Cielo (CIEL3), Dommo (DMMO3) e Copel (CPLE6) agitam o mercado financeiro

Entre os destaques do mercado financeiro desta quarta-feira (24) está a Cielo (CIEL3), que anunciou Estanislau Bassols como novo presidente da companhia.

Saiba como foi o fechamento de mercado nesta terça-feira (23)

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-2.png

Além da Cielo, outro tema que chama a atenção dos investidores é o esclarecimento da Dommo (DMMO3) sobre uma possível pretensão da PetroRio em comprar a empresa.

Também agita o mercado financeiro a Copel (CPLE6), que vai emitir notas comerciais no valor de até R$ 1 bilhão.

Veja os destaques do mercado financeiro de hoje (24):

Cielo anuncia Estanislau Bassols como novo presidente da empresa

O conselho de administração da Cielo formalizou uma proposta de trabalho para Estanislau Bassols para ocupar a posição de diretor-presidente da companhia, que aceitou a proposta.

A Cielo aponta que Estanislau Bassols possui uma vasta experiência na gestão de empresas, com atuação no cargo de diretor presidente da SKY, da VR Benefícios e como presidente de divisão da Mastercard no Brasil.

Bassols vai continuar conduzindo seu processo de desligamento na Mastercard até o dia 31 de agosto de 2022, para assumir a função de CEO da Cielo.

O conselho de administração da Cielo vai se reunir novamente em 1º de setembro de 2022 para deliberar sobre a eleição de Estanislau ao cargo de diretor presidente da companhia.

A posse efetiva de Estanislau Bassols como presidente da Cielo vai ocorrer após a devida aprovação pelo Banco Central do Brasil. Além disso, Renata Andrade Daltro dos Santos vai seguir ocupando o cargo de forma interina durante esse período.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-1.png

Dommo esclarece sobre possível pretensão da PetroRio em comprar a empresa

Além da Cielo, outra empresa que está no radar dos investidores é a Dommo Energia, que esclareceu que a administração da companhia segue avaliando opções estratégicas em seu setor de atuação, se referindo a publicação da coluna de Lauro Jardim do jornal O Globo, que afirmava que a PetroRio tem pretensão de comprar a empresa.

A Dommo destacou em comunicado que a PetroRio é uma das empresas que participa de seu processo em referência, que continua em curso, sem que haja até o momento definição de qualquer operação concreta.

Por conta dessa indefinição, a Dommo entende que não há qualquer informação a ser prestada ao mercado a respeito do tema, em resposta a um ofício recebido pela CVM.

A companhia ainda reitera que voltará a informar ao mercado quando tiver alguma conclusão do processo em referência ou caso haja uma deliberação sobre esse assunto pelos seus órgãos societários.

Copel vai emitir notas comerciais no valor de até R$ 1 bilhão

Assim como a Cielo e a Dommo, outra empresa de destaque hoje é a Copel, que vai emitir notas comerciais no montante de até R$ 1 bilhão, com distribuição pública e com esforços restritos de colocação.

A emissão das notas comerciais da Copel tem prazo de três anos. Do valor total, cerca de R$ 600 milhões serão sob o regime de garantia firme, enquanto o valor remanescente será com melhores esforços de colocação.

A operação da Copel será coordenada pelo Itaú, e a remuneração vai ser definida depois da coleta de intenções, mas limitada à variação da taxa DI, considerando um acréscimo de até 1,22%.

A emissão de notas da empresa foi aprovada na reunião do conselho de administração da Copel, que ocorreu no dia 12 de agosto de 2022.

Assim, Cielo, Dommo e Cielo são os principais destaques do mercado financeiro do SUNO Notícias, que informa diariamente os principais acontecimentos que movimentam a bolsa de valores.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

João Vitor Jacintho

Compartilhe sua opinião

Receba atualizações diárias sobre o mercado diretamente no seu celular

WhatsApp Suno