Olimpíadas de Tóquio: Quem são os atletas que recebem os melhores salários

Desde o início das Olimpíadas de 2020, os olhos do mundo estão voltados para Tóquio e para os atletas que buscam conquistar as sonhadas medalhas. Mas há competidores que chegam ao Japão já consagrados — e donos de patrimônios milionários, com ganhos anuais com valores altos, impactantes. Alguns já deixaram os Jogos, desclassificados, e outros continuam em busca da glória do pódio olímpico — que deve reforçar ainda mais suas contas bancárias.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240-Banner-Home-2-1.png

Relembrando: além do orgulho de ser medalhista olímpico, os atletas brasileiros que se consagrarem campeões nas Olimpíadas de Tóquio também ganham um prêmio em dinheiro pago pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), de acordo com sua colocação no pódio.

Os medalhistas individuais dos jogos olímpicos de 2020 recebem:

  • R$ 250 mil se ganharem medalha de ouro;
  • R$ 150 mil se ganharem medalha de prata;
  • R$ 100 mil se ganharem medalha de bronze;

Muitos atletas olímpicos recorrem a campanhas do GoFundMe para conseguirem viajar para as Olimpíadas — o que faz do prêmio algo mais que bem-vindo.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240_TEXTO_CTA_A_V10.jpg

Mas alguns atletas não precisam buscar campanhas desse tipo. Já são consagrados, recebem salários altíssimos e contam com patrocínios bem robustos, entre outras fontes de recursos. Muitos deles ou delas têm contas milionárias, reforçadas por recursos de publicidade e prêmios que vêm crescendo durante a carreira.

Veja os 5 atletas mais bem pagos das Olimpíadas de Tóquio

Quem são os cinco atletas olímpicos que recebem os melhores salários?

1. Kevin Durant

De acordo com um levantamento feito pela revista norte-americana Forbes, o atleta mais bem pago que participa desta edição dos jogos olímpicos é o jogador de basquete Kevin Durant, de 32 anos.

Em 2020, o ala-pivô do Brooklyn Nets — franquia de Nova York, da NBA, que conta com outras duas estrelas muito bem pagas, mas que não foram a Tóquio, os alas-armadores Kyrie Irving e James Harden —  apresenta ganhos de estratosféricos US$ 75 milhões (cerca de R$ 385 milhões). Apesar de ser uma das estrelas do basquete, parte do seu faturamento anual milionário vem de um site de notícias, um time de beisebol e uma companhia de capital de risco.

Além disso, o norte-americano já tem duas medalhas olímpicas de ouro, e também é bicampeão da NBA.

2. Naomi Osaka está entre os atletas mais bem pagos das olimpíadas

A segunda atleta mais bem paga que participou das Olimpíadas — mas perdeu precocemente — é a tenista Naomi Osaka, que recebeu, ao todo, R$ 60 milhões (cerca de R$ 307 milhões) em 2020, segundo a Forbes.

A japonesa de 23 anos de idade, que acendeu a pira olímpica na cerimônia de abertura dos Jogos, também é a 12ª atleta mais bem paga do mundo, de acordo com a lista da revista.

No ano passado, Osaka chegou a ganhar US$ 55 milhões em patrocínio. Entre as empresas parceiras da atleta estão marcas como Google (GOGL34), Levi’s e Luis Vuitton.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/Ebook-Acoes-Desktop-1.jpg

Mas as conquistas não pararam por aí. A estrela do tênis também conquistou US$ 5 milhões em prêmios em dinheiro nos últimos 12 meses.

3. Damian Lillard

Outro atleta que já chegou nas Olimpíadas com os bolsos cheios é o jogador de basquete Damian Lillard, de 31 anos.

O levantamento da Forbes mostra que o salário anual do armador (e cestinha) do time de basquete Portland Traiblazers, da NBA, chegou a US$ 40,5 milhões (cerca de R$ 210 milhões) em 2020.

Entre os patrocinadores de Lillard estão Adidas, Gatorade e 2k Sports.

O jogador também é rapper, e chegou a lançar três álbuns de estúdio por meio da sua gravadora Front Page Music. Na música, o terceiro atleta mais bem pago das Olimpíadas de Tóquio é conhecido por Dame D.O.L.L.A.

4. Novak Djokovic

O tenista sérvio de 34 anos, que perdeu nas semifinais em Tóquio, aparece em quarto lugar na lista dos atletas olímpicos com maiores salários. Em 2020 seu rendimento anual somou US$ 34,5 milhões (cerca de R$ 172, 5 milhões).

Assim como outros atletas da lista, parte do seu ganho financeiro vem de prêmios em dinheiro — ele foi campeão do torneio de Wimbledon em 2021 e levou US$ 2,4 milhões para casa — e outra parte, de patrocinadores. O sérvio é um dos principais e mais vencedores tenistas da atualidade, ao lado de do espanhol Rafael Nadal e do suíço Roger Federer

No ano passado, Djokovic chegou a faturar US$ 30 milhões em acordos de patrocínios, de acordo com a Forbes.

5. Rory Mcilroy

Fechando a lista dos atletas com os maiores salários nas Olimpíadas de Tóquio, está o golfista Rory Mcilroy, 32 anos.

Nascido na Irlanda do Norte, o atleta olímpico ganhou US$ 32 milhões em 2020 — US$ 29 milhões surgiram de acordos com marcas.

Do basquete ao golfe, esses são os atletas das Olimpíadas de Tóquio 2020 que recebem os melhores salários.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Controle-de-Investimentos.png

Laura Moutinho

Compartilhe sua opinião