Mercado

Ibovespa tem alta de 0,8%, com commodities e PEC dos Precatórios; Petrobras (PETR4) sobe 2%

Fechamento do Dia Ibovespa anota alta de 0,8%, com commodities e PEC dos Precatórios; Petrobras (PETR4) salta 2% O índice ampliou a alta de terça-feira, quando avançou 1,5%
Arthur Guimarães
por Arthur Guimarães

O Ibovespa estendeu a alta do pregão passado, com uma valorização de 0,83% que o levou aos 104.514,19 pontos nesta quarta-feira (24). O índice foi impulsionado por ações ligadas a commodities e pelo recuo dos juros longos.

O Ibovespa reagiu positivamente ao dado recorde de arrecadação em outubro, de R$ 178,742 bilhões, porém seguiu com um pé atrás em relação os efeitos trazidos pelas propostas de mudanças no texto da PEC dos Precatórios, a qual tramita no Senado.

João Beck, economista e sócio da BRA, explicou que os impactos fiscais das alteração ainda não são conhecidos, o que aumenta as incertezas. Apesar disso, a aprovação da proposta deve trazer ao menos algum alívio momentâneo à curva de juros e para o câmbio. O texto deve ser votado até o fim da próxima semana.

Movimentação do Ibovespa hoje

O índice foi abastecido pelas ações ligadas a commodities, entre as quais Vale (VALE3) e Petrobras (PETR4), que subiram ambas por volta de 2%.

O alívio na curva de juros abriu espaço para um salto nas cotações da Locaweb (LWSA3) e Inter (BIDI4), bem como para a varejista Americanas (AMER3).

Maiores altas do Ibovespa

As maiores altas do Ibovespa no dia de hoje foram:

Banco Pan (BPAN4): +5,19% / R$ 11,36
Locaweb (LWSA3): +4,85% / R$ 13,85
Lojas Americanas (LAME4): +4,02% / R$ 5,69
Inter (BIDI11): +4,02% / R$ 36,20
Cogna (COGN3): +3,80% / R$ 2,46

Maiores baixas do Ibovespa

As maiores baixas do Ibovespa no dia de hoje foram:

Natura (NTCO3): -3,64% / R$ 28,09
PetroRio (PRIO3): -3,40% / R$ 21,90
Rede D’Or (RDOR3): -3,12% / R$ 52,15
Hapvida (HAPV3): -2,41% / R$ 12,53
Notredame Intermédica (GNDI3): -2,38% / R$ 70,10

Notícias que movimentaram a bolsa de valores

TIM não recebeu proposta da KKR ou Telecom
Petrobras não atenderá ‘demanda atípica’
Maquininhas perdem R$ 160 bi na Bolsa

TIM (TIMS3) não recebeu nenhuma proposta da KKR e nem contato da Telecom

A TIM (TIMS3) não recebeu nenhuma proposta do fundo private equity KKR e nenhum contato da controladora Telecom Italia. As únicas informações que a operadora brasileira tem sobre as questões societárias que estão em andamento são aquelas já divulgadas.

A manifestação da operadora acontece após o mercado avaliar que se a aquisição de US$ 12 bilhões da Telecom Italia for concretizada, a KKR irá vender a TIM Brasil. Isso porque o fundo está interessado apenas na italiana e em sua unidade de fibra. A KKR já havia comprado uma participação de 37,5% na FiberCo.

Petrobras (PETR4) não atenderá todos os postos de gasolina por ‘demanda atípica’

Pelo segundo mês consecutivo, a Petrobras não atenderá todos os pedidos de distribuidoras de combustíveis em dezembro ao ver uma ‘demanda atípica”. Os executivos do setor não descartam risco de desabastecimento em um contexto em que os preços da estatal dentro das refinarias não sejam vantajosos em comparação com produtos do exterior.

A Petrobras já disse que os pedidos têm sido maiores do que o normal e defende que há outras empresas no Brasil habilitadas a importar os produtos.

