Itaú (ITUB4) revisa projeção do PIB de 5% para 5,5% e vê “cenário mais benigno em 2021”

Itaú (ITUB4) revisa projeção do PIB de 5% para 5,5% e vê “cenário mais benigno em 2021”
IBC-Br. Foto: Pixabay

O Itaú Unibanco (ITUB4) revisou nesta quinta-feira (10) sua projeção para o Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil em 2021. De acordo com o banco, a estimativa passou para um crescimento de 5,5% contra 5,0% da previsão anterior.

“A vacinação tem avançado e deve permitir uma volta à normalidade econômica ainda neste ano. O principal risco a considerar é o surgimento de variantes do vírus que afetem a eficácia das vacinas aqui aplicadas”, disse o Itaú em relatório sobre a economia do País.

O banco explica ainda que a revisão ocorreu incorporando o resultado acima do esperado no primeiro trimestre deste ano.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Vídeo Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

“Dados correntes melhores e a maior expectativa de crescimento nos levaram a revisar as projeções de déficit primário para 2,0% e 1,0% do PIB, ante 2,8% e 2,0%, e dívida bruta para 81,9% e 81,6% do PIB em 2021 e 2022, ante 84,1% e 84,5%, respectivamente”.

O relatório cita ainda a elevação da Selic e os preços de commodities mais altos, que somados à melhora da atividade e seus efeitos positivos sobre as contas públicas, são forças importantes para apreciação da moeda. Em relação ao dólar, a projeção foi revisada para R$ 4,75 no final de 2021, ante R$ 5,30.

A inflação em 2021, por sua vez, foi alterada para 5,6%, ante 5,3% da previsão anterior, “incorporando os efeitos de uma recuperação mais intensa neste ano e preços de commodities agrícolas ainda em patamares elevados”.

Para 2022, a projeção se mantém de desaceleração do crescimento, para +1,8%. E a inflação, em 3,6%  próxima da meta, com o impacto da revisão de atividade sendo compensado pelos efeitos da Selic mais alta e do câmbio mais apreciado, explica o banco em nota.

Projeção do Focus para PIB de 2021

Os economistas do mercado financeiro alteraram suas projeções para o PIB em 2021. Conforme o Relatório de Mercado Focus, a expectativa para a economia este ano passou de alta de 3,96% para elevação de 4,36%. Há quatro semanas, a estimativa era de 3,21%. Para 2022, o mercado financeiro alterou a previsão do PIB de alta de 2,25% para 2,31%. Quatro semanas atrás, estava em 2,33%.

No Focus divulgado nesta segunda-feira, a projeção para a produção industrial de 2021 passou de alta de 5,50% para 6,10%. Há um mês, estava em elevação de 5,50%. No caso de 2022, a estimativa de crescimento da produção industrial passou de 2,30% para 2,40%, ante 2,00% de quatro semanas antes.

A pesquisa Focus mostrou ainda que a projeção para o indicador que mede a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB para 2021 foi de 63,20% para 62,48%. Há um mês, estava em 64,50%. Para 2022, a expectativa passou de 65,65% para 64,40%, ante 66,20% de um mês atrás.

Com informações do Estadão Conteúdo

Rafaela La Regina

Compartilhe sua opinião