Hapvida (HAPV3) aprova programa de recompra de até 100 milhões de ações

Hapvida (HAPV3) aprova programa de recompra de até 100 milhões de ações
Clínica Hapvida (HAPV3). Foto: Site Hapvida - Reprodução

A Hapvida (HAPV3) aprovou um programa de recompra de ações, para adquirir, dentro de um prazo de 18 meses, até 100 milhões de ações ordinárias de emissão da companhia. As informações constam em fato relevante divulgado na noite de sexta-feira (15).

De acordo com documento encaminha à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), o programa de recompra de ações da Hapvida teve início na própria sexta e deve se encerrar até o dia 15 de abril de 2023. A operação será realizada na B3 (B3SA3), pelo preço de mercado do papel.

“O programa tem por objetivo aplicar recursos disponíveis da companhia de forma a maximizar a geração de valor para os acionistas, por meio de uma administração eficiente da sua estrutura de capital“, diz fato relevante.

A operação será intermediada pelo Bradesco (BBDC4), Itaú (ITUB4) e pela XP. A Hapvida informa que possui 1,316 bilhão de ações em circulação no mercado.

O programa de recompra de ações foi a forma que a empresa encontrou para tentar reverter parte das perdas acumuladas do ano. De janeiro até o pregão de sexta (15), as ações da Hapvida acumulam 14,59% de perdas

Veja também:

Hapvida compra Hospital Viventi e avança no Centro-Oeste

A Hapvida comprou 100% do Hospital Viventi, localizado em Brasília, segundo fato relevante divulgado na quarta-feira (13). O informe diz que a aquisição foi feita por meio de uma de suas subsidiárias, a Ultra Som Serviços Médicos, e custou R$ 22 milhões.

A compra teve em vista que a “região de saúde” de Brasília possui cerca de 3 milhões de pessoas, sendo que destes, 930 mil são beneficiários de planos privados de saúde.

“A Viventi possui contrato de locação pelo período de 30 anos de um hospital localizado em área nobre da Asa Sul de Brasília (DF), região Centro-Oeste do país, e é detentora das licenças de operação do referido hospital”, diz documento.

O hospital terá capacidade para até 114 leitos e contará com centro cirúrgico, serviço de quimioterapia e hemodinâmica, e unidade de diagnóstico.

Última cotação

Após o pregão de sexta-feira (15), a cotação da Hapvida fechou em alta de 2,20%, valendo R$ 13,01.

Monique Lima

Compartilhe sua opinião

Comece 2022 investindo nos melhores FIIS

Baixar agora!