Petrobras (PETR4) divulga resultados do 1T23 e Haddad no Japão: veja o que ficar de olho nesta quinta-feira

Importantes balanços são aguardados nesta quinta-feira (11). Petrobras (PETR4), B3 (B3SA3), CPFL Energia (CPFE3), Light (LIGT3), JBS (JBSS3), Unipar (UNIP6), Cogna (COGN3), Cyrela (CYRE3), Energisa (ENGI11), EzTec (EZTC3), Locaweb (LWSA3), MRV (MRVE3) e Sabesp (SBSP) divulgarão seus balanços após o fechamento do mercado.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-2.png

Para a Petrobras, analistas estimam que o lucro seja 33% menor do que os R$ 44,5 bilhões vistos no primeiro trimestre de 2022. Junto a isso, os olhos dos investidores têm uma mira certa: a política de dividendos.

Ao longo desta quinta-feira, o mercado deve repercutir os números de empresas como Copel (CPLE6), Guararapes (GUAR3), Qualicorp (QUAL3) e Caixa Seguridade (CXSE3), cujos resultados foram divulgados após o fechamento das negociações ontem (10).

A Copel (CPLE6) obteve lucro líquido de R$ 635,5 milhões no primeiro trimestre deste 2023, uma queda de 5,1% na comparação anual. A Guararapes (GUAR3) registrou prejuízo R$ 175,6 milhões, o dobro de um ano antes. A Qualicorp (QUAL3), por sua vez, reportou queda de 77,5% do ganho no 1T23, para R$ 16,7 milhões. Já o lucro da Caixa Seguridade (CXSE3) no 1T23 subiu 47,2%, para R$ 820,1 milhões.

Quer saber o que mais acontece na agenda desta quinta-feira? Veja a seguir.

Fernando Haddad no Japão e agenda de Lula

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, está no Japão para participar do encontro financeiro do G7. Hoje, ele se encontrou com a secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen.

Segundo o Broadcast, foram tratados diversos assuntos, como os financiamentos de longo prazo no país e aprovação do novo marco legal de preços de transferência, considerada uma vitória da equipe econômica brasileira. Yellen se disse ainda entusiasmada pela participação do Brasil nas reuniões do G7, considerando que “devemos todos nos unir para enfrentar os desafios globais”. E que o papel do Brasil nestes esforços será fundamental durante a presidência do G20 no próximo ano.

Na agenda do presidente, Luiz Inácio Lula da Silva viaja agora pela manhã para Salvador, BA, para a cerimônia de lançamento das plenárias estaduais do Plano Plurianual (PPA) Participativo, que aponta as prioridades do governo para os próximos quatro anos. Além disso, será lançada a plataforma digital Brasil Participativo.

O chefe do Executivo participa ainda do ato de lançamento da Lei Paulo Gustavo, que prevê repasses a nível estadual e municipal para o setor cultural em ações emergenciais. O evento acontece na Concha Acústica do Teatro Castro Alves, em Salvador, às 18 horas.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-1.png

Mercado norte-americano

Importante fator para a política monetária dos Estados Unidos, o número de pedidos de auxílio-desemprego na semana até 06/05 veio bem acima do esperado. O resultado, divulgado pelo Departamento do Trabalho dos EUA, indicou uma marca de 264 mil solicitações, um aumento de 22 mil ante a semana anterior e ainda bem acima da projeção de 245 mil. 

Na divulgação anterior, esses pedidos haviam subido 13 mil, para 242 mil solicitações.

Outro indicador aguardado, o Índice de Preços ao Produtor mensal (PPI) veio menor do que o consenso projetado, batendo 0,2% em abril, ao invés dos aguardados 0,3%. Em março, o índice marcava um recuo de 0,5%.

Além disso, o mercado segue atento ao discurso de Christopher Waller, membro do Fed. 

Na Europa

Às 8 horas, o Banco da Inglaterra (BoE) divulgou a decisão da política monetária. A autoridade elevou os juros do país em 0,25 pontos percentuais, para 4,5%, em linha como era esperado.

Antes da divulgação, as principais bolsas da Europa seguiam as negociações futuras de Nova York e avançavam com a perspectiva de que o Federal Reserve (Fed) pode interromper o ciclo de alta de juros em junho naquele país.

Mercado asiático

Os principais indicadores do mercado asiático fecharam sem direção única, puxados pelos dados de inflação chinesa em abril, que reafirmaram recuperação mais lenta do que se projetava. Veja como operavam os principais indicadores da Ásia por volta das 7 horas desta quinta:

  • Nikkei: +0,02%
  • Hang Seng: -0,09%
  • Taiex: -0,81%
  • Kospi: -0,22%
  • Xangai: -0,29%
  • Shenzhen: +0,17%

Semana Temática

Não deixe de acompanhar a semana do Imposto de Renda do Suno Notícias, patrocinada pelo Grana Capital. Você pode encontrar todo o conteúdo neste link.

Acompanhe também no Suno Notícias, o que mais deve ocorrer nesta quinta-feira no Brasil e no Mundo e as repercussões dos resultados como a Petrobras.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/Ebook-Acoes-Desktop-1.jpg

Camila Paim

Compartilhe sua opinião

Receba atualizações diárias sobre o mercado diretamente no seu celular

WhatsApp Suno