Ambev (ABEV3) anuncia programa de recompra de até 24 milhões de ações; veja os prazos

O conselho de administração da Ambev (ABEV3) aprovou um novo programa de recompra de ações, que prevê a emissão de até 24 milhões de ações ordinárias da companhia.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/1420x240-Banner-Home.png

O objetivo do programa de recompra da Ambev é entregar os papéis nos planos de remuneração que se baseiam nas ações da empresa, que podem também ser mantidas em tesouraria, canceladas ou posteriormente vendidas.

O encerramento do programa será até o dia 16 de novembro de 2025. Cabe lembrar que o programa de recompra de ações da Ambev aprovado pelo conselho em maio de 2023 já foi encerrado, visto que alcançou o limite de ações ordinárias que estava previsto nele.

Atualmente, a empresa tem mais de 4,41 bilhões de ações em circulação. Essa aquisição vai ser dar na forma de débito da conta de reservas de capital que tinha sido observada no balanço patrimonial no final de março deste ano. Além disso, a operação vai ser feita através das corretoras UBS Brasil e Merrill Lynch.

Nesta quinta-feira (16), as ações da Ambev, negociadas sob o ticker ABEV3, tiveram uma valorização de 0,57%, cotadas a R$ 12,38.

No contexto mensal, o desempenho acumulado pelas ações ABEV3 em maio é positivo em 1,89%. No ano de 2024, a performance acumulada é negativa em 9,83%, considerando a cotação de fechamento de 2023, que foi de R$ 13,73.

BofA reafirma sua visão positiva com Ambev, mas destaca pontos de atenção

Recentemente, os analistas do Bank of America divulgaram suas perspectivas em relação à ação da Ambev, reafirmando a visão positiva para ABEV3, ao mesmo tempo que destacam possíveis pontos de atenção, como o aumento do repasse de ICMS.

Depois de o BofA conversar com integrantes da administração da Ambev, os analistas do banco reafirmaram seu otimismo com relação às metas da empresa.

“A curto prazo, os volumes de abril estão em boa forma. A estratégia de gestão de receita permanece a mesma, baseada no repasse da inflação e contribuição positiva da mistura (principalmente da cerveja premium)”, disseram os analistas do BofA sobre a produção da fabricante de bebidas.

O BofA reiterou sua recomendação de “compra” para as ações da Ambev, colocando um preço-alvo de R$ 15,50, cerca de 3,125% abaixo do preço estabelecido anteriormente, que era de R$ 16,00. Esse reajuste acontece depois do anúncio de resultados referentes ao primeiro trimestre de 2024 (1T24).

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

João Vitor Jacintho

Compartilhe sua opinião

Receba atualizações diárias sobre o mercado diretamente no seu celular

WhatsApp Suno