Hypera (HYPE3) vai pagar R$ 61,548 milhões em JCP; veja valor por ação

O conselho de administração da Hypera (HYPE3) aprovou uma nova distribuição de juros sobre capital próprio (JCP), no valor total de R$ 61,548 milhões, conforme comunicado nesta segunda-feira (20).

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/06/Lead-Magnet-1420x240-3.png

Os juros sobre capital próprio da Hypera equivalem a R$ 0,09735 por ação ordinária, sobre a qual haverá retenção de imposto de renda na fonte. Essa tributação apenas não será devida pelos investidores que comprovarem ser imunes ou isentos.

Para que isso aconteça, os investidores devem enviar os documentos que comprovem essa isenção para a instituição escrituradora, que é o banco Bradesco (BBDC4).

O pagamento dos proventos da Hypera será feito até o final do exercício social de 2025, embora a data ainda será anunciada de maneira oportuna.

A distribuição será destinada somente aos investidores com posição comprada nas ações da empresa até o encerramento da sessão do dia 23 de maio de 2024, próxima quinta-feira.

A partir de 24 de maio de 2024, as ações da Hypera passarão a ser negociadas sem direito ao recebimento dos proventos. Sobre a quantia a ser distribuída, não haverá a incidência de qualquer atualização monetária.

JCP da Hypera

  • Valor: R$ 61.548.809,22
  • Valor por ação: R$ 0,09735
  • Data de corte: 23 de maio de 2024
  • Data de pagamento: até o final do exercício social de 2025

O valor líquido dos JCP da Hypera será imputado ao total de dividendos que forem declarados pelos investidores da empresa em relação ao exercício social deste ano.

O pagamento dos proventos vai acontecer aos investidores que tenham seus cadastros atualizados juntamente ao banco Bradesco. O dinheiro será disponibilizado nos respectivos domicílios bancários desses acionistas que foram informados para a instituição depositária.

No caso dos investidores que se utilizam das custódias fiduciárias, o valor é creditado de acordo com os procedimentos adotados pelas bolsas de valores. Em relação aos acionistas que tiverem suas ações em custódia na Central Depositária da B3, o pagamento é feito pelas corretoras depositantes.

Por fim, os investidores da Hypera que não estiverem com seus cadastros atualizados, terão seus pagamentos feitos conforme compareçam a uma das agências do banco Bradesco, que poderão regularizar seus cadastros e receber os proventos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

João Vitor Jacintho

Compartilhe sua opinião