Amazon negocia compra de produtora de podcasts Wondery, diz jornal

Amazon negocia compra de produtora de podcasts Wondery, diz jornal
Negociações avaliam a Wondery em mais de US$ 300 milhões

A Amazon (NASDAQ: AMZN) está pronta para mais uma aquisição e mira o avanço no desenvolvimento de seu segmento de áudio. De acordo com o jornal The Wall Street Journal, que cita pessoas familiarizadas com o assunto, a gigante do e-commerce está em negociações para comprar a Wondery, que avaliam a startup de podcasts em mais de US$ 300 milhões (isto é, mais de R$ 1,56 bilhão).

A Wondery é tida como a última dos grandes podcasters do mercado e poderia se apresentar como uma oportunidade para grande companhias de tecnologia ou mídia, como é o caso da Amazon, comprar seu caminho para dentro do setor em franca expansão, salientou a reportagem.

O acordo para aquisição da empresa, no entanto, ainda está em andamento e as negociações poderiam não ir para frente, disseram as fontes.

Entre os investidores da Wondery encontram-se companhias de venture capital, como Waverley Capital, Lerer Hippeau Ventures, Greycroft Partners e Advancit Capital. Segundo o jornal a última rodada de investimentos da startup, em junho do ano passado, avaliou a empresa em US$ 100 milhões.

Amazon não é a única de olho no mercado de podcasts

O recente interesse da Amazon na startup de podcasts não vem desacompanhado. Várias outras produtoras foram adquiridas ao longo dos últimos anos.

Em 2019, a Gimlet Media, especializada na produção de podcasts narrativos, foi comprada pela Spotify Technology (NYSE: SPOT) pelo valor de mais de US$ 200 milhões.

Meses depois, em julho deste ano, a New York Times Co (NYSE: NYT) comunicou que iria adquirir a Serial Productions, em um negócio que pode valer até US$ 50 milhões, segundo o The Wall Street Journal.

Wondery surfa na onda do segmento

A Wondery chegou ao sexto lugar entre os editores de podcasts mais populares dos Estados Unidos no último mês de setembro, com mais de 60 milhões de downloads e streams de seus programas, de acordo com dados da empresa de análise de áudio Podtrac.

A empresa, que gera receita com publicidade e licenciamento, está a caminho de elevar o indicador para mais de US$ 40 milhões, informaram fontes ao jornal, com cerca de 75% do total advindo de publicidade e o restante de licenciamento para TV, serviços de assinatura como Audible e Stitcher Premium, e do serviço de assinatura premium do próprio Wondery, lançado neste verão.

Por volta das 13h50, as ações da Amazon operavam em queda de 0,55%, a US$ 3.202,24. O Nasdaq Composite, índice de referência da bolsa eletrônica dos Estados Unidos, caía 0,34%, a 12.313,65 pontos.

Arthur Guimarães

Compartilhe sua opinião