Taurus (TASA4) aprova aumento de capital social e alcança R$ 308 milhões

Taurus (TASA4) aprova aumento de capital social e alcança R$ 308 milhões
Taurus. Foto: Divulgação

A Taurus (TASA4) divulgou nesta quinta-feira (27) que o Conselho de Administração aprovou o aumento do capital social da companhia. No total, o novo capital social é de R$ 308 milhões.

O aumento é de R$ 6 milhões, com a emissão de 988.749 novas ações preferenciais, com os mesmos direitos atribuídos às demais ações preferenciais já emitidas, com participação igual de condições aos benefícios, inclusive sobre dividendos e remuneração de capital.

O valor total do capital atualizado da Taurus é representado por 118.099.545 ações, sendo 46.445.314 ações ordinárias e 71.654.231 ações preferenciais.

Taurus: lucro cresce 62,8% no 3T21 e vendas no mercado nacional batem recorde

Taurus (TASA4) registrou um lucro líquido de R$ 166,4 milhões no terceiro trimestre deste ano, alta de 62,8% em relação ao ganho de R$ 102,2 milhões apurado ao final de setembro de 2020. O balanço da fabricante de armas foi divulgado nesta terça-feira (9).

No acumulado do ano, o lucro líquido da Taurus soma R$ 428,1 milhões, revertendo o prejuízo de R$ 15,9 milhões apurado nos primeiros nove meses de 2020. O resultado acumulado também supera em 62,4% o lucro de todo exercício de 2020.

Esse é o sexto trimestre seguido em que a fabricante de armas tem um resultado positivo, deixando para trás a possibilidade, cogitada pelo mercado, de uma recuperação judicial.

No balanço, a companhia explica que “vários fatores se somaram para garantir a reversão do perfil da Taurus, cuja fotografia hoje é de uma empresa geradora de caixa, com baixa alavancagem financeira e em fase de franco crescimento. A estabilidade operacional, resultado da eficiência na produção e distribuição e dos investimentos na modernização fabril realizados, a gestão sobre custos e despesas, o mix de vendas que incorpora modelos de maior valor agregado e o equacionamento da situação financeira, com redução da dívida e do seu custo financeiro têm garantido os resultados positivos para a companhia.”

No terceiro trimestre deste ano, o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) alcançou R$ 294,7 milhões, avançando 88,2% na comparação ano a ano. A margem Ebitda ajustada ficou em 41,1% ao final de setembro, alta de 10,1 pontos percentuais na mesma base comparativa.

Cotação

No fechamento da data de hoje, as ações da Taurus (TASA4) tiveram alta de 1,21%, a R$ 21,66. Nos últimos 12 meses, os ativos acumularam aumento de 27,41%.

Victória Anhesini

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO