Neogrid (NGRD3) estreia na Bolsa com alta de 2%, negociada a R$ 4,60

Neogrid (NGRD3) estreia na Bolsa com alta de 2%, negociada a R$ 4,60
Neogrid. Foto: Reprodução Facebook

A Neogrid (NGRD3), empresa de tecnologia que fornece soluções de abastecimento de produtos, estreia na Bolsa de Valores de São Paulo (B3) nesta quinta-feira (17) com alta de 2%, negociada a R$ 4,60. A companhia precificou sua oferta pública de ações (IPO), na última quarta-feira (16) e movimentou R$ 486,45 milhões.

Segundo o jornal “Valor Econômico”, a Neogrid precificou sua oferta em R$ 4,50 por ação, abaixo da faixa indicativa de preço, que ia de R$ 5,50 a R$ 7,25. A abertura de capital da empresa de softwares marca o último IPO do ano. A venda de ações foi comandada pelo Credit Suisse, pelo Citi Bank e pela UBS BB.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

Ontem, durante o evento de abertura de capital, o presidente da B3, Gilson Finkelsztain, disse que o IPO da Neogrid é um marco para as empresas de tecnologia na Bolsa, já que havia a crença de que não seria viável listá-las no Brasil.

“Seguimos confiantes de que 2021 tem condições de seguir trajetória positiva, com setores diferentes e empresas de diferentes portes”, afirmou Finkelsztain. Ele lembrou ainda que os investimentos na Neogrid serão usados tanto em crescimento seja por meio de fusões e aquisições ou por movimento orgânicos.

Neogrid vai investir em fusões e aquisições

A companhia de softwares, sediada em Joinville, em Santa Catarina, pretende destinar 80% do valor angariado com a oferta primária para fazer fusões e aquisições (M&A, na sigla em inglês) e 20% para investir em pesquisa e desenvolvimento.

A Neogrid tem uma lista de clientes com cerca de 37 mil empresas e, entre elas, estão nomes grandes como Sony, Bauducco, Cimed e Kraft Heinz.

Além disso, tem presença em São Paulo, Porto Alegre, Chicago (EUA) e Amsterdã (Holanda).

Em 2019, a companhia anotou lucro líquido de R$ 8,654 milhões, ante R$ 11.926 milhões anotados em 2018. Já a receita líquida terminou o ano passado em R$ 207,099 milhões, contra R$ 177,028 milhões no ano anterior.

Ontem, em seu discurso durante o evento, o fundador da Neogrid, Miguel Abuhab, disse que teve “de catequizar o mercado, por isso nosso caminho foi mais longo”. Ele contou que a jornada de provar aos clientes a importância da plataforma de gestão de estoques foi longa, mas que eles já veem os resultados de utilizá-la.

Poliana Santos

Compartilhe sua opinião