“Assim como no mês de novembro, os pedidos de diesel encaminhados pelas distribuidoras para o mês de dezembro foram atípicos e superiores ao mercado esperado para este período”, disse a estatal, em nota à Reuters.

Setor de maquininhas, com Cielo (CIEL3) e GetNet (GETT11), perde R$ 160 bi

As empresas de maquininhas de cartões — como Cielo (CIEL3) e Getnet (GETT11) — perderam quase R$ 160 bilhões em valor de mercado, de acordo com dados compilados pelo Broadcast. Entre os motivos, o uso do Pix é visto como um dos maiores obstáculos, além do aumento dos juros e a alta competitividade.

A realidade do mercado é bem diferente da vista no começo dos anos 2010, quando o mercado era dominado pela Rede, do Itaú (ITUB4), e a Cielo. Hoje, são mais de 30 credenciadoras e 200 subcredenciadoras disputando a preferência de lojistas e clientes – que, desde o ano passado, ganharam o Pix como opção mais barata de transferências e pagamentos.

Já o juro afeta esses negócios porque os custos de operações como adiantamento de recebíveis, indexados ao CDI, variam com a taxa básica de juros, que subiu quase 6 pontos porcentuais desde o início do ano. “Esse talvez seja o maior risco para as margens no curto prazo e vai ser maior para as empresas que dependem mais da receita financeira“, afirma Erick Rodrigues, analista da agência de classificação de risco Moody’s.

Desempenho dos principais índices

Além do Ibovespa, confira o fechamento dos principais índices da bolsa hoje:

Ibovespa hoje: +0,83% / 104.514,19
IFIX hoje: -0,65% / 2.546,87
IBRX hoje: +0,86% / 44.459,98
SMLL hoje: +0,47% / 2.367,64
IDIV hoje: +0,42/ 6.322,72

Cotação do Ibovespa nesta terça (23)

Na sessão anterior, na terça-feira (24), o Ibovespa encerrou em alta de 1,50%, a 103.653,82 pontos.

Últimas atualizações
  atualização
24.11.2021 21:56

Encerramos as transmissões de hoje. Leia amanhã mais notícias em tempo real

Confira mais notícias em tempo real nesta quinta (25).

Saiba quais os principais destaques que irão movimentar o cenário econômico: inscreva-se aqui e receba todos os dias notícias, antes da abertura do mercado, na Suno Call.

24.11.2021 18:34

IFIX fecha em forte queda

O IFIX encerrou a sessão de hoje em forte queda de 0,65%, aos 2.546,87 pontos.

24.11.2021 18:28

Ibovespa emenda 2ª alta, impulsionado por commodities

O Ibovespa encerrou em alta de 0,83%, cotado 104.514,19 pontos, abastecido novamente por ações ligadas a commodities.

O volume negociado no pregão totalizou R$ 26.586.698.111 e a quantidade de negócios ficou em 3.968.970.

24.11.2021 17:04

Dólar termina o dia em queda, valendo R$ 5,595 na venda

O dólar encerrou a sessão de hoje em queda de 0,25%, frente ao real, valendo R$ 5,595 na venda.

24.11.2021 16:10

Arrecadação de impostos é de R$ 178 bilhões, 2ª maior da história

A arrecadação de impostos teve novo recorde para o mês de outubro, com R$ 178,742 bilhões. O resultado representa um aumento real (descontada a inflação) de 4,92% na comparação com o mesmo mês de 2020.

Em relação a setembro deste ano, houve alta real de 18,40%. Mais uma vez, o valor arrecadado no mês passado foi o maior para meses de outubro da série histórica, com início em 1995.

O resultado das receitas veio dentro do intervalo de expectativas das instituições ouvidas pelo Broadcast Projeções, que ia de R$ 157,300 bilhões a R$ 182,219 bilhões, com mediana de R$ 170,90 bilhões.

Com informações do Estadão Conteúdo

24.11.2021 14:54

Ibovespa segue tendência de alta, com votação dos precatórios no radar

O Ibovespa continuou com a tendência de alta vista mais cedo. Às 14:46, o índice apresentava crescimento de 0,84%, aos 104,507.21 pontos.

A Locaweb (LWSA3) segue como a maior alta do Ibovespa, crescendo 7,04%. Em seguida, a a Usiminas (USIM5) com 5,37% e Banco Inter (BIDI11) com 4,37%.

Além disso, a Klabin (KLBN11) e Suzano a (SUZB3) avançaram com o dólar forte, apesar do viés de queda pontual. O crescimento foi de 3,17% e 2,97%, respectivamente.

O Ibovespa hoje era influenciado pela discussão no Senado em torno da PEC dos precatórios, mas a votação foi adiada pra a próxima terça (30).

24.11.2021 14:35

Títulos do Tesouro Direto operam em queda nesta quarta-feira

Os títulos do Tesouro Direto apresentam queda nesta quarta-feira (24) em comparação com a última terça-feira (23). Veja a tabela abaixo:

24.11.2021 12:09

Locaweb (LWSA3) dispara no Ibovespa

O Ibovespa virou para alta de 0,51% aos 104 mil pontos por volta das 12h, com ampliação da alta de bancos e mineradoras.

O índice é encabeçado pela Locaweb (LWSA3), que sobe 6,6% no pregão ante uma desvalorização de mais de 30% no acumulado mensal.

A companhia sangra no Ibovespa desde a divulgação do seu balanço trimestral, com margens comprimidas e um cenário abaixo das projeções dos bancos e corretoras.

24.11.2021 10:56

Usiminas (USIM5) segue em alta com minério e varejistas ampliam quedas

O Ibovespa cai 0,97% aos 102.706 pontos, seguindo com o risco fiscal no radar.

A Usiminas (USIM5) engata alta e encabeça o pregão subindo 1,2% com a recuperação do minério, ao passo que a ponta negativa do índice segue com as varejistas.

Confira:

Maiores altas do Ibovespa:

Maiores baixas do Ibovespa:

24.11.2021 10:23

Ibovespa abre em queda e ruma a nova mínima do ano

Ibovespa hoje abre em queda de 0,34% aos 103.299 pontos, rumando novamente à mínima do ano.

Com a PEC dos Precatórios, que será votada hoje, o mercado tem retração ante um risco fiscal maior.

Com a recuperação do minério, as mineradoras e siderúrgicas são praticamente as únicas que sobem no índice, considerando que em Qingdao, o minério de ferro subiu 1,31% a US$ 96 ante alta de 0,64% para US$ 94 em Dalian.

No radar corporativo

No radar corporativo, a TIM Brasil (TIMS3) informou que não recebeu qualquer comunicado ou proposta em relação à proposta de aquisição que o fundo KKR fez para sua controladora, Telecom Italia.

Além disso, a Eletrobras (ELET3) comunicou que a CGT Eletrosul cnncluiu a aquisição de 49% da participação detida pela CEEE-T na Transmissora Sul Litorânea de Energia (TSLE).

Vale lembrar que há expectativa dos mercados internacionais pela divulgação que será feita à tarde pelo Federal Reserve, da ata da última reunião do Fomc, quando anunciou o cronograma para o tapering.

As varejistas e adquirentes seguem na ponta negativa do Ibovespa, com queda de 2,7% das Americanas (AMER3).

Veja o desempenho dos demais índices na abertura de hoje:

24.11.2021 10:12

Dólar volta a ficar misto por cautela no exterior após cair com protocolo da PEC

O dólar abriu sem direção única, com viés de alta no contrato futuro de dezembro e de baixa no mercado à vista, mas o sinal de alta prevaleceu em seguida, depois que o relator e líder do governo, Fernando Bezerra, protocolou o parecer da PEC dos Precatórios na Comissão de Constituição e Justiça do Senado. O relatório deve ser lido hoje na CCJ da Casa e pode ser votado na próxima terça-feira (30).

A alta do dólar à vista e dos juros é pelo cenário externo negativo em meio a uma piora das perspectivas para a atividade na Alemanha e na região em meio à quarta onda de covid-19 no continente europeu. O euro e a libra recuam ante o dólar e os mercados acionários nos Estados Unidos e Europa pioraram após a divulgação do índice IFO da Alemanha, que mostrou queda do sentimento das empresas e das expectativas em meio à quarta onda de covid-19 no continente europeu.

Por volta das 10h13, o dólar hoje tinha uma alta de 0,44%, negociado a R$ 5,59. O dólar para dezembro ganhava 0,17%, a R$ 5,58.

24.11.2021 09:24

Risco fiscal amarga quedas no Ibovespa

Apesar da alta do EWZ, o Ibovespa futuro opera em baixa de 0,36% após fechar o pregão de ontem aos 103.653 pontos, em alta de 1,5%.

O principal driver das quedas do Ibovespa dos últimos dias tem sido a PEC dos Precatórios, sendo que a leitura do relatório deve ocorrer nesta quarta (24) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Após aprovada, a matéria deve ir ao plenário do Senado.

A PEC abre um ‘espaço fiscal’ bilionário – estimado em R$ 106 milhões por Colnago, do Tesouro – que flexibiliza o teto e desagrada o mercado. A PEC teve novas alterações importantes recentemente, as quais você pode ler aqui.

24.11.2021 08:53

MORNING CALL - RELATÓRIO DA PEC DOS PRECATÓRIOS E DADOS DO EUA GUIAM MERCADO | Stone processada por fraude

Acompanhe o Morning Call do SUNO Notícias, ao vivo, a partir das 9hs.

24.11.2021 07:47

EWZ sobe 1,2% em conjunto com Vale e Petrobras

EWZETF que representa a bolsa brasileira, sobe 1,27% no premarket americano, com expectativa de retomada do índice após mínimas de fechamento do ano no Ibovespa.

ADR da Vale sobe 1% no premarket em Nova York com a recuperação do minério, após ter fechado o último pregão em alta de 2%.

Petrobras, por sua vez, teve alta de 5,3% na sua ADR no último pregão com as notícias sobre o petróleo. Agora, a companhia sobe 0,1%.

24.11.2021 07:44

Petróleo tem correções após retomada e minério segue em recuperação

O índice de commodities da Bloomberg opera em alta de 0,11% com recuperação dos preços do minério e do petróleo.

Em Qingdao, o minério de ferro subiu 1,31% a US$ 96 ante alta de 0,64% para US$ 94 em Dalian.

Apesar das correções nas cotações de hoje, o petróleo retoma preços a patamares historicamente altos conforme visto em semanas anteriores.

A cotação do Petróleo WTI cai 0,03% a US$ 74,18 ao passo que o Brent cai 0,1% a US$ 82,23. Isso ocorre após uma liberação estratégia dos EUA, visando alterar a oferta da commodity.

Nos metais preciosos, o ouro sobe 0,4% ao passo que a prata sobe 0,64%, em alta generalizada na Comex.

24.11.2021 07:36

Bolsas mundiais operam sem sinal único

As bolsas mundiais majoritariamente no vermelho nesta quarta-feira (24), com o premarket americano sinalizando quedas para a abertura.

Apesar do otimismo com a recondução de Powell ao Fed, o impacto da Covid-19 na Europa mantém os mercados em alerta – e pressiona o preço dos papéis dado as máximas históricas recentes.

O S&P 500, por exemplo, teve seu topo histórico na primeira semana de novembro – o que gerou movimento de realizações de lucro por parte dos investidores.

“É certamente uma história de mais ‘rotação’ [de portfólio]”, disse Rob Haworth, estrategista sênior de investimentos do U.S. Bank Wealth Management à CNBC.

Na Europa, Londres e Milão sobem isoladas com os PMIs conforme o esperado, ao passo que o DAX, na Alemanha, é pressionado pelos recordes de casos de Covid-19 no país.

Veja os principais índices:

Manual 10 passos essenciais para se tornar um investidor de sucesso. Baixe Grátis!

Baixar agora!