconhecimento foi dado ao acabamento das aeronaves — especificamente para estofamento e assentos de aviões já em operação.

Kora Saúde

Novata na bolsa, a Kora Saúde comprou de 80% do Grupo OTO, com hospitais nas cidades de Fortaleza, Caucaia e Messejana, no Estado do Ceará, por R$ 248 milhões.

De acordo com o informe da Kora, serão pagos R$ 140 milhões à vista, na data de fechamento, R$ 79 milhões ao longo dos próximos 6 anos e R$ 29 milhões por meio de troca de ações das participações da Companhia nos Hospitais Gastroclinica e Hospital São Mateus (ambos localizados em Fortaleza) que serão incorporados ao Grupo OTO.

Os destaques de empresas do Suno Notícias mostram os principais acontecimentos que prometem movimentar o mercado durante o dia, como a Oi que deve estar no foco dos investidores ao longo do dia.

Poliana Santos

Compartilhe sua opinião