Vivo (VIVT3) ganha pontos, mas TIM (TIMS3) é quem brilha os olhos do Credit Suisse; entenda

As ações da Vivo (VIVT3) ganharam pontos com os analistas do Credit Suisse, que elevou a avaliação da companhia telefônica de neutro para outperform (equivalente à compra). Contudo, quem brilha os olhos do banco suíço no setor de telefonia é a TIM (TIMS3).

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/05/1420x240-2.png

Em relatório, o Credit Suisse mudou a recomendação e cortou o preço-alvo das ações da Vivo: antes era R$ 52, agora está R$ 46 — potencial de valorização de 24% em comparação com o fechamento da última quarta (4), que foi de R$ 36,44.

No caso da TIM, a classificação foi mantida em outperform, com redução do preço-alvo de R$ 16,50 para R$ 15,50 — potencial de valorização de 30%, o que mostra uma leve preferência do Credit por esse negócio.

“Em termos práticos, assumimos em nosso caso base um cenário de aumentos tímidos de preços, inflação de custos mais elevada e despesas financeiras elevadas ao longo de todo o ano [taxa Selic estável e inflação de 6% em 2023]”, explicaram os analistas do Credit Suisse, que detalharam:

Qualquer iniciativa de precificação potencialmente agressiva seria prejudicial às receitas em um cenário tão difícil e implicaria risco de queda em nossas estimativas.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Planilha-controle-de-gastos.png

Os especialistas do banco suíço acreditam que as ações da Vivo e da TIM estão sendo negociadas a um múltiplo de EV (valor de mercado)/Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) de 4 vezes em 2023, e 3,5 vezes em 2024.

As previsões do research suíço também contemplam um dividend yield de aproximadamente 7% e que os múltiplos dos negócios em 2024 irão convergir para cerca de quatro vezes ao longo desse período.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

O Credit Suisse também enxerga uma expansão robusta do fluxo de caixa de 30% para 2023, em comparação com 2022, e um crescimento moderado nas receitas.

Diante de uma perspectiva macro desfavorável e baixas expectativas para ações, acreditamos que as ações de telecomunicações são investimentos atraentes em 2023.

Vivo e TIM na bolsa

Após a divulgação do relatório, as ações da Vivo eram negociadas em alta de 1,98% por volta das 14h50, ao preço de R$ 37,16. Neste mês, segundo o Status Invest, as ações da Vivo acumulam alta de 2,12%. Os papéis da TIM encontravam-se em queda de 1,18%, ao preço de R$ 11,76. No mês, esses papéis registram uma queda de 1,84%.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/Ebook-Acoes-Desktop-1.jpg

Erick Matheus Nery

Compartilhe sua opinião