Bolsonaro apresenta evolução clínica satisfatória, informam médicos

Bolsonaro apresenta evolução clínica satisfatória, informam médicos
Teto de gastos foi motivo de quedas intensas da bolsa nos últimos dias - Foto: Alan Santos PR

Internado com quadro de obstrução intestinal desde a última quarta (14) no Hospital Vila Nova Star, zona sul de São Paulo, o presidente Jair Bolsonaro mostrou, segundo boletim médico divulgado hoje, evolução clínica satisfatória. A equipe médica, porém, informou que não existe, por enquanto, estimativa de alta.

“O Senhor Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, segue internado no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, mantendo evolução clínica satisfatória. Desta forma, foi retirada a sonda nasogástrica e planeja-se o início da alimentação para amanhã. O presidente segue sem previsão de alta hospitalar”, diz o texto do boletim, assinado por cinco médicos do hospital.

Presidente cancela live e viagem

No final da tarde, o presidente usou as redes sociais para informar que não poderia realizar a live que faz todas as quintas-feiras. Ele também disse que não tinha condições de viajar a Manaus por causa da sua hospitalização.

“Por motivo de internação hospitalar, comunico a impossibilidade de realizar a live de hoje bem como nossa ida a Manaus fica adiada”, disse no Twitter.

Bolsonaro recebe ministro do GSI

A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, está no hospital acompanhando o presidente. Bolsonaro também recebeu a visita do ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno.

  • Bolsonaro foi internado em São Paulo por decisão do médico Antonio Luiz Macedo, responsável pelas cirurgias no abdômen do presidente.
  • Ele foi internado na manhã de ontem no Hospital das Forças Armadas (HFA), em Brasília, com uma crise persistente de soluços e mal-estar. Após exames, foi diagnosticado com obstrução intestinal.
  • Desde o atentado em que recebeu uma facada na campanha eleitoral de 2018, Bolsonaro já passou por sete cirurgias na região do abdômen por causa de lesões no intestino.

Segundo informou o jornalista Lauro Jardim, do jornal O Globo, Bolsonaro telefonou para o presidente da Câmara dos Deputados Arthur Lira (PP-AL).

O presidente avisou que pretendia se licenciar do cargo pelo menos até o próximo domingo (18). Nesse caso, Lira iria ocupar interinamente a Presidência da República.

De acordo com Jardim, a conversa ocorreu durante a transferência de Bolsonaro do Hospital das Forças Armadas, em Brasília, para a internação em São Paulo. O colunista de O Globo informa que Lira assumiria o posto nesta sexta. Mas a informação, até as 22 horas desta quinta, ainda não havia sido confirmada.

Em entrevista concedida nesta quinta à TV A Crítica, do Amazonas, Bolsonaro disse, ao lado do médico Antonio Macedo, que a possibilidade de cirurgia continua afastada.

(Com informações da Agência Brasil)

Redação Suno Notícias

Compartilhe sua opinião

Manual 10 passos essenciais para se tornar um investidor de sucesso. Baixe Grátis!

Baixar agora!