Acesso Rápido

    Radar do Mercado: BTG Pactual (BPAC11) divulga resultados do 1T21

    Radar do Mercado: BTG Pactual (BPAC11) divulga resultados do 1T21

    Na terça-feira (11/05), o BTG Pactual anunciou seus resultados do primeiro trimestre de 2021.

    Dentre os principais destaques estão as receitas totais, que totalizaram R$ 2,8 bilhões no período, indicando um resultado estável em relação ao forte resultado do 4T20 e um crescimento de 84,2% na comparação com o 1T20.

    As receitas operacionais (receitas totais exceto interest and other, participações e principal investments) atingiram R$ 2,4 bilhões, também indicando uma estabilidade na comparação com o trimestre anterior, e um aumento expressivo de 86,1% em relação ao 1T20.

    Além disso, a empresa informou que seguirá a estratégia de expandir ainda mais as suas receitas e a capacidade de distribuição, mantendo um balanço patrimonial robusto.

    O BTG Pactual encerrou o trimestre com um índice de Basileia de 17,7% e níveis de liquidez bastante confortáveis.

    Minicurso: Valuation e Precificação de Ativos

    Inscreva-se no nosso minicurso gratuito de Valuation e aprenda os principais conceitos sobre como avaliar ativos e empresas do jeito certo!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Outro indicador que apresentou crescimento em relação ao mesmo período do ano anterior foi o lucro líquido contábil, que totalizou R$ 1,2 bilhão, registrando um aumento de 53,2% em relação ao 1T20.

    A empresa também informou que finalizou o trimestre com um patrimônio líquido de R$ 30,4 bilhões, apresentando um acréscimo de 14% na comparação com o 4T20.

    Também houve destaques positivos em todas as linhas de negócios do banco.

    Desse modo, o investment banking, que registrou a receita de R$ 483 milhões (mais de duas vezes maior que no 1T20), manteve a posição de liderança nos rankings da indústria.

    O segmento de corporate & SME lending reportou R$ 554,8 milhões de receita, indicando um forte resultado devido à política de expandir o portfólio de créditos.

    Por fim, a companhia informou que a linha de negócios de asset management reportou um recorde de captações (net new money) e manteve taxas de administração crescentes. As receitas de wealth management & consumer banking expandiram 19,2% no 1T21, além de registrarem um crescimento de 73,5% em relação ao 1T20, estabelecendo um recorde de receita de R$ 294,7 milhões.

    Tags
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *