Patrocinado por:

FII TEPP11 aceita proposta para comprar 7 lajes do Edifício Fujitsu, por R$ 50 mi

FII TEPP11 aceita proposta para comprar 7 lajes do Edifício Fujitsu, por R$ 50 mi
Prédios. Foto: Free-Photos por Pixabay

O Fundo Imobiliário Tellus Properties (TEPP11) aceitou a proposta de Sale & Lease Back para aquisição  de sete lajes do Edifício Fujitsu, no bairro Bela Vista em São Paulo (SP), por R$ 50 milhões.

Em propostas de Sale & Lease Back, uma empresa vende um ativo e aluga ele de volta. De acordo com o FII TEPP11, a Fujitsu do Brasil é a vendedora das lajes, e o contrato de compra e venda deve ser fechado até o dia 4 de maio.

Além disso, o preço de aquisição das lajes será pago pelo fundo imobiliário através de um sinal de R$ 10 milhões assim que o contrato de compra e venda for assinado, sendo que  o restante do valor será pago na lavratura da Escritura definitiva, parte com recursos adicionais do FII e parte por meio de uma operação de Securitização.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Vídeo Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

Junto com a Escritura Definitiva, também será assinado um contrato atípico com vigência de cinco anos com a Fujitsu do Brasil no valor total mensal de R$ 340 mil. O FII ainda fará jus ao recebimento do aluguel proporcional ao Sinal da aquisição no ato da assinatura do contrato.

Apesar de ser uma operação de Sale & Lease Back, o fundo imobiliário informou que ainda não é possível estimar o impacto nos rendimentos decorrentes das cotas, pois ainda é necessário a adoção de determinados procedimentos para a conclusão da compra, operação de securitização e transferência dos imóveis para o TEPP11.

Veja também:

TEPP11 conclui aquisição de dois conjuntos no Condomínio São Luiz

Há pouco mais de um mês o TEPP11 anunciou que concluiu a aquisição de dois conjuntos do Condomínio São Luiz, em São Paulo, por R$ 26,5 milhões.

Do valor total pago pelos imóveis até o anuncio, o FII já havia pago R$ 8.833.333 à vista, ao passo que o valor remanescente será pago parceladamente, através de uma operação de securitização.

Em relação aos imóveis adquiridos, o TEPP11 destaca que foram os conjuntos 62 e 72, localizados no sexto e sétimo andar do Condomínio São Luiz, respectivamente, além das vagas de garagem que vão do número 156 até 191.

Laura Moutinho

Compartilhe sua opinião