Vale (VALE3): após relatório de produção e vendas, BB-BI reduz preço-alvo para as ações

Em relatório sobre a Vale (VALE3) após a divulgação dos números de produção e vendas do 1T24, o BB Investimentos reduziu o preço-alvo para as ações ordinárias e ADRs da mineradora, mas manteve a recomendação de ‘compra’.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/06/Lead-Magnet-1420x240-3.png

Após a revisão de seu modelo financeiro, incorporando os dados do relatório de produção e vendas do 1T24 da Vale, bem como premissas atualizadas de preço de minério de ferro, metais, fretes e câmbio, o BB-BI reduziu o preço-alvo para R$ 80,00 (antes R$ 89,00) para VALE3 e as ADRs da Vale para US$ 16,00 (antes US$ 18,00).

O relatório de produção e vendas da Vale do 1T24 trouxe volumes em geral crescentes na comparação anual, mas abaixo das estimativas do BB-BI, com exceção apenas do volume de produção de minério de ferro, de 70,8 milhões de toneladas métricas (Mt), que foi 2,7% superior à projeção do banco e representa um crescimento anual de 6,1% – puxado pelo melhor desempenho na operação de S11D mesmo durante o período de chuvas e por maiores compras de terceiros.

A Vale também atualizou os preços de minério de ferro de US$ 115 por tonelada para US$ 103 por tonelada em 2024; US$ 103 por tonelada para US$ 92 por tonelada em 2025 e US$ 90 por tonelada para US$ 86 por tonelada em 2026.

O BB-BI listou alguns fatores de risco para a Vale:

  • atividade industrial global em ritmo mais lento que o esperado e expectativa de retomada na China não se concretizando, afetando a demanda de minério de ferro;
  • aumento na oferta de minério de ferro pelos principais produtores mundiais, desequilibrando a relação oferta e demanda;
  • novos eventos de rompimentos de barragem, passivos relacionados a Brumadinho ou Samarco e/ou perda de licenças que impactem as operações.

A companhia divulgará os resultados do 1T24 da Vale no próximo dia 24 de abril, após o fechamento do mercado.

Vale (VALE3): produção de minério de ferro sobe 6% no primeiro trimestre e chega a 70,8 milhões de toneladas

A Vale anunciou a produção de 70,8 milhões de toneladas métricas (Mt) de minério de ferro durante o primeiro trimestre de 2024 (1T24).

Conforme novo relatório operacional divulgado nesta semana, a produção de minério de ferro da Vale mostra uma queda de 20,8% em relação ao trimestre imediatamente anterior (4T23), mas uma alta de 6,1% na comparação com o primeiro trimestre de 2023 (1T23).

O aumento anual na produção da Vale é atribuído ao melhor desempenho operacional no S11D. Além disso, também impactou nesse resultado a “continuidade das iniciativas de confiabilidade dos ativos”, assim como maiores compras de terceiros.

A produção de pelotas da mineradora somou 8,5 milhões de toneladas métricas, com crescimento anual de 2%, impactada pelo aumento da “pellet feed” disponível.

Já as vendas de minério de ferro da Vale atingiram 63,8 milhões de toneladas métricas no primeiro trimestre de 2024, com aumento anual de 15%.

A Vale destacou um aumento considerável nas vendas durante o primeiro trimestre de 2024. No período, a empresa comercializou 63,826 milhões de toneladas da commodity, alta de 14,7% na comparação anual e queda de 29,3% no intervalo trimestral.

Segundo a Vale, o trimestre foi marcado por “vendas robustas de minério de ferro”, impulsionado pela melhoria consistente nas operações da commodity.

As vendas de finos da Vale atingiram 52,546 milhões de toneladas, aumento de 14,6% ante igual período do ano passado e retração de 32,5% na comparação sequencial.

Já as vendas de pelotas aumentaram 13,4% na comparação anual e diminuíram 10,3% no intervalo trimestral, para 9,225 milhões de toneladas, enquanto a produção de pelotas foi de 8,467 milhões de toneladas, aumento de 1,8%.

Desempenho das ações de Vale (VALE3)

No fechamento, as ações de Vale fecharam com alta de 0,37%, cotadas a R$ 62,44. No mês, os papéis sobem 2,48%, mas no ano, recuam 15,63%.

Cotação VALE3

Gráfico gerado em: 18/04/2024
1 Dia

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/Ebook-Acoes-Desktop.jpg

Giovanni Porfírio Jacomino

Compartilhe sua opinião