Lojas Renner (LREN3): lucro cai 76,4%, mas receita salta 207% com retomada das vendas

Lojas Renner (LREN3): lucro cai 76,4%, mas receita salta 207% com retomada das vendas
Lojas Renner podem gastar algo em torno de R$ 0,5 bilhão com movimento de recompra - Foto: Divulgação

A Lojas Renner (LREN3) divulgou nesta quinta-feira (12) seus resultados referentes ao segundo trimestre desse ano. A varejista de moda anotou um lucro líquido de R$ 193,1 milhões, valor 76,4% menor do que o ganho de R$ 818,1 milhões apurado no mesmo período em 2020.

Contudo, há um ano a Lojas Renner teve uma recuperação de crédito fiscal relacionado ao PIS e a Cofins, que trata de um ganho não recorrente.

“Em bases comparáveis, o resultado do segundo trimestre de 2021 foi 184,7% superior ao do mesmo período de 2020, em função, principalmente, do maior resultado operacional”, explicou a companhia.

Por outro lado, entre abril e junho desse ano, a  receita operacional líquida da Lojas Renner foi de R$ 2,489 bilhões, salto de 207,9% na comparação ano a ano. Segundo a companhia, o resultado foi impulsionado pelo recorde de vendas no Dia das Mães.

A receita líquida das vendas de mercadorias subiu 318,3%, para R$ 2,257 bilhões no segundo trimestre desse ano, mas a receita líquida de produtos financeiros caiu 13,9%, para R$ 231,569 milhões.

“O segundo trimestre do ano se caracterizou como o ponto de inflexão na performance de vendas da companhia. Este movimento ficou mais evidente, principalmente, a partir de 19 de abril, quando se passou a observar maior flexibilidade de restrições e houve a retomada das atividades na maioria das lojas. Tivemos o melhor Dia das Mães de nossa história e seguimos com uma consistência importante nas vendas nos meses seguintes”, salienta a varejista de moda em seu balanço.

Já o Ebitda (lucro antes de juros, dividendos e amortizações) total ajustado, somou R$ 478,2 milhões ao final de junho, ante R$ 618 milhões no segundo trimestre do ano passado.  Ao mesmo tempo, a margem Ebitda caiu 93,3 pontos percentuais, para 21,2%.

O GVM digital da varejista de moda cresceu 66,5% ante o segundo trimestre do ano passado, para R$ 414,5 milhões.

Última cotação da Lojas Renner

A ação da Lojas Renner (LREN3) encerrou o pregão de hoje em queda de 1,15%, valendo R$ 40,33, antes da divulgação dos resultados. No ano, o papel da varejista de moda acumula uma queda de 6,64%, frente ao fechamento a R$ 43,20 ao final de dezembro do ano passado.

Com informações do Estadão Conteúdo

Laura Moutinho

Compartilhe sua opinião

Comece 2022 investindo nos melhores Fundos Imobiliários

Baixar agora!