S&P 500 fecha em queda de 0,46%, apesar de falas otimistas de dirigentes do Fed

O S&P 500 fechou em baixa nesta quinta-feira (9), após oscilar perto da estabilidade durante grande parte do pregão. Investidores acompanharam as falas de dirigentes do Federal Reserve (Fed), após o Departamento do Trabalho dos EUA apontar redução acima do esperado nos pedidos de auxílio-desemprego no país na semana passada.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/05/1420x240-2.png

O índice Dow Jones caiu 0,43%, aos 34879,84 pontos, o S&P 500 recuou 0,46%, para 4493,32 pontos e o Nasdaq perdeu 0,25%, para 15248,25 pontos.

Na visão da Edward Moya, analista da Oanda, o S&P 500 não fará um grande movimento, “a menos que a inflação aqueça ou que a variante delta desacelere para que a economia possa retomar a reabertura”. Para o especialista, os pedidos de auxílio desemprego semanais indicaram uma continuidade na retomada, sinalizando que “as perspectivas para o mercado de trabalho continuam otimistas”.

Hoje, a diretora do Fed Michelle Bowman afirmou, segundo a Reuters, que continua “otimista com a expansão”, e que, se os dados chegarem como espera, “provavelmente será apropriado para nós começarmos o processo de reduzir nossas compras de ativos este ano”, avaliou a dirigente sobre o processo conhecido como “tapering”.

Bowman é outra dirigente no Fed que avalia o payroll de agosto como fraco. Diz ainda que o relatório não deve mudar os planos da autoridade monetária.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/05/Lead-Magnet-1420x240-4.png

Durante o dia, outros dirigentes do Fed discursaram: o presidente da distrital de Chicago, Charles Evans, afirmou que tem visto crescimento econômico “forte” nos Estados Unidos, mas ponderou que os desafios gerados pela pandemia de covid-19 ainda persistem.

Para o presidente do Fed de Atlanta, Raphael Bostic, a economia dos EUA se mantém numa “posição bastante forte” e a disseminação da variante delta da covid-19 não interrompeu ou reverteu a recuperação do país, ainda que tenha “definitivamente desacelerado o ritmo de progresso”. Acredita que o Fed conseguirá iniciar a gradual redução de suas compras de ativos ainda este ano, embora não espere que uma decisão a respeito seja tomada na reunião de política monetária de 21 e 22 de setembro.

Na contramão do mercado, as ações de aéreas tiveram fortes ganhos, em dia no qual revisaram suas perspectivas para o terceiro trimestre levando em conta o impacto da variante delta. American Airlines (AALL34), Delta Airlines (DEAI34) Jet Blue e United Airlines ajudaram a limitar as perdas.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2020/10/155de22d-relatorio-bdrs-2.0.png

As ações da Tencent e da NetEase ficaram pressionadas durante a sessão, depois que os reguladores relembraram as empresas da repressão contra o tempo de uso videogame para crianças na China, aponta Moya. Além do aperto mais recente de Pequim, a Cathie Woods Ark cortou drasticamente suas posições com empresas chinesas e está se concentrando em empresas aliadas do governo, segundo o analista.

“Os bolsos de Wall Street estão fugindo de investir com qualquer um relacionado à China e isso não pode ser bom para o apetite pelo risco”, conclui Moya.

As ações da Biogen (BIIB34) caíram 6,65%, em dia marcado por anúncios negativos sobre o polêmico medicamento contra Alzheimer da farmacêutica.

Cotação do S&P 500 na quarta (8)

Na última quarta-feira (8), o S&P 500 encerou em baixa 0,13%, a 4.514,07 pontos.

(Com Estadão Conteúdo)

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Controle-de-Investimentos.png

Arthur Guimarães

Compartilhe sua opinião