Braskem (BRKM5), Embraer (EMBR3) e BTG (BPAC11) estão no foco do mercado nesta quinta-feira (30); veja mais destaques

A notícia de que a  Defesa Civil de Maceió anunciou ‘risco iminente de colapso’ em mina da Braskem (BRKM5) é um dos destaques desta quinta-feira (30).

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

Também está entre os destaques do mercado financeiro a Embraer (EMBR3), após anunciar um acordo com a Porter Airlines para a venda de até 25 aeronaves da família E195-E2.

O BTG (BPAC11) também é destaque hoje, depois de aprovar o pagamento de juros sobre capital próprio (JCP) aos seus acionistas. 

Veja os destaques do mercado financeiro hoje:

Braskem 

A cidade de Maceió, em Alagoas, decretou estado de emergência no início da noite de quarta-feira (29), diante do risco iminente de colapso em um dos poços da antiga mina de sal-gema da Braskem (BRKM5).

No início da madrugada desta quinta-feira (30), a Defesa Civil de Maceió disse em nota que segue monitorando as proximidades do antigo campo do CSA, onde há uma mina em iminência de colapsar.

“A área está desocupada, mas por precaução e cuidado com as pessoas, continuamos recomendando que embarcações e a população evitem transitar no local até nova atualização do órgão. O Gabinete de Crise e a Defesa Civil de Maceió estão trabalhando 24 horas na execução do plano de contingência, garantindo assistência a quem precisa. A Defesa Civil Nacional, através do diretor Paulo Falcão, também está dando todo suporte à operação”, informou.

Embraer 

A Embraer (EMBR3) anunciou um acordo com a Porter Airlines para a venda de até 25 aeronaves da família E195-E2, em um negócio avaliado em US$ 2,1 bilhões.

Segundo a Embraer, o novo pedido se soma aos 50 jatos já encomendados pela companhia aérea canadense. Os jatos selecionados pela Porter Airlines têm capacidade para até 146 assentos.

BTG

O conselho de administração do BTG Pactual (BPAC11) aprovou o pagamento de juros sobre capital próprio (JCP) aos seus acionistas. 

O valor dos proventos líquidos do BTG será de R$ 0,196260878 para as units de BPAC11, e de 0,065420293 para as ações ordinárias ou preferenciais, que serão pagos em 15 de fevereiro de 2024.

Totvs 

O conselho de administração da Totvs (TOTS3) aprovou um novo pagamento de juros sobre capital próprio (JCP), no valor de quase R$ 126,798 milhões. 

Os juros sobre capital próprio da Totvs representam R$ 0,21 por ação e serão imputados aos dividendos obrigatórios do exercício da companhia.

Cury 

A Cury (CURY3) anunciou que distribuirá R$ 100 milhões em proventos, correspondente a R$ 0,34496 por ação ordinária, com exceção dos papéis em tesouraria.

O pagamento dos dividendos da Cury será realizado em parcela única, no dia 13 de dezembro de 2023. Terá direito a esses proventos os investidores que detiverem papéis da empresa até o final da sessão de 4 de dezembro.

Direcional 

A Direcional (DIRR3) vai pagar quase R$ 81,166 milhões de dividendos, equivalentes a R$ 0,47 por ação, considerando as suas 172,69 milhões de ações emitidas.

BR Properties 

A BR Properties (BRPR3)  a assembleia geral extraordinária da companhia aprovou o resgate de 446.231 ações ordinárias, todas de titularidade da sua única acionista titular de 100% do capital social, pelo valor total de R$ 52.075.157,70, equivalente a R$ 116,70 por ação resgatada.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-2-1.png

CSN 

A CSN Resources,  controlada da CSN (CSNA3), iniciou uma oferta de recompra no exterior de todos e quaisquer dos 7,625% Senior Unsecured Guaranteed Notes, com vencimento em 2026.

Os destaques do mercado financeiro do Suno Notícias mostram os principais acontecimentos que prometem movimentar o mercado durante o dia, como a Braskem (BRKM5), que deve estar no foco dos investidores ao longo do dia.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Vinícius Alves

Compartilhe sua opinião