Internet de Elon Musk é aprovada por órgão regulador do Reino Unido

Internet de Elon Musk é aprovada por órgão regulador do Reino Unido
O Reino Unido aprovou o serviço de internet via satélite Starlink, da SpaceX, do CEO Elon Musk.

O Reino Unido aprovou o serviço de internet via satélite Starlink, da SpaceX, do CEO Elon Musk. Logo após a autorização da agência reguladora de serviços de comunicação britânica (Ofcom, em inglês), alguns usuários já receberam os kits para realizarem os testes beta do serviço.

O kit custa 439 libras (cerca de R$ 3,2 mil) à vista, além de £ 84 libras (R$ 620) mensais. O serviço de Elon Musk é considerada uma “super internet”, já que pode prover velocidades entre 50 Mbps e 150 Mbps. Segundo relatos reportados pela Bloomberg no último sábado (9), a velocidade máxima registrada com o aparelho foi de 210 Mbps, mais do que o prometido pela empresa.

A autorização da Ofcam faz com que a Starlink passe a concorrer com provedores de internet terrestres do país, com o BT Group, e companhias de satélite tradicionais, como a OneWeb.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

De acordo com informações da SpaceX, o Reino Unido não é o único país europeu que passará a abrigar suas operações. Também fazem parte deste grupo a Alemanha, Austrália e Grécia, que já aprovaram o serviço de banda larga do bilionário.

No ano passado, Canadá e Estados Unidos já passaram a fazer testes do serviço beta da Starlink. O objetivo do empresário é fornecer uma banda larga super-rápida em todo o planeta, “cobrindo” a Terra com cerca de 42 mil satélites.

Ebook Gratuito
Baixe agora nosso
Guia de Investimentos para 2021
Confira gratuitamente quais são nossas perspectivas para o ano.

Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

Já foram lançados ao espaço ao menos 830 satélites da empresa, e seguem em funcionamento. Todos os satélites do serviço estão localizados em órbita baixa, entre 540 e 570 quilômetros de distância do globo.

Elon Musk se torna a pessoa mais rica do mundo

O megaempresário, fundador do PayPal e da Tesla, se tornou o homem mais rico do planeta após ultrapassar Jeff Bezos, fundador da Amazon, na última semana. Musk agora tem um patrimônio avaliado em aproximadamente US$ 185 bilhões.

Bezos ocupava a primeira posição desde 2017, enquanto Musk, no início de 2020, possuía uma riqueza de cerca de US$ 27 bilhões e não chegava a estar entre as 50 pessoas mais ricas do planeta. A disparada do preço das ações da Tesla, entretanto, adicionaram mais de US$ 150 bilhões em seu patrimônio.

Musk escalou a lista das pessoas mais ricas do mundo em 2020. Em julho, ultrapassou Warren Buffet e se tornou o sétimo maior afortunado. Em novembro, ultrapassou Bill Gates e Mark Zuckerberg, e passou a ocupar a segunda colocação.

Elon Musk e suas empresas começaram 2021 com tudo: além do empresário ter se tornado a pessoa mais rica do mundo, agora sua montadora de veículos elétricos já vale mais que o Facebook, com um valor de mercado de US$ 785,18 bilhões.

Jader Lazarini

Compartilhe sua opinião