Acesso Rápido

    BITH11: entenda o que é e como funciona esse ETF de Bitcoin

    BITH11: entenda o que é e como funciona esse ETF de Bitcoin

    A diversificação de investimentos é uma das principais estratégias utilizadas no mercado financeiro, principalmente para investidores que desejam alocar recursos em diferentes classes de ativos. Assim, dentre as opções disponíveis tem o BITH11.

    O BITH11 é um ETF (fundo de índice) para quem deseja se expor as criptomoedas. Entretanto, é fundamental avaliar os riscos e suas características antes de investir em qualquer modalidade de investimento.

    O que é o BITH11?

    O BITH11 é o primeiro ETF verde de bitcoin do Brasil que reflete o índice Nasdaq Bitcoin Reference Price FI, sendo um produto que oferece exposição ao Bitcoin.

    Esse ETF é gerido pela Hashdex Gestora de Recursos Ltda, tendo o Banco Genial S.A. como administrador e custodiante.

    A taxa de administração do BITH11 é de 0,7% ao ano, sendo que ele possui uma alíquota de imposto de renda de 15% sobre a sua rentabilidade. 

    Qualquer investidor pode adquirir esse ETF por meio de uma corretora de valores que opera na B3, sendo que o mínimo de investimento é 1 cota cujo valor inicial é de aproximadamente R$ 50.

    Composição do BITH11

    O ETF BITH11 replica o Hashdex Nasdaq Bitcoin Reference Price que é um índice que busca refletir o preço do Bitcoin. Sendo assim, para atingir o seu propósito o fundo investe no mínimo 95% em cotas do fundo do índice alvo.

    Esse índice, por sua vez, investe em ativos financeiros emitidos e negociados no exterior, em especial o Bitcoin ou em posições compradas no mercado futuro, procurando refletir de maneira geral a performance do NQBTC.

    O BITH11 é um ETF (fundo de índice) que foi lançado no dia 05 de agosto de 2021 na B3 com o preço inicial de cada cota em R$ 50. No dia 17 de agosto, ou seja, 12 dias após o seu lançamento, o valor de cada cota estava em R$ 58,10.

    Sendo assim, o fundo busca retorno de investimentos correspondente à performance em reais do Nasdaq Bitcoin Reference Price, que é o índice desenvolvido pela Nasdaq para refletir em tempo real o preço de referência do Bitcoin.

    Quais as vantagens e desvantagens do BITH11?

    A principal vantagem do BITH11 é que o investidor poderá ter acesso à valorização da maior criptomoeda do mundo de maneira de simples por meio da B3.

    Além disso, não há prazos de cotização e de resgate como os demais fundos, podendo ele ser negociado a qualquer momento pelo investidor, desde que haja procura.

    A principal desvantagem do BITH11 é que ele oferece uma exposição muito próxima de 100% do Bitcoin, estando o investidor mais exposto aos riscos do mundo cripto.

    Por conta disso, qualquer oscilação que houver no preço desse criptoativo refletirá na cotação do ETF, podendo o investidor ter bons ganhos assim como perdas consideráveis, sendo o BITH11 um ETF de alto risco.

    Investir neste ETF é para quem deseja começar a sua exposição em criptoativos, especificamente no Bitcoin. Mas, por outro lado, por ter uma grande exposição ao mundo cripto, a oscilação de preço das cotas do BITH11 pode ser maior que outros ETF´s disponíveis no mercado. Por isso, é fundamental avaliar o perfil de risco do investidor antes de tomar qualquer decisão de investimento.

    Foi possível entender o que é o BITH11? Então deixe o seu comentário, sua sugestão e compartilhe esta matéria com seus amigos nas suas redes sociais.

    Tags
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *