Acesso Rápido

    Radar do Mercado: CPFL Energia (CPFE3) divulga resultados do 4T20

    Radar do Mercado: CPFL Energia (CPFE3) divulga resultados do 4T20

    A CPFL Energia (CPFE3) apresentou seus resultados referentes ao quarto trimestre de 2020, registrando um lucro líquido de R$ 989 milhões no 4T20, uma variação positiva de 15,5% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior. No ano, ela apresentou um lucro líquido de R$ 3,71 bilhões – um crescimento de 34,9% em comparação com 2019.

    A companhia obteve uma receita operacional líquida de R$ 9,27 bilhões no 4T20 e de R$ 30,90 bilhões em 2020, crescimentos trimestral e anual de 15,6% e 3,2%, respectivamente.

    O Ebitda atingiu o patamar de R$ 1,92 bilhão no 4T20, apresentando um aumento de 10,4% ante o 4T19, devido ao bom desempenho do segmento de Distribuição, segundo a companhia. No ano, o Ebitda foi de R$ 6,78 bilhões, registrando um crescimento de 6%, este favorecido, novamente, pelo bom desempenho do segmento de Distribuição.

    Sobre o desempenho operacional, a CPFL apresentou uma carga líquida de perdas na área de concessão de 18.172 GWh no 4T20, uma variação de 2,6% em relação ao 4T19. Em 2020, a carga totalizou 67.607 GWh, uma redução de 1,7% ante 2019.

    Minicurso: Contabilidade para Investidores

    Inscreva-se no nosso minicurso gratuito e aprenda os principais conceitos de contabilidade para quem quer investir em empresas na Bolsa de Valores!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Além disso, as vendas na área de concessão somaram 17.507 GWh no 4T20, registrando uma queda de 1,3% em relação ao 4T19. No trimestre, o mercado foi afetado significativamente pela Resolução Aneel nº 863/2019, que determinou o ajuste de leitura e do faturamento para o mês civil para os consumidores cativos do Grupo A.

    Em 2020, as vendas na área de concessão foram de 65.926 GWh, uma queda de 3,1% na comparação anual. No ano, também houve um impacto negativo no mercado devido à Resolução Aneel, porém em intensidade menor.

    O consumo de clientes livres totalizou 22.262 GWh em 2020, um crescimento de 0,5% ante 2019. Caso desconsiderasse a movimentação de grandes consumidores para a Rede Básica, o consumo dos clientes livres na área de concessão resultaria em um crescimento de 2,1% em 2020.

    Por fim, o conselho de administração indicou a distribuição de R$ 1,731 bilhão em dividendos aos acionistas ordinários. O valor proposto corresponde a R$ 1,502 por ação, referente ao exercício fiscal de 2020.

    Tags
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *