PetLove é avaliada em R$ 3,5 bi após aporte milionário

PetLove é avaliada em R$ 3,5 bi após aporte milionário
PetLover: Foto: Pixabay

O pet shop online PetLove captou R$ 750 milhões em uma rodada de investimentos liderada pela Riverwood Capital, de acordo com informações da revista Exame.

Agora, a PetLove está avaliada em R$ 3,5 bilhões, e a gestora americana ganhou um lugar no conselho de administração da plataforma para pets. Talita Lacerda, presidente da companhia, destacou que o valor em caixa é de aproximadamente R$ 1 bilhão.

De acordo com a revista, esses recursos serão destinados para reforçar a malha logística, investir em tecnologia ,e novas aquisições.

Lacerda também afirmou em entrevista à Exame IN que “hoje, 70% da nossa receita vem do serviço de assinatura de ração. Mas estamos investindo nessa frente justamente de entrega rápida para poder oferecer todos os demais produtos e serviços que os cães e gatos precisam e que não necessariamente são de recorrência ou programáveis.”

Pedro Faria, presidente do conselho de administração da PetLove e sócio da Tarpon, afirmou que “essa operação é muito emblemática, pois contou com a participação de todos os acionistas”. A matéria afirma que a Porto Seguro (PSSA3) — que comprou 13,5% do pet shop em meados de abril –, o Softbank e Tarpon também acompanharam a rodada de investimentos.

Esse foi o primeiro investimento da Riverwood no segmento de pets. Na avaliação da gestora essa categoria ainda tem espaço para crescer.

Veja também:

Porto Seguro: BTG eleva recomendação após compra da PetLove

Em abril, o BTG Pactual (BPAC11) revisou a recomendação de Porto Seguro para compra depois de a companhia adquirir 13,5% do pet shop online PetLove. Na visão do banco, a compra confirma a narrativa de que a seguradora pretende acelerar e usar o poder de marca para impactar mais pessoas.

Segundo fato relevante, o acordo prevê o lançamento da marca Porto.Pet, a qual substituirá a antiga divisão de seguros para animais de estimação do Porto Seguro Health For Pet. A operação combinada com a plataforma da PetLove, que passará a controlar o braço.

De acordo com relatório do BTG Pactual, assinado por Eduardo Rosman, a PetLove é a plataforma líder do segmento no Brasil, agregando produtos e serviços para donos de pets, veterinários e empresários de animais de estimação. No ano passado, a empresa apurou um crescimento de 66% nas vendas ante mesmo período de 2019, alcançando R$ 511 milhões em receita bruta. Em 2021, a companhia espera atingir R$ 900 milhões.

Laura Moutinho

Compartilhe sua opinião

Manual 10 passos essenciais para se tornar um investidor de sucesso. Baixe Grátis!

Baixar agora!