Eletrobras (ELET3), Oi (OIBR3) e Carrefour (CRFB3) movimentam o mercado nesta terça-feira; veja mais destaques 

A notícia de que a Eletrobras (ELET3) avançou em processo sobre limitação do poder de voto da União é um dos destaques desta terça-feira (09). 

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240-Banner-Home-2-1.png

Também está entre os destaques do mercado financeiro a Oi (OIBR3), após a Justiça homologar renúncia do BTG ao refinanciamento de dívidas.

O Carrefour (CRFB3) também está no radar dos investidores, depois de aprovar a realização da 7ª emissão de debêntures, no valor inicial de R$ 1 bilhão.

Veja os destaques do mercado financeiro hoje:

Eletrobras

A Eletrobras (ELET3) afirmou que aderiu ao processo arbitral que envolve a ação direta de inconstitucionalidade (ADI), solicitada pelo governo no Supremo Tribunal Federal (STF), sobre a limitação do poder de voto da União na empresa.

No último dia 20 de dezembro, o ministro Nunes Marques, relator da ADI, encaminhou o caso para a Câmara de Conciliação e Arbitragem da Administração Federal (CCAF), “para tentativa de reconciliação e solução consensual e amigável entre as partes”.

Ainda de acordo com a Eletrobras, “eventuais deliberações decorrentes dos trabalhos na CCAF serão submetidas à aprovação das instâncias de governança da companhia”.

Oi

A Oi (OIBR3), em recuperação judicial, informou que a Justiça da 7ª Vara Empresarial da Comarca da Capital do Estado do Rio de Janeiro homologou a renúncia apresentada pelo BTG Pactual (BPAC11) ao refinanciamento de dívidas da empresa, na modalidade debtor in possession (DIP) Emergencial.

Na decisão, consta ainda o direito de exigir o pagamento da taxa de rescisão prevista no instrumento de refinanciamento do DIP Emergencial (break-up fee), e a autorização para contratação da proposta concorrente (AHG), nos termos da documentação protocolada em juízo.

Carrefour 

O conselho de administração do Carrefour Brasil (CRFB3) aprovou a realização da 7ª emissão de debêntures, no valor inicial de R$ 1 bilhão.

As debêntures do Carrefour são simples, não conversíveis em ações, da espécie quirografária, e a emissão será realizada em até 5 séries.

O montante representa a emissão inicial de 1 milhão de debêntures do Carrefour Brasil, com valor de R$ 1.000,00 cada.

Tenda

A Tenda (TEND3), uma das maiores construtoras voltadas para a baixa renda, anunciou as suas projeções para 2024 e da outra empresa do grupo, Alea. Para a Tenda, a previsão de vendas líquidas fica entre R$ 3,2 bilhões e R$ 3,5 bilhões. Para a Alea, a estimativa é de R$ 400 milhões a R$ 500 milhões.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240_TEXTO_CTA_A_V10.jpg

Aeris

A Aeris (AERI3) e a gigante dinamarquesa produtora de pás eólicas Vestas anunciaram a prorrogação do contrato de fornecimento até o final de 2028, podendo resultar em um aumento líquido de receitas de até R$ 7,6 bilhões.

A empresa, informou, no entanto, que esse valor está sujeito a determinadas condições, inclusive a demanda por parte da Vestas. 

Vamos

A Fitch Ratings atribuiu rating nacional de longo prazo ‘AAA(bra)’ à nona emissão de debêntures da Vamos (VAMO3), que totaliza R$ 550 milhões e tem vencimento final em 2028. 

As debêntures são da espécie quirografária e seus recursos serão destinados a fins corporativos gerais, incluindo, mas não se limitando a, capital de giro, gestão de caixa e reforço de liquidez.

Allos

A Allos (ALOS3) informou a assinatura do acordo de acionistas da companhia entre Canada Pension Plan Investment Board, CPPIB Flamengo US LLC, Renato Feitosa Rique, Rique Empreendimentos e Participações Ltda., Bali Fundo de Investimentos em Ações, RLB Empreendimentos e Participações Ltda., Sierra Brazil 1 S.À.R.L., Sonae Sierra Brazil Holdings S.À.R.L., Cura Brazil S.À.R.L, com a interveniência de Sierra Investments Holdings B.V., Alexander Otto, Arosa Vermögensverwaltungsgesellschaft M.B.H. e Cura Beteiligungsgesellschaft Brasilien M.B.H.

Segundo a Allos, esse acordo tem como objetivo, adequar as disposições do Acordo de Acionistas considerando exclusão da opção de venda de ações da companhia de propriedade da Sierra Brazil 1 S.À.R.L e Sierra Investments Holdings B.V. contra as “Entidades Otto”.

CVC

A CVC (CVCB3) demitiu 90 funcionários nesta segunda-feira (8). A informação foi publicada no blog do colunista Lauro Jardim, no jornal O Globo.

Os destaques do mercado financeiro do Suno Notícias mostram os principais acontecimentos que prometem movimentar o mercado durante o dia, como a Eletrobras (ELET3), que deve estar no foco dos investidores ao longo do dia.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Vinícius Alves

Compartilhe sua opinião