Semana do ESG

Wiz (WIZS3) cria joint venture com a Polishop para vender seguros e investe R$ 50 mi

Wiz (WIZS3) cria joint venture com a Polishop para vender seguros e investe R$ 50 mi
Wiz. Foto: Reprodução Facebook

A Wiz (WIZS3) informa que celebrou contrato para desenvolvimento de uma joint venture com o grupo Polishop, para a comercialização de produtos de seguridade por meio dos canais de distribuição da varejista, com exclusividade pelo prazo de 10 anos contados do fechamento da operação.

A joint venture será formada por meio da constituição de uma nova sociedade pela Polishop (NewCo), seguida da aquisição, pela Wiz, de 50% do capital social votante e total da NewCo, pelo preço estimado de R$ 50 milhões, composto por uma parcela à vista, correspondente a R$ 20 milhões e três parcelas anuais variáveis, cada qual estimada no valor de R$ 10 milhões.

Segundo a Wiz, as parcelas de valor variável serão pagas nos exercícios sociais de 2024, 2025 e 2026 considerando o lucro líquido auferido pela NewCo nos exercícios sociais imediatamente anteriores aos correlatos vencimentos das Parcelas Variáveis e de acordo com as métricas acordadas na operação, que podem chegar a totalizar R$ 51 milhões, em caso de superação das metas previamente acordadas.

Nos termos do acordo de acionistas a ser celebrado entre a Wiz e a Polishop, o conselho de administração da NewCo será composto por três membros, dos quais um será indicado pela companhia, um integrante será indicado pela Polishop e mais um será independente, indicado em comum acordo entre a Companhia e a Polishop.

O fechamento e a efetiva realização da aquisição estão sujeitos a condições suspensivas usuais a esse tipo de transação, incluindo a autorização pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). A aquisição não está sujeita à aprovação ou ratificação dos acionistas da companhia.

“A administração da companhia entende que a aquisição é estratégica, pois está alinhada à visão de crescimento da Wiz no contexto de ampliação e diversificação dos resultados em suas operações, em especial, por iniciar a atuação da WIZ no segmento varejista”, afirma a empresa.

A companhia acrescenta que a “agenda de crescimento inorgânico da Wiz está pautada na identificação de parceiros comerciais que possuam canais com alto tráfego de clientes, relevância e contexto para a comercialização de produtos de seguridade, a serem explorados pelo know-how da companhia”.

“A parceria possui ainda oportunidades de sinergia e geração de resultados, ao alinhar a expertise das partes e suas perspectivas de crescimento, bem como o uso da tecnologia como potencializador dos negócios”, acrescenta.

Cotação da Wiz

Por volta das 12h55, as ações da Wiz sobem 0,59%, negociadas a R$ 8,52.

(Com informações do Estadão Conteúdo)

Poliana Santos

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO