Oi (OIBR3) aprova venda de imóvel no Leblon (RJ)

Oi (OIBR3) aprova venda de imóvel no Leblon (RJ)
Oi (OIBR3). Foto: Divulgação

A Oi (OIBR3) deu mais um passo, no fim da última semana, em sua intenção de vender um imóvel de sua propriedade localizado no bairro do Leblon, no Rio de Janeiro. O Conselho da tele aprovou a proposta por unanimidade.

O imóvel da Oi está localizado na Rua Humberto de Campos, número 425, em um terreno de 2.295 metros quadrados e tem área construída de 13.182 metros quadrados.

A companhia, em recuperação judicial, disse que a operação está sujeita à realização prévia de due diligence pelo futuro comprador e à aprovação da Anatel.

“Será dada ciência da aprovação ora concedida ao Juízo da 7ª Vara Empresarial da Comarca da Capital do Estado do Rio de Janeiro e será postulada a expedição de alvará judicial para a transferência do bem”, informou a tele.

Na última semana, o Conselho da Oi havia aprovado a venda de um imóvel em Brasília, por R$ 100 milhões. A proposta foi feita pela DFC Empreendimentos e Participações e Meirelles Mascarenhas Empreendimentos Imobiliários.

A empresa continua em sua empreitada em aumentar o dinheiro em caixa, com o intuito de reduzir seu endividamento. Quando entrou em recuperação judicial, há cinco anos, as dívidas somavam cerca de R$ 65 bilhões.

Desde então, a empresa já vendeu a Unitel, por R$ 4,2 bilhões, torres e data centers, por R$ 1,4 bilhão, e sua operação móvel, por R$ 15,8 bilhões.

Veja também:

Oi assina contrato de venda da InfraCo por R$ 12,9 bilhões com BTG

A Oi assinou no início deste mês o contrato de venda da Infraco, unidade de fibra ótica da operadora, com a Globenet e fundos do BTG Pactual (BPAC11), no valor total de R$ 12,9 bilhões.

O ativo foi vendido por meio do leilão, que aconteceu em julho deste ano.

Segundo o fato relevante da Oi, será uma parcela primária e uma secundária, além de duas parcelas adicionais para o fechamento da operação.

Após as etapas previstas, os acionistas dos fundos do BTG e Globenet deterão 57,9% das ações representativas do capital social da InfraCo, permanecendo a Oi e suas subsidiárias com a participação restante do capital.

Jader Lazarini

Compartilhe sua opinião

Manual 10 passos essenciais para se tornar um investidor de sucesso. Baixe Grátis!

Baixar agora!