Petrobras (PETR4) aprova pagamento de dividendos bilionários; veja valor por ação

A Petrobras (PETR4) anunciou nesta quinta (11) que o Conselho de Administração da empresa aprovou o pagamento de dividendos no valor de R$ 1,893577 por ação.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/1420x240-Banner-Home.png

O total dos dividendos que serão distribuídos aos acionistas da Petrobras chega a R$ 24,7 bilhões.

“O pagamento dos dividendos será uma antecipação relativa ao exercício de 2023, declarada com base no balanço de 31 de março de 2023 (dividendos e juros sobre capital próprio intercalares)”, explica a estatal, em fato relevante divulgado excepcionalmente antes do fechamento do pregão. As ações da estatal entraram em leilão, após a notícia do Broadcast que tratava dos dividendos do primeiro trimestre de 2023. Fecharam em forte alta, impulsionando o desempenho do Ibovespa hoje.

O pagamento dos dividendos da Petrobras será feito em duas parcelas.

A primeira parcela dos dividendos será paga em 18 de agosto com o valor de R$ 0,946788/ação. Essa primeira parcela incluirá dividendo de R$ 0,278179 por ação e JCP bruto de R$ 0,668609 por ação.

A segunda parcela será paga em 20 de setembro, integrada somente dividendos, no valor de R$ 0,946789 por ação.

“Adicionalmente, o CA determinou que a Diretoria Executiva elabore proposta de ajuste do Planejamento
Estratégico em curso e aperfeiçoamento da Política de Remuneração aos Acionistas da Petrobras,
incluindo a possibilidade de recompra de ações, e submeta essas matérias para deliberação do CA antes
do encerramento do mês de julho de 2023″, complementa o Fato Relevante da Petrobras.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/Ebook-Acoes-Desktop-1.jpg

“O montante está alinhado à Política de Remuneração aos Acionistas vigente, que prevê que, em caso de endividamento bruto inferior a US$ 65 bilhões, a Petrobras deverá distribuir aos seus acionistas 60% da diferença entre o fluxo de caixa operacional e as aquisições de ativos imobilizados e intangíveis (investimentos)”, diz o comunicado da empresa.

A data de corte será dia 12 de junho de 2023 para os detentores de ações de emissão da Petrobras negociadas na B3. O record date será dia 14 de junho de 2023 para os detentores de ADRs negociadas na New York Stock Exchange (NYSE), acrescenta o texto.

As ações da Petrobras serão negociadas ex-direitos na B3 e na NYSE a partir de 13 de junho de 2023.

Para os detentores de ações de emissão da Petrobras negociadas na B3 “o pagamento da primeira parcela será realizado no dia 18 de agosto de 2023 e o da segunda parcela em 20 de setembro de 2023”. Os detentores de ADRs receberão os pagamentos a partir de 25 de agosto de 2023 e 27 de setembro de 2023, respectivamente.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Controle-de-Investimentos.png

Marco Antônio Lopes

Compartilhe sua opinião

Receba atualizações diárias sobre o mercado diretamente no seu celular

WhatsApp Suno