Semana do Fiagro

Copel (CPLE6), Engie (EGIE3) e Gerdau (GGBR4) agitam o mercado financeiro

Copel (CPLE6), Engie (EGIE3) e Gerdau (GGBR4) agitam o mercado financeiro
Linha de Transmissão. Foto: Pixabay

Nos destaques do mercado financeiro desta quinta-feira (19), chama a atenção do investidor a parceria assinada pela Engie Brasil (EGIE3) e a subsidiária da Copel (CPLE6), Copel Geração e Transmissão, para potenciais participações em leilões de transmissão.

Além da Copel e Engie, está entre os destaques do mercado financeiro o Burger King Brasil (BKBR3), que irá trocar sua denominação social para Zamp S.A..

A CSN (CSNA3) e a CSN Mineração (CMIN3) aprovaram novos programas de recompra de ações e a BR Properties (BRPR3) vendeu cerca de 80% de seu portfólio para a Brookfield.

Veja os destaques do mercado financeiro:

Copel e Engie

A Engie Brasil (EGIE3) assinou com a Copel Geração e Transmissão, subsidiária da Copel (CPLE6), um termo de compromisso com o objetivo de formalizar uma parceria de negócios. O acordo prevê que a Engie tenha uma participação de 51% em uma potencial participação no leilão de transmissão da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) 01/2022, previsto para ocorrer em 30 de junho de 2022.

“A parceria criada com a assinatura do Termo busca combinar as habilidades destas duas grandes empresas, para aumentar a competitividade no Leilão, possibilitando capturarmos oportunidades de crescimento nesse segmento”, disse em comunicado da Engie.

BK Brasil

A Burger King Brasil (BKBR3), franqueada das marcas Burger King e Popeyes no País, comunicou aos seus acionistas e ao mercado em geral nesta quarta-feira (18), que a Assembleia Geral Extraordinária (AGE) aprovou a alteração da denominação da companhia para Zamp S.A..

“A alteração da denominação social busca promover a construção de uma nova marca corporativa que comporte o conceito de uma operação multimarcas”, disse a empresa em comunicado anterior, anunciando a intenção da mudança.

Ao retirar as siglas BK da marca, a empresa visa deixar te ter uma relação direta com a operação de lanchonetes responsável pela maior parte das vendas e das lojas. Em 2018, a companhia trouxe acrescentou a cadeia de lanchonetes Popeyes aos seus negócios.

CSN e CSN Mineração

O conselho de administração da CSN (CSNA3) aprovou o encerramento do programa de recompra de ações iniciado em dezembro de 2021 e iniciou um novo programa, para o período de 19 de maio de 2022 a 18 de maio de 2023. A intenção é comprar até 58 milhões de ações, que deve somar R$ 1 bilhão em compras.

A subsidiária de mineração da CSN (CMIN3) também deu início a um programa de recompra de até 106 milhões de ações ordinárias, o equivalente a 9,93% dos papéis em circulação.

BR Properties

A BR Properties (BRPR3) vendeu cerca de 80% do seu portfólio de imóveis para o grupo canadense Brookfield por um valor total de R$ 5,92 bilhões. O negócio envolve a comercialização de 11 das 14 torres comerciais que a empresa possui, distribuídas pelas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

O pagamento será recebido 70% na data de fechamento de cada venda e o restante em 12 meses após a conclusão de cada negócio, que será feito separadamente, afirmou a companhia em fato relevante.

Eletrobras

O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou na quarta (18) a segunda etapa do processo de privatização da Eletrobras (ELET3). Com o aval, será possível dar andamento à operação de capitalização da companhia.

O próximo passo do governo será protocolar os pedidos de registro de oferta pública de ações da Eletrobras na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e dos recibos de ações (ADRs) na SEC (CVM dos EUA), para então começar o processo de venda.

Monique Lima

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